História Amor proibido (imagine Jeon Jungkook) - Capítulo 39


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Kpop, Namjin, Yoonseok
Visualizações 77
Palavras 2.448
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii pessoal segue mais um caio da fic, eu juro que tentei postar mais cedo mas eu não consegui espero que vocês gostem e boa leitura😘

Capítulo 39 - Dormindo fora


Fanfic / Fanfiction Amor proibido (imagine Jeon Jungkook) - Capítulo 39 - Dormindo fora

Depois da minha conversa com o papai ontem eu tive mais confiança neles e da próxima vez que algo importante acontecer espero que possa contar com ele. 

-Eunjoo o Eunseok está aqui?

-Já vou! – termino de colocar o meu uniforme e desço para ir com o Eunseok.

-Espero que você faça a Eunjoo feliz.

-Eu prometo que vou- meu pai está pensando no meu bem, mas eu sei que ele gosta muito do Eunseok.

-Vamos.

-Claro- ele pega na minha mão e eu fico corada pela atitude do meu namorado.

-A Eunjoo... – aquele peste vai se ver comigo, ainda bem que a mamãe colocou a mão na boca dele antes que fale alguma merda.

-Ainda bem que os seus pais aprovaram o nosso namoro, eu não gostaria de ficar namorando escondido.

-E porque não?

-Porque eu não poderia fazer algumas coisas com essa com você- ele olha para as nossas mãos.

 

 

 

 

 

Quebra de tempo

 

 

 

 

 

-Eunjoo finalmente seus pais sabem sobre o seu namoro, e o que aconteceu eles aprovaram?

-Na verdade eles...

-Não me diga nada vocês vão continuar namorando escondido.

-Claro que não eles aprovaram o nosso namoro.

-Sério, eu fico muito feliz por você amiga.

-TODOS SENTADOS.

-Obrigada.

-JEON EUNJOO SEM CONVERSAR.

-Me desculpa professora- essa é a professara Song e ela é legal quando quer e chata toda a hora tipo “A princesa e a ervilha”.

-Hoje crianças eu tenho uma ótima notícia para todos- eu não disse- iremos todos amanhã acampar em uma nova cidade em uma área rural e a melhor parte a tecnologia não funciona.

-NÃO PROFESSORA.

-E vocês não tem escolha de não ir, se os seus pais não aprovaram teremos que automaticamente retirar nota de vocês.

-PROFESSORA ISSO É MUITO INJUSTO.

-Adoro essas coisas meus queridos alunos- lá vem a falsidade da professora- aqui está a autorização para vocês entregarem para seus pais- ela começa a distribuir folhetos para todos os alunos- amanhã quando vocês vierem para a aula quero ver essas autorizações assinadas e tratem de trazer os equipamentos para vocês dormirem, eu vou ser boazinha com vocês e reservei quartos e amanhã mesmo será informado quem será o seu ou a sua colega de quarto. 

Talvez não seja tão ruim dormir fora em um lugar que nem conhecemos, podemos conhecer novos lugares e ainda estaremos com os nossos amigos. 

 

 

 

 

 

 

Quebra de tempo

 

 

 

 

 

 

-Mãe pai cheguei. 

-Como foi na escola hoje Eunjoo?

-Foi legal, mas vocês têm que assinar isso para a minha viagem repentina com a escola.

-O que é isso? – papai pega o papel da minha mão e começa a ler o que está escrito- essa tal viaje é amanhã!

-Sim, a minha professora é muito louca e quis nos avisar hoje em vez de um bom tempo antes.

-É melhor você ir, é uma nova aventura você não concorda s/n?

-Claro amor, vai ser bom para você Eunjoo- eles começam a assinar, juro que eles não iriam assinar isso de cara e eu teria que ficar insistido para eles assinarem a tarde inteira até de manhãzinha.

-Obrigada eu acho... bom eu acho que vou começar a arrumar as minhas coisas para essa viagem sem tecnologia.

