História Amor Proibido - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Lendas Urbanas, Mitologia Brasileira
Personagens Personagens Originais
Visualizações 11
Palavras 605
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 29 - Surpesas da escuridão parte 2


- LUCCA!!!- ele começa a ri e se senta do meu lado

Lc- adoro provocar você…

- mas eu não gostei… e não quero que faça isso de novo

Lc- então, o que você que fazer agora?- ele me olha esperando a resposta 

- não sei, eu só quero sai dessa ilha… o que você quer fazer?- ele me olha com malícia

Lc- você quer mesmo saber?- confirmo com a cabeça- bom, o que eu quero é…- ele coloca a mão em minha perna e fica alisando- é me proveitar de você- fico vermelha e tira a mão dele de minha perna

- você só pensa em fazer isso? E pensar em sai daqui nada

Lc- olha você só sabe fala em sai daqui, se for conversar com você tem que fala em uma saida que não existe, amor nós estamos presos aqui e ninguém vai nos tira daqui

- sempre há um jeito de sai dos lugares é só procurar…- ele fica me olhando com raiva

Lc- então vamos fica rodando essa ilha até achar uma abertura, em que nós possamos sair… anjinha isso é loucura

- loucura por que? Nós vamos consegui sai daqui

Lc- loucura por que não tem saida daqui… aquele cara nos colocou aqui para que um mate o outro, e olha pelo lado bem… eu não quero te mata

- nossa… você ten certeza de que é um demônio? Por que me disseram que demônios matam anjos a sangue frio, mas você não quer… então, que tal do demônio bonzinho como você me conte a sua vida para passas o tempo mais rápido

Lc- mas como o ditado sempre dis, primeiro as damas- ficamos conversando um pouco mas os assuntos dele sempre ficava puchando para o lado do sexo, mas ele não disse o nome da sua primeira namorada ou coisa do tipo

- mas… você namoro tantas vezes e não lembra do nome de nenhuma delas?

Lc- nenhuma delas me agradava, elas sempre queriam se aproveitar de mim, nunca foi amor de verdade… e sinseramente, eu não acredito mais no amor verdadeiro

- nossa, a unica coisa que deixa você se sentir uma pessoa especial é saber amar, e dar amor…

Lc- então, quer me dar amor?- ele ri

- não… por que tudo com você rola em torno do prazer?

Lc- há, você sabe, sem prazer não tem amor

- e como você sabe disso, se não acredita no amor?- ele me olha mas engole palavras

Lc- é que sentir amor pode nos deixar vuneraves a sentimentos horríveis que prejudicam o nosso desempenho, e não sentir nada te deixaria na zona do neutro, então é por isso que eu gosto de sentir prazer pra não ser um neutro na vida… e você, é uma neutra ou tem "sentimentos"- ele faz gestos com as mãos

- bem eu nem sei o que é ser neutra nisso tudo, mas eu tenho centímentos sabe, anjos são obrigados a demonstrar seus sentímentos enquanto protege algum humano, mas já que eu não estou vinculada a nenhum humano ainda então não vou mostrar os meus sentímentos pra um demônio- ele da risada depois tenta me abraçar mas eu evito

Lc- há qual é amor…

- da última vez que tento me abraça eu quase morri

Lc- ué, você mesma que me disse que mostrar os sentímentos séria bom, mesmo eu não tendo nenhum- dou risada mas saio de perto dele ficando ao lado da janela, olho para fora e vejo que já estava de noite

Fico surpresa em ver como o tempo passou, tento dizer alguma coisa a Lucca mas ele tampa minha boca com sua mão e fazendo sinal de silêncio com a outra

Lc- fique quieta, eu acho que ouvi alguma coisa- ele diz baixinho quase susurando…



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...