1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Proibido (Omegaverse) >
  3. Confissão

História Amor Proibido (Omegaverse) - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Oiiii gente 🤗🤗🤗

Capítulo 4 - Confissão


Fanfic / Fanfiction Amor Proibido (Omegaverse) - Capítulo 4 - Confissão

No dia seguinte, Wen Ying estava nervoso e quando via o alfa saia de perto com o rosto vermelho.

Lan Zhan estranhava aquilo, mas não iria questiona-ló, o deixaria ter seu tempo e espaço.

Eles notaram que as comidas, roupas e produtos de limpeza estavam diminuindo com o tempo, porque WangXian estavam selados.

Então Lan Zhan decidiu sair naquela manhã para procurar emprego.

-Aonde vai!!?

O ômega estranha outro todo arrumado, com camisa azul claro e calça social preto, sapato social marrom escuro.

-Procurar emprego.

-Eu vou junto.!

O Wen sai correndo da sala sem esperar uma resposta, entra no quarto e menos de 10 minutos estava pronto, camisa listrada com uma blusa por cima, calça social preta e sapato social preto.

-Vamos.!?

Os dois saem do apartamento e vão andando, ao atravessar uma esquina chegam no centro, não era muito longe de casa, e estava movimentado, as pessoas olhavam para eles como se fossem celebridades.

Quando o Lan foi entrar em uma loja para perguntar, alguém segura o ombro do ômega ao seu lado, o cheiro era doce e viciante.

Lan Zhan olha na mesma direção que Wen Ying e reparam que um homem trajando roupas sociais simples estava respirando com dificuldade.

-Co....com licença.!?

-Sim, pois não.!!

O ômega estranha e tira a mão estranha de seu ombro e fica ao lado do Lan que o protegia com um braço.

-Oh desculpe se assustei vocês, eu trabalho em um estúdio de modelos, sabe fotos, vídeos e outras coisas.

-Sim sabemos, o que quer!!!

-Quando eu vi vocês não acreditei em tamanha beleza, os dois aceitam trabalhar como modelos fotográficos.

Wen Ying olha para Lan Zhan e o pergunta com o olhar.

-Qual o seu nome.!?

-Oh perdão, me chamo Nie HuanSang e trabalho para a Jiang Studios.

-E porque nos escolheu!?

-Vocês tem um perfil único, além de serem belos, chamam bastante atenção. São um casal!?

HuanSang olha para eles em curiosidade, os dois se olham e depois acenam.

-Que bom, assim poderão fazer dupla.

-Senhor Nie, podemos pensar amanhã lhe informamos nossa decisão.

-Ok, tome meu cartão.

O Nie entrega o cartão se curva e saí.

-Ele é um ômega estranho.

-Como sabe que era um ômega.!?

-Pelo cheiro, todos os ômegas tem feromônios doce.

-Mas o seu não é doce, está mais para doce e amargo, cheira a cacau com café.

-Jura!! O seu é tão bom, sândalo com nâspera.

-Mnn.

Um silêncio se fez presente enquanto ambos vão para casa.

Ao chegarem Wen vai para o quarto se trocar e volta com um short e uma regata cinza escura.

-Não vai se trocar.!!

Lan Zhan estava sentado no sofá olhando para o janela, ao escutar ser chamado redireciona seu olhar para o ômega.

-Wen Ying, venha aqui quero conversar com você.

Da batidinhas no sofá ao seu lado indicando que sentasse ao seu lado.

Wen se apavora, ainda estava inseguro em se aproximar.

Sem saída se senta, mas um pouco mais longe perto do braço.

-Por que está me evitando dês de ontem.!?

-Não estou te evitando.!

-Está, toda vez que olho para você, ou está correndo ou vira o rosto.

O ômega se mexe incomodado no sofá, mexia as mãos uma na outra e olhava para elas.

-Se está encomodado em morar comigo, quando arranjar um emprego saio daqui.

Quando o alfa ia se levantar e sair, Wen Ying agarra sua mão impedindo que se vá.

-Eu não quero que vá.!

-Então porque está me evitando, foi porque eu te forcei ao que não queria!

-Não, eu gostei.!?

Ele tampa a boca no susto e solta a mão do Lan.

-Então porque me evita.!?

Ele se senta novamente no sofá e encara seu rosto, Wen Ying ainda com as mãos na boca olhava para ele e grita.

-Por que eu estou te amando.!!

Se levanta e sai correndo para o quarto se trancando lá.

Lan Zhan arregala os belos olhos cor de ouro e fica alguns minutos em choque, ao voltar a realidade se levanta e vai até o quarto, os dois quando chegaram naquele lugar aprenderam a dormir juntos.

O Lan abre a porta que não estava trancada e entra encontrando Wen Ying deitado no meio do edredom como se fosse um casulo, pondo a mão no meio ele sentiu sua respiração.

-Wen Ying.

O menor não respondeu, mas estremeceu em meio ao edredom.

-Isso é verdade.!

Sem resposta do outro novamente.

