História Amor Proibido (imagine Jimin) (Incesto) (Hot) - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXID, Neo Culture Technology (NCT), Red Velvet, Super Junior, TWICE
Personagens Hani, Jeon Jeongguk (Jungkook), Johnny, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lucas, Mark, Min Yoongi (Suga), Momo, Park Jimin (Jimin), Taeyong, Ten, Wendy, Winwin, Yuta
Tags Bts, Ecchi, Hentai, Incesto, Mistério, Nct, Psicológico, Romance, Suspense, Twice
Visualizações 342
Palavras 2.203
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Comédia, Crossover, Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Seinen, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem amores ❤



Boa madrugada 💜



Para quem não conhece esse é o Heechul 🐍na capa

Capítulo 21 - O passado de Kristal


Fanfic / Fanfiction Amor Proibido (imagine Jimin) (Incesto) (Hot) - Capítulo 21 - O passado de Kristal

Meus pais chegaram de madrugada , eu e Jimin fingimos ser dois "Anjos" , dormimos a abraçados , eu fingi dormir , nossa mãe abriu lentamente a porta de meu quarto e logo fechou , sem desconfiar de   nada .

 

    Heechul , o homem cobra , me dissera que eu era idêntica a minha mãe biológica Kristal , eu não tinha nenhuma foto dela , por incrível que pareça , eu era pequena quando minha mãe morreu , então não tenho mais lembranças dela , amanhã vou pedir uma foto da Kristal , para meu pai , e aproveitar perguntar o que ele sabe sobre esse Heechul ! 

 

     Agora vou dormir , sinto as mãos de Jimin em volta de minha cintura , ele dorme como um bebê , só de pensar na beleza desse homem , eu quase tenho um ataque cardíaco .

 

    


                         ( ... ) 
      

 


      O dia amanheceu , Jimin e eu já estávamos tomando café com nossos pais , depois que todos terminassem o café , eu iria perguntar mais sobre o passado de minha mãe Kristal , eu queria descubro mais sobre ela e seu mistérioso passado , e sua ligação com Heechul .

 

      Todos já haviam terminado , lavei a louça do café , e fui até meu pai , sentei ao seu lado no sofá , era raro ele não estar trabalhando , e ele tinha um trabalho estressante , era um neurocirurgião , mas ele sempre estava de bom humor . Tomei coragem , resperei fundo :

 

   ( S/n ) : Quanto tempo que não ficamos a sós não é mesmo Pai ! 

 


   ( S/p ) : Mesmo Filha , eu quase nunca estou em casa e você não larga do Jimin ( ele falou de uma maneira divertida ) .


   Sinal que estava de bom  humor , vou ser franca e direta , com ele , estou louca para saber das tretas do passado da minha família , eu preciso conhecer esse passado esquecido .

 


   ( S/n ) : Ontem eu saí com Jimin e a Mamãe , conhecer seu trabalho e tudo mais , e lá estava um amigo dela , que disse que conheceu minha mãe biológica Kristal , ele contou que ela foi uma modelo de sucesso aqui na Coréia , e também que eu sou idêntica a ela , eu queria uma foto da minha mãe biológica , quero saber mais dela ... ( Eu coloquei a minha mão em meu coração e olhei nos olhos de meu pai ) .

 

   Ele logo estava com seus olhos cheios de lágrimas , lembrar de Kristal trazia lembranças sofridas a ele , logo um médico perder sua esposa por uma doença , mesmo não sendo culpa dele , ele se culpou por um bom tempo , Na Hee recentemente viúva , o  ajudou a voltar a sorrir , e nossa família se uniu entre suas perdas .

 


   ( S/P ) : Bem S/n ... Eu não gosto de falar nesse assunto tenho muitas lembranças tristes , mas sua mãe foi uma linda mulher forte e apaixonante , eu me apaixonei por ela , quando vi uma foto sua em uma revista de moda , então eu corri de atrás , e a conquistei , tivemos um imprevisto aqui na Coréia , resolvemos que era melhor voltar para o Brasil , eu tenho uma foto dela numa caixa no meu escritório , ela é sua agora , realmente você é a cópia perfeita da Kristal , até a personalidade , tem traços idênticos . E como se chama , esse tal amigo de sua mãe Kristal ? 

 

   ( S/n ) : Ele de chama Kim Heechul ! ( Meu fez uma expressão de negação ao ouviu esse nome ) .