Fui até o meu quarto após comer e comecei a procurar coisas necessárias para um lugar no meio do mato, como repelente, lanterna, comida, bebida, shampoo, condicionador, sabonete, cremes, protetor solar e muitas outras coisas necessárias, o melhor de tudo é que iremos ficar em “casas” em vez de barracas não irei dormir com os mosquitos. A minha única preocupação é com quem eu irei cair para passar a noite.

Quando terminei de arrumar as minhas coisas a Mina havia acabado de chegar aqui em casa, pois já que amanhã vamos ter a tal viajem nada melhor do que ter uma noite das meninas e uma noite de beleza só nos duas e mais ninguém, talvez o enxerido do meu irmão nos atrapalhe, meu pai muito improvável e minha talvez ela nos atrapalhe na hora de trazer algum lanche para nós.

-Mina vem eu preparei algumas coisas.

-Com licença, já estou indo- ela vem em minha direção e eu pego a sua bagagem abrindo a porta do Mem quarto para ela entrar.

-Mãe, por favor, a gente não quer ser incomodadas, principalmente por alguém- olho fixamente para o Yongsuk.

-Eu prometo que não vou te atrapalhar.

-Está bem- fecho a porta- bom por onde você quer começar.

-Que tal com a pele.

-Pode ser- sento na cama- eu separei alguns produtos que podemos usar e alguns para levar- aponto para a minha penteadeira cheia de produtos para serem usados.

-Então borá começar.

Eunjoo off

S/n on:

Já faz algumas horas desde que a Mina chegou, e eu acho que elas devem estar com fome, é melhor eu preparar um lanchinho para elas.

-S/n o que você está fazendo? – dei um grito por ter sido pega de surpresa.

-Ai que susto Jungkook, você quer me matar do coração.

-Claro que não eu prefiro de matar de outro jeito.

-E eu prefiro não saber o que é o que você veio fazer aqui na cozinha.

-Eu estava com fome e vi você preparando algo- ele tenta pegar o que estava na bandeja.

-Não é para você comer, é para as meninas- eu bato em sua mão.

-Mesmo assim não foi por isso que eu vim- ele rouba uma uva e vai para trás do balcão- você sabia que o Tae vai voltar de viajem daqui alguns dias.

-Sério como você ficou sabendo?

-Ele acabou de mandar uma mensagem no grupo falando quando irá voltar e quando ele voltar ele quer se encontrar com agente na casa dele.

-Tipo umas boas vindas de volta.

-Sim- ele fica encarando o prato com as uvas.

-Nem pense nisso, tem mais na geladeira por que você não pega lá.

-Eu estou com muita preguiça de lavar, e essas já estão no jeito.

-Se você levar isso, sem comer, para as meninas eu preparo algo para agente comer

-Trato feito- o kookie foi levar o lanche para as meninas e eu preparei alguns sanduiches e frutas para comermos- pronto, mas acho que elas estão ocupadas de mais para comerem agora.

-Sem problemas, mas pelo menos a comida está lá e é algo saudável.

-Já posso comer?

-Vai chamar o Yongsuk primeiro.

-YONGSUK VEM COMER.

-JÁ VOU PAI.

-Se fosse para gritar eu teria gritado- (au: a minha mãe fala a mesma coisa para mim quando eu tenho que chamar uma pessoa e acabo gritando) assim que o meu bebê chegou nós começamos a comer.

S/n off

Eunjoo on:

Eu e Mina estávamos conversando quando eu escuto alguém bater na porta, na hora paramos de falar para que não soubessem sobre o assunto.

-Posso entrar- principalmente o meu pai.

-Claro pai, o que foi?

-Sua mãe me pediu para trazer isso para vocês duas- ele me entrega uma bandeja com frutas, sucos e sanduiches.

-Obrigada, pode ir.

-Calma já estou indo embora, não precisa me expulsar- ele sai e fecha a porta me levanto só para garantir que ele não esteja atrás da porta escutando a nossa conversa.

