História Amor proibido - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 8
Palavras 705
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Capítulo 05


Passei o dia todo fora, só cheguei a noite e Jimin tinha feito o jantar, parei perto da mesa e o olhei.

— O que foi ? – Ele diz me olhando com dois copos na mão

— Alguém vem jantar aqui?

— Não – Ele diz colocando os copos na mesa – Deve estar perguntando porque a mesa está arrumada né? Eu quis fazer isso pra gente.

— Pra gente ? – comecei a rir

— Vamos viver juntos por um bom tempo, pelo menos vamos tentar ter uma relação boa.

— Não era pra você estar com alguma amante?

O mesmo suspira e vem em minha direção, Park me empurra na parede e fica na minha frente.

— Vamos parar de brigas – Ele diz me olhando

— Me solta – o mesmo coloca os braços em minha volta – Eu disse pra você me soltar.

— Você é muito barulhenta

— Sai de. – ele não deixa eu terminar de falar e sela nossos labios, sua mão vai para minha cintura e o empurro e passo a mão na boca – Nao faça isso nunca mais, eu não gosto de você

Fui pro quarto, entrei no banheiro e fui tomar um banho de banheira.

Porque ele me beijou? Ele nunca gostou de ficar muito perto de mim, o mesmo tinha uma namoradinha quando tivemos que se casar. Única pessoa que eu quero ver de novo é Taehyung.

Tio Jin tinha chegado, estava na cozinha fazendo nossa jantar, e Jungkook jogando videogame. Era a hora perfeita de fazer algumas perguntas.

— Então Jin – Me sentei em uma cadeira – Você trabalha com alguma mulher que eu não conheça?

— Solteira ? – Concordo – acho que nao.

— Eu estava perto da empresa ontem, e vi uma mulher bem linda entrando lá, queria saber o nome dela

— Hum, acho que já sei de quem você está falando – Ele diz tirando a panela do fogão – a moça é a S/n

— Ela mora onde? Trabalha pra você a quanto tempo? Não é casada né?

— Quantas perguntas Taehyung – Ele revirou os olhos – ela trabalha comigo faz alguns anos já, é a melhor pessoa que já coloquei pra trabalhar na empresa.

— Ela não é casada né?

— Isso é um assunto complicado dela – Ele passa a mão pelo cabelo – Acho melhor você parar por aqui.

— Me conta – Perguntei curioso – Não vou dizer nada

— Jungkook venha comer – Ele grita – Chega Tae! Voces já se falaram?

— Vamos comer tio Jin – Sorri e o mesmo me olha bravo

No dia seguinte, acordei com Jimin berrando do outro lado da porta.

— O que você quer – Gritei ainda deitada

— Vou trabalhar, tenho um novo sócio pra assinar contrato

— Outro sócio que só quer fazer contato com você, graças a mim

E assim Jimin foi trabalhar, até iria voltar a dormir mas Jin me ligou, dizendo que nos tinha uma reunião.

Tomei um banho rápido, me arrumei e peguei um café. Fui para empresa, Estacionei o carro e sai andando até esbarrar em alguém.

— Desculpa moça – Ouvi sua voz de anjo, olhei para sua carinha que agora tinha um sorriso – Noona

— Jeon Jungkook – Beijei sua bochecha – O que está fazendo aqui?

— Meu irmão foi pra empresa dos nossos pais, e resolvi vim ver meu tio Jin – Ele sorri e engasgo, como assim Tio? Taehyung e Jin eram parentes, não acredito.

Subi com Jeon, o mesmo me contou várias coisas, ele gostava de animes, games e várias outras coisas.

— S/n – Jin sorriu – Sua mãe acabou de me ligar perguntando se você tinha chegado Kook

— Seu sobrinho é muito fofo – Sorri e apertei a bochecha de Jeon e o mesmo reclama

— Puxou ao tio – Jin diz e Jeon Revira os olhos – agora venha, temos uma reunião S/n, e você Jungkook fique quieto e não mexa em nada.

O mesmo concorda e vai em direção de uma sala que tinha algumas máquinas de doces.

Assim que a reunião acabou, me despedi de Jin e Jungkook e fui até o meu carro. Acabei esbarrando em alguém e quase fui ao chão se não fosse pela pessoa que me segurou.

— Toda hora você, acho que é o destino – a pessoa diz no meu ouvido e só pela voz era ele, Kim Taehyung. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...