 

   ( S/p ) : Kim Heechul ... Não é possível , S/n , escute seu pai esse homem não é flor que se cheire , fique longe dele ! ( Seu tom agora era alto , Heechul não era bem visto pelo meu pai ) .

 

   ( S/n ) : Mais Papai , ele era um amigo da Kristal , e ele trabalha com a mamãe Na Hee , eu acho ... ( Ele me interrompeu , saindo da sala me deixando sozinha ) .

 

    Esse nome realmente mecheu com meu Pai , que na maioria das vezes era um homem   calmo , ele mudou da água pro vinho em poucos segundos , e me mandou ficar longe de Heechul , eu confesso que senti algo sinistro vindo de Heechul , mas ele parecia ter conhecido muito bem minha mãe   biológica .


    Fui lentamente até o escritório de meu pai , eu ainda estava abalada com a reação do mesmo , abri uma caixa de fotografias antigas , havia até poeira , peguei um álbum escrito Kristal , deve ser esse mesmo , abri a capa do álbum e me deparei com a suposta foto de minha mãe , eu era a cópia perfeita dela , tudo era igual , chegava a ser assustador . Sentei no chão encarando a   foto , eu preciso saber mais sobre você Kristal !

 

    Fui até meu quarto , e deitei na cama encarando a foto , estava escrito em coreano te amarei eternamente Kristal , mas não parecia ser a letra de meu pai , isso era um pouco estranho ...

 

   ( Jimin ) : E essa foto sua S/n , parece uma foto antiga ...

 

  ( S/n ) : Aí que susto Jimim , você surgiu do nada . E essa não sou eu , é a minha mãe biológica Kristal , Heechul tinha razão nós somos mesmo parecidas ...

 

  Jimin puxou a foto de minha mão e analisou , eu e a foto , ele olhou surpreso :

 

  ( Jimin ) : Nossa , agora sei de quem você puxou sua beleza , minha sogra  mesmo bonita ...

 

  ( S/n ) : Meu pai nunca , contou esse detalhe da vida da minha mãe , se Heechul não falasse sobre ela , eu não teria nenhum constrangimento da Kristal , parece que aconteceu algo no passado que meu pai tenta esquecer . Meu pai parece ter um ódio mortal só de escultar o nome Kim Heechul ...

 

   
      ( Jimin ) : Nosso pai tem toda razão , eu não sei o que aconteceu no passado de sua mãe , mas esse Heechul não vale nada , eu tenho certeza disso , é melhor você ficar longe dele , esse cara não é confiável .
( Jimin falava com ódio de Heechul , parecia o nosso pai falando ) .

 

    Eu abracei Jimin e lhe beijei , seu corpo estava quente , ele fechou os olhos e lhe depositei um beijo em seu pescoço , minhas mãos passavam pelo seu ABS definido , seu sorriso logo apareceu , suas mãos acariciavam meu corpo , indo em direção a minha bunda , nosso beijo ganhava intensidade , paramos por falta de ar e para que ninguém nos visse , nossos pais estão em casa , poderiam nos pegar de surpresa e ver  tudo .

 


     Eu estava obstinada a saber mais sobre Kristal , quem ela realmente foi e o que Heechul teve com ela ? 

 

 

         


               Sexta - Feira 

 

    A semana no colégio foi pesada , nosso retorno das férias do acampamento , vieram acompanhadas de um bombardeio de provas , a puta do Taeyong nem me incomodou , ele sabia que eu não estava de brincadeira . Mostrei a foto de minha mãe biológica para Momo e Hani , elas ficaram chocadas com a  imagem .

 

     Uma semana se passou desde do dia que vi Heechul , e a ligação dele e de Kristal não saíram da minha cabeça , eu precisava conhecer esse passado , saber quais segredos podiam estar ocultos .

 


      Era sexta feira a tarde , Jimin foi jogar vídeo game , com Jungkook e Suga , provavelmente só chegaria a noite , meu pai estava de  plantão no hospital , minha mãe estava indo ao seu trabalho , ela tinha uns assuntos pendentes , uma proposta de uma nova campanha , eu resolvi ir junto com ela e tentar conversar com Heechul .

 

     No carro , minha mãe dirigia com calma , eu resolvi puchar conversa :

 

 

     ( S/n ) : Mãe , desde quando você conhece o Heechul ? 