-E se eu dizer que também te amo.

O ômega estremece novamente e tira o edredom do rosto, olha nos olhos dourados, os seus estavam com lágrimas querendo escorrer.

-Verdade!?

-Sim, eu sinto que você é meu ômega a partir do momento que olhei para você.

O alfa coloca a mão que estava por cima do edredom em seu rosto, limpando as lágrimas que já escorriam.

Com soluços, Wen Ying levanta se jogando nos braços do alfa.

-Antes eu estava confuso e não queria aceitar, todo ensinamento que aprendi dês da infância se foi em menos de um dia.

-Eu te entendo, meu pai sempre foi rígido comigo e meu irmão pois segundo ele, os mais fortes são aqueles que estão em cima. Agora entendo o que ele quis dizer e me arrependo de muitas coisas.

Os dois continuaram abraçados, quando Wen Ying se mexe e levanta a cabeça.

-Posso te beijar?

-Pode, não precisa nem perguntar.

No começo foi só um selinho tímido, mas o beijo foi ficando mais ousado, o quarto foi ficando quente, a falta de ar se fez presente, Lan Zhan passou os beijos para o pescoço do ômega que soltava gemidos baixos e roucos.

Quando voltaram a se beijar a campanha toca tirando ambos dela bolha de prazeres.

O alfa levantou o deixando para trás e se arrumar, pois seus cabelos e roupa estavam uma bagunça.

Ao chegar na porta olha pelo olho mágico, lá ele observa uma jovem moça, sua roupa era um vestido simples florido, usava um batom vermelho nos lábios e seus cabelos castanhos estavam amarrados em um rabo de cavalo.

Se mas delongas abre a porta.

-Pois não!?

-Boa tarde, vocês são os novos vizinhos.

Ela que estava de cabeça baixa, ao levantar fica travada com a beleza do alfa de perto.

-Fomos sim, apesar de fazer um mês que estamos morando aqui.

-Ent.....entendo.

-Lan Zhan, quem é!

O ômega chega por trás dele e logo fecha a cara ao ver aquela mesma mulher de ontem.

-Prazer, eu sou Wang LingJiao moro ao lado.

-O que você quer!

Wen Ying olha para ela como se fosse matar, ela estava se assanhando para cima do seu alfa, era isso, com esse decote mostrando os peito e esse batom vermelho.

-Vim trazer biscoitos, e dar boas vindas aos novos vizinhos.

-Obrigado mas não, Lan Zhan é alérgico a chocolate.

Sem deixar ela responder, o ômega fecha a porta na cara dela, pisando duro ele vai até o sofá e liga a TV.

-Está com ciúmes!?

Lan Zhan que até então não disse um "ah" se aproximou do sofá e sentou ao seu lado, vendo que ele não lhe respondeu, se inclinou e beijou sua bochecha.

-Se preferi não falo mais com ela.

-Promete!!!

-Prometo, até porque seu cheiro é horrível para meu nariz.

Isso arranca um sorriso do ômega que acaba deitando a cabeça no ombro alheio.

Eles assistiram TV até o horário do almoço, hoje era dia do Wen cozinhar, ele fez sopa de raíz de lótus e arroz eles comeram tudo e depois tomaram chá.

-Lan Zhan, o que acha daquela proposta de Nie HuanSang.!

-Bem, pelo que ouvi sobre modelos, eles tem que ter uma base alimentar rigorosa e sempre manter uma aparecia sempre conservada.

-Sim eu sei, eles pagam bem e podemos sempre mudar ele disse que nossa aparência era única, mas também somos seres divinos, então vamos tentar.

-Ok, se você quiser eu vou também mas com uma condição.

-Qual!?

-Sempre trabalhemos juntos, como uma equipe.

-Porquê!?

-Eu não quero ficar longe de você, e se acontecer o cio e eu não estiver por perto.

-Entendo, então juntos.

O ômega abraça ele e sorri, Lan retribuí e percebi algo.

-E agora, não temos celular e nem telefone.!

Wen arregala os belos olhos vermelhos e encara o alfa.

-Vamos sair para compra então!

-Agora, eles devem estar em horário de almoço.

Ele olha no relógio de pulso e marcava 13:05hrs.

-É eles estam, então vamos sair umas 14:30hrs.

-Ok, então vamos esperar.

Eles assistiram um filme que fez o Wen dormir, o tempo passou rápido e quando era por volta das 14:15hrs Lan Zhan o acorda.

-Vá por uma calça.

Como o Lan ainda estava de roupa social decidindo tirar só a calça e o sapato por causa jeans e tênis, só mandou o Wen se trocar, antes de sair lhe rouba um beijo e corre até o quarto, 5 minutos depois aparece com uma calça jeans clara.

-Vamos.

Eles saem de casa com as mãos dadas.

Wang LingJiao escutou a porta deles abrir e ficou olhando pelo olho mágico, ela passa as unhas pintadas pela porta de raiva.

-Alfa dos olhos de ouro, um dia você será meu.