-Pronto ele já foi.

-Mas amiga eu estava falando sério- a Mina havia falado para eu ficar com o Eunseok amanhã à noite, na hora em que todos estão dormindo ai eles acordam com os meus gritos e nos ficamos encrencados por conta disso.

-E se todos escutarem ai ferrou.

-Puta que pariu Eunjoo é só você não gemer muito simples.

-É porque você está falando e nunca fez isso- ela vira a cara para o lado- não me diga que você já fez isso.

-Honestamente sim e na sala do zelador.

-Foi no colégio!

-Sim, ele já não está mais no colégio e não consigo lembrar o nome dele.

-Meu deus Mina eu não achei que você fosse esse tipo de garota.

-Minha fia você não viu nada.

-Tenho medo do que posso descobrir.

-YONGSUK VEM COMER- ouço meu pai gritando e recebendo uma bronca da minha mãe.

-Meu pai está levando uma bronca- demos risadas e começamos a comer- acho que já está na hora de tirar essas mascaras.

-Também acho, depois de tomarmos banho vamos colocar as de dormir- fomos tomar banho e assim que terminamos de nos trocar retiramos as máscaras da embalagem e colocamos em nossos rostos e fomos dormir.

 

 

Quebra de tempo

 

 

 

 

-TODOS A BORDO DO ÔNIBUS QUEM FICAR DE FORA NÃO ENTRARÁ E PERDERÁ NOTA- como sempre minha professora sendo chata, depois que todos entraram e se acomodaram em seus devidos lugares o ônibus deu a partida e seguimos viajem ainda bem que todos vieram- assim que chegarmos à floresta seus celulares serão guardados com os professores.

-NÃO ISSO NÃO.

-Qual é professora deixa a gente ficar com eles.

-Não, e depois que comermos irmos dizer quem fica com quem nos quartos, pois iremos chegar ao anoitecer então vocês podem relaxar.

-Vamos todos cantar.

-Geu soneul naemireojwo save me save me I need your love before I fall, fall…

Quando chegamos ao nosso lugar de destino paramos de cantar. Estavam todos feliz, já os professores não posso dizer o mesmo, pois tiveram que aquentar agente cantando k-pop a viajem inteira alguns gostaram mas a prof. Song não posso dizer que ela estava curtindo, pois foi a primeira a descer do ônibus assim que chegamos.

-Até que enfim eles param de cantar.

-Todos juntos tteonaji ma just stay jigeum i siganeul meomchun chae neowa hamkkelamyeon nan I could die in this moment Forever young Forever young blackpink it’s the revolution Forever young Forever young…   

-Essa cantoria nunca mais vai acabar- ela coloca as mãos nos ouvidos e começa caminhar até os donos do estabelecimento chegarem, ai nós paramos de cantar.

-Bem vindos ao nosso acampamento na floresta (au: eu tava sem ideias para colocar um nome no lugar em que eles foram), a mesa já está servida venham com agente- eles nos acompanharam até um lugar grande com uma bela vista para uma lagoa e na mesa havia muitas variedades de comidas e principalmente havia o meu preto preferido Deung Galbi (costelinhas mergulhadas em uma frigideira de queijo derretido) - espero que estejam ao paladar de todos.

-Está sim, obrigada- todos nós falamos ao mesmo se curvando e agradecendo pela comida.

 

 

 

Quebra de tempo

 

 

 

-Agora que todos já comeram nós vamos falar os seus quartos e colegas, Mina e Taeyeon, Hyuna e Joy... e por fim Eunjoo e Eunseok- pelo menos é alguém que eu gosto, mas não se deve colocar um menino e uma menina em um mesmo quarto principalmente se eles forem namorados algo ruim pode acontecer.

-Vem amor, eu levo as suas coisas.

-Não precisa eu levo- ele não me escuta e apenas pega as minhas malas.