 

    ( S/M ) : Eu o conheço a quase dez anos , quando vocês tinham oito anos , eu comecei a trabalhar nessa agência , Heechul era fotógrafo , um dos mais famosos de Seul , logo fiz amizade com ele , o mesmo tinha uma personalidade carismática , você e Jimin tinham oito anos . Um dia Heechul foi até em casa jantar , ele pegou você no colo e começou a brincar ,  tudo estava indo  bem , seu pai chegou exausto do trabalho , seu olhos quando viram , Heechul com você no colo , pegaram fogo , ele o expulsou e proibiu de frequentar nossa casa  , seu pai nunca revelou o motivo , disso tudo . 

 


    ( S/n ) : Nossa meu pai deve odiar mesmo esse Heechul ( e porque todo esse mistério ) .

 

        Chegamos no prédio , era aproximadamente seis horas , mamãe subiu no décimo oitavo andar e entrou em uma sala , eu resolvi andar até o estúdio de fotografia de Heechul , eu tinha que procurar respostas concretas por mim mesma .

 

    Entrei no estúdio , mas não havia ninguém , dei meia volta e esbarrei em alguém : 

 

   ( S/n ) : Desculpa , foi sem querer ... ( Eu ergui minha cabeça e era Heechul ) .

 

   ( Heechul ) : Olá  S/n , vejo que resolveu voltar , eu fiquei esperando , você me ligar a semana inteira , mas estou feliz que está aqui agora , por favor , vamos tomar um chá comigo no meu escritório ( seu sorriso de satisfação era evidente ) .

 


   ( S/n ) : Tudo bem ... 

 

   Ele abriu a porta de seu escritório , e preparou duas xícaras de chá , de morango  , eu amava esse sabor .

 

    ( Heechul ) : Gostou do chá ? Eu só preparo esse sabor para pessoas especiais , e você é uma delas pequena S/n ... Como vocês são parecidas , a cópia perfeita da Kristal ... ( Seu olhar era de satisfação ) .

 

   ( S/n ) : Obrigada pelo chá , eu vim porque gostaria de saber mais sobre minha mãe , eu sei tão pouco sobre ela , você parece ter a conhecido muito bem ...

 


   ( Heechul ) : Ah sim , Kristal era alguem muito especial , para   mim ...  Ela tinha dezessete anos quando veio para Seul , era tão bela e encantadora , sua personalidade forte era seu maior charme , criamos uma forte ligação e eu fui o primeiro namorado de sua mãe .

 

  ( S/n ) : Você namorou com a minha mãe !  ( Aquilo me pegou de surpresa ) .

 

   ( Heechul ) : Eu tive uma intensa paixão , tivemos nossos altos e baixos , mas seu pai apareceu e tomou a Kristal de mim ...desde então seu pai me odeia , pelo fato de eu ter namorado com sua mãe , eu que deveria odiar ele , não acha ? 

 


   ( S/n ) : Meu pai , tirou minha mãe de você , por isso ele o odeia ? Ele não me contou nada sobre isso , na verdade eu só tenho essa foto de minha mãe ( eu mostrei a foto ) .

 

  ( Heechul ) : Eu me lembro dessa foto , foi eu quem tirei , ela estava indo para o Brasil , eu a dei de recordação , "Te amarei para sempre Kristal " , essa é minha letra ... Como vocês são exatamente iguais ( seu olhar intenso , era como o caçador olhando sua presa ) .


   ( Heechul ) : Eu tenho um   book , de fotos só da sua mãe , veja S/n ( ele me mostrou o book , cada foto era bela , minha mãe sabia como se portar em frente as câmeras ) .


   
    Eu fiquei empolgada , olhando as fotos de Kristal , ela parecia ser alguém forte e decidida . Eu senti Heechul colocar uma mão sua em meu ombro  , e a outra acariciava meus cabelos . Ele colocava seu corpo cada vez mais próximo ao meu .


    Alguém apareceu na porta , era minha mãe :


  ( S/m ) : Finalmente a achei , S/n , vamos para casa já está tarde , e Olá Heechul , sinto muito mas temos que ir ( minha saiu da porta indo em direção ao elevador , eu fui indo atrás mas Heechul me puxou pelo braço ) .


  ( Heechul ) : Espero lhe ver de novo S/n , eu posso lhe contar tudo sobre sua mãe é só você querer ... ( Ele se despediu com um beijo no canto da minha boca ) .


   Eu saí da sala e ele continuou olhando para mim ... 
 

  

  

 

 

    
    

 

      


Notas Finais


Obrigada por lerem ❤



Fortes emoções no próximo capítulo ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...