Nesse momento ambos se arrepiaram e olharam para trás.

-Sentiu isso.!?

-Senti, alguma intenção maligna!

Na mesma hora Wen Ying olha para a porta da ômega oferecida.

-Lan Zhan, não se aproxime daquela mulher, ela tem muita energia maligna.

-Tudo bem, não vou.

Ainda sentindo um mal pressentimento Wen Ying segui seu amado escadaria abaixo.

Já no centro, eles entram em uma loja de celulares, ali tinha muitas marcas, Samsung, Motorola, iPhone, Xiaomi, Appo e Huawei, por fim decidiram comprar o Xiaomi Redmi 8A junto com as capinhas e fones, o do alfa é azul e sua capinha é um coelho branco e do ômega era vermelho e sua capinha é também de coelho mas preto.

-Agora vamos para casa.

-Que tal se fôssemos comer algo doce ou tomar um milkshake.

-Tudo bem.

Eles andaram pelas ruas movimentadas, parando em uma lanchonete ali compraram milkshake e foram andar, o ômega não queria voltar ainda para casa sentia que algo iria acontecer se voltassem agora, Lan Zhan sentiu essa vibração vinda dele.

-O que foi!?

-É aquela mulher, estou sentindo um mal pressentimento e não é leve.

-Você acha que ela possa estar mexendo com coisa pesada.!

-Sim, o jeito que ela olhava para você, dá para ver algo a mais ali, não sei bem o que é mas tem algo.

-Eu também sinto, e é algo muito forte.

-Você consegui levantar seu arco!!

-Ainda não e sua lança.!

-Não, parece que SuiBian não me conhece mais.

-Te entendo, BiChen está mais pesada a cada dia.

-Sim como elas são armas divinas que precisão de energia ficam sem funcionamento.

-Então como iremos resolver esse problema sem nossas armas divinas.!?

Wen Ying pós a mão no queixo e pensou, mas nada veio em sua cabeça.

-Não sei, você ainda tem um pouco de poder da luz.

Lan Zhan olha para a palma da mão livre e tenta concentrar energia ali mas não funciona.

-Nada, assim como a um mês atrás.

-E agora.!?

-Primeiro vamos observar e ver se é tudo isso que sentimos e depois nós pensamos em um método.

-Ok.

Wen Ying olha para o céu e o sol já estava descendo lentamente no horizonte.

-Vamos para casa, ainda temos que configurar esses celulares e depois ligar para HuanSang.

-Sim.

Os dois se vão pela causada, vez ou outra olhavam as vitrines de roupas, coisas para bebês e lojas de doces, quando finalmente chegam no condomínio sobem, nessa mesma hora tão de cara com Jiao que fingia sair de seu apartamento.

-Oh, que surpresa estavam passeando.!?

Ela repara nas mãos unidas do casal e olha feio para o ômega.

-Estavámos, e o que você tem haver com isso.

Wen Ying abraçou o braço do alfa, os dois estavam sentindo a mesma energia sair da mulher.

-Nada, só estou curiosa um homem lindo não se vê hoje em dia por aí.

-O que quer dizer com isso!!

Lan Zhan encara ela feio, ela estava se desfazendo do seu ômega, uma raiva subiu pelo seu peito.

-Eu só acho um desperdício, só isso, hoje em dia alfas dominantes preferem ômegas femininas para ter seus filhos.

Após ouvir isso, o alfa deu um passo na direção dela mas Wen Ying foi mais rápido e a pego pelo pescoço e a levanta.

-Escuta aqui sua piranha, sim eu sou um ômega e você não tem o direito de dizer nada, se aparecer na minha frente novamente eu te mato.

Ele a solta que caí no chão, ela que estava com os olhos arregalados todo o momento, Wen pega no braço do alfa e saem dali e entram no apartamento.

-Wen Ying.... Wen Ying.!??

Após entrar Lan Zhan vai na direção do ômega que estava com os olhos brilhando em vermelho sangue.

-Acalme-se, não se altere sim.

O abraça apertado, quando escuta soluços falhados vindo dele.

Wen Ying chorava em seus braços.

-Estou aqui, não vou te deixar.

Após um tempo chorando o ômega se recupera.

-Lan Zhan eu acho que sei o que está possuindo ela.

Ele levanta o rosto para cima encontrando os olhos dourados do alfa.

-O que!?

-Uma fantasma ressentido de um homem.!

🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤🥤


Notas Finais


E aí gente, olha mais um fresco para vocês, e ainda vem com milkshake 🤭🤭🤭🤭.
Aí como A-Ying é fofo, ai essa confissão me fez sorri de alegria.
Bem né, essa doeu, e olha quem veio atormentar 🙄🙄, essa praga e pior do que praga de corona, sai encosto vai atrás do Wen Chao que tu pertence 🙄🙄🙄🙄🙄😂😂.
Bem é isso por hoje, logo teremos mais capítulos ☺️☺️☺️
Byeby 🤗🤗🤗🤗🤗.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...