Eu abro a porta do nosso quarto e vejo que é uma cama de casal está explicado porque nos colocaram juntos, Eunseok deixa as nossas coisas em um canto qualquer do quarto.

-Pelo visto hoje vai ser a nossa primeira noite dormindo juntos- espero que seja no sentido de apenas dormir juntos em uma noite qualquer como pessoas normais e não como a Mina falou, pelo amor de Deus eu espero que isso não aconteça eu acho que não estaria prepara para isso.

-Eu acho que sim- cara de quem tá com medo agora- acho que vou tomar banho primeiro.

-Ok- pego as minhas coisas e vou para dentro, trancando a porta, pois nunca se sabe o que pode acontecer se aquela porta estiver aberta tenho altos medos.

-Pronto o banheiro está livre você pode tomar banho- eu não queria falar nada, mas só um pequeno detalhe o Eunseok está sem a camisa dele e que belo namorado que eu tenho chupa garotas eu tenho o melhor namorado do mundo.

-Eunjoo você está no planeta terra.

-Que eu estava boiando você disse alguma coisa.

-Não esqueça.

Eunjoo off

Eunseok on:

Talvez essa seja a hora, mas acho que a Eunjoo não deve estar preparada eu terei que aquentar isso por quanto mais tempo meu deus, sabe eu fico muito hesitado de ver ela de roupa curta imagina ela só de calcinha e sutiã para de pensar nisso Eunseok ou seu pau irá ficar para cima e você não quer isso.

-Pronto o banheiro está livre você pode tomar banho- nossa como ela fica linda nesse pijama.

-Sabe Eunjoo eu não sei você, mas já faz 2 anos que e.... – eu acho que ela não deve estar me escutando- Eunjoo você está no planeta terra.

-Que eu estava boiando você disse alguma coisa?

-Não esqueça, eu vou tomar banho.

Assim que eu entro no chuveiro deixo a água quente cair sobre o meu corpo e fico pensando se devo ou não fazer isso, eu quero muito, porém tenho que pensar na Eunjoo também isso é uma situação muito complicada para mim se apenas um sinal eu conseguisse decidir o que devo fazer eu estaria muito grato.

-Você ainda vai usar o banheiro, senão eu vou apagar a luz.

-Pode apagar eu já acabei- ela está passando alguns cremes em sua face e eu fiquei apenas observando- tem algo no meu rosto?

-Não fique tranquila o seu rosto está perfeito, eu só estava observando a sua beleza- ela ficou coradinha com o que falei e achei-a muito fofinha a sua reação com o meu elogio, eu caminho em sua direção e deito a seu lado e ela se vira ficando de frente para mim.

Coloco uma mecha do seu cabelo para trás e acaricio as suas bochechas, e acabo que não consigo me segurar e agarro seus lábios rosados entre os meus dentes dando início a um beijo rápido, mas suave. Vou deitando-a na cama ficando por cima, paramos o beijo por falta de ar.

-Agente não devia... – coloco meus dedos em seus lábios fazendo com que ela não fale mais nada.

-Você confia em mim- ela balança a cabeça em afirmação, volto a beijar aquela boca só que desta vez com a ajuda das minhas mãos e começo a tirar toda a sua roupa dando me a visão completa do seu belo corço, e a mesma entra em minha jogada e começa tirar as minhas peças de roupa.

-Fique quietinha- eu começo a distribuir beijos em seu corpo e volto para seu pescoço dando leves e delicados beijos, como era a primeira vez dos dois não queria me apresar e nem machuca-la.

 Então comecei indo de vagar e depois acelerando conforme ela se acostumava, até que nossos ápices foram atingidos e caímos deitados na cama dominados pela exaustão, só espero que ninguém tenha ouvido agente transando principalmente os professores se não agente estaria muito encrencados. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Continua...


Notas Finais


Eu sei que o final ficou meio bosta mas queria postar hoje então foi assim mesmo.
Até o próximo cap.
안녕👋🏻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...