1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Proibido - Sasusaku >
  3. Sentimentos

História Amor Proibido - Sasusaku - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Sentimentos


Fanfic / Fanfiction Amor Proibido - Sasusaku - Capítulo 8 - Sentimentos

              Sakura on

 Ele me levou à um restaurante, foi muito bom, sem dúvidas. Conversamos bastante, até que decidimos ir embora. 

Sasuke parou na porta da minha casa. Eu o convidei pra entrar e o mesmo aceitou.

- Quero conhecer seu quarto.

- Idiota!  -respondi enquanto abria a porta da casa.

- Estou falando sério, Sakura.

- Vou pensar nisso, Sasuke.

Entramos e só estávamos eu e o Sasuke em casa.

- Pensei que morava com seus pais.

- Eu moro. Mas eles me falaram que passariam essa noite fora.

- Entendi. 

- Entendeu?  -fui subindo as escadas em direção ao meu quarto e o Sasuke me seguiu.

Entrei no quarto e ele logo em seguida entrou fechando a porta. 

Sasuke on

Me aproximei dela, coloquei a mão em seu rosto e a beijei. Nos separamos do beijo pela falta de ar, tirei minha camisa, Sakura olhou pra mim e disse:

- Sasuke. Eu não quero me apaixonar por você.

Comecei a beijar seu pescoço e falei:

- Por que não? Eu estou louco por você, Sakura.

- Minha prioridade não era me apaixonar e eu sinto que estou com alguns sentimentos por você.

- Eu posso esperar por você. Eu também tenho outras prioridades, mas eu sinto tanta vontade de poder te tocar e ouvir sua voz.

- Sasuke... Eu não sei...

Parei de beijá-la.

- Não sabe? Você me chamou aqui. Me trouxe até seu quarto.

- Eu quero fazer isso com você, também quero poder ouvir sua voz e te beijar. Mas tem alguma coisa em você que me incomoda.

Peguei minha camisa que havia jogado no chão e vesti. 

- Eu podia me declarar pra você agora, sinto que estou me apaixonando por você, mas se você não sente o mesmo é melhor eu ir embora.  -me virei indo até a porta.

- Sasuke!  -segurou minha mão.

Fiquei parado, de costas pra ela.

- Eu quero ficar com você.  -tirou sua blusa.

Me virei pra ela, vendo-a de sutiã e com a roupa de baixo.

- Você disse que algo te incomoda.

- Eu sei, mas eu preciso de você, preciso conversar com você, preciso do seus beijos e isso é só um detalhe, eu não deveria ter dito aquilo. Podemos resolver isso depois.  -se aproximou de mim.

Beijei a rosada novamente. Fomos pra cama e fiquei por cima dela. Ela parecia querer fazer aquilo logo, estava com vontade, e eu também. Ela mesma foi tirando o resto da sua roupa, ficando completamente nua. Aproveitei e tirei minhas roupas ficando na mesma situação que ela.

- Quero você pra sempre, Sakura. Mesmo que ainda não te ame por completo, sinto que você é a mulher que eu quero.

- Eu também.  -me beijou e me fez ficar por baixo dela.

Colocou sua boca em minha intimidade, e fez movimentos, me fazendo gemer, e antes que chagasse em meu ápice, parou. Não sei o que aconteceu com ela, mas estava me deixando ainda mais louco, tomando o controle daquela forma. 

Puxei seu corpo tocando o meu, deixando um espaço, no qual tocava seu seio com minha mão, fiquei por cima dela. Sakura havia me deixado com tanta vontade que só pensava em colocar minha intimidade na dela.

- Sasuke. Eu to excitada demais, por fav...

Antes dela terminar de falar, me encaixei em sua intimidade, deixando suas pernas envolvendo minha cintura, comecei a fazer movimentos de vai e vem. Sakura gemia alto. Coloquei minha mão em cima da dela, que apertava o lençol da cama. 

Transamos um tempo e logo chegamos ao extremo juntos. Me deitei ao seu lado, olhando pro seu rosto tão perfeito.

- Você é incrível.  -a rosada falou.

- Você também. Eu podia ter feito melhor se não estivesse com tanta vontade.

- Droga! Sasuke!

- O que foi?

- A c-camisinha. Você não colocou.

- E-Eu não coloquei! Eu esqueci. Droga. -me levantei ficando sentado na cama.

- Eu também não lembrei. Desculpa.

Voltei a deitar olhando pra ela e sorri.

- Por que ta rindo? Isso é sério.

- Não precisa se desculpar, a culpa foi minha, não prestei atenção. Mas eu ficaria feliz de ter um filho seu.

Ela sorriu pra mim. Toquei seu rosto, e a beijei.

Ficamos um tempo ali, deitados. Conversamos um pouco e me despedi da rosada, já que tinha que ir embora.



Notas Finais


👀👀👀👀


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...