História Amor psicopata(imagine kim taehyung) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Drama, Imagene Kim Taehyung
Visualizações 24
Palavras 328
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Apresentação


S/n) era uma garota fofa e gentil que morava com seu pai, o mesmo a ensinou a se defender e se vingar,mas infelizmente ele morreu,ela teve que ir morar com a mãe e seu padrasto em Seoul na Coreia do Sul,ela não queria mas era menor de idade.

Assim que ela chegou lá não gostou de seu padrasto.

Em um belo dia o céu está azul se nenhuma nuvem,só o sol,sua mãe teve quer ir ao mercado e seu padrasto disse que tinha trabalho pra fazer,aí tudo bem ela está em seu quarto ate que escuta baditas em sua porta,se levantou e foi ver quem era.

(S/n)- o que você quer?

P(padrasto)- quero você!

(S/n)- que?você está louco?

P- só estou falado a verdade (s/n)

Assim que ele fala isso entra no quarto da mesma a coloca na cama.

(S/n)- NÃO QUERO VOCÊ AQUI

P-eu sei que você quer assim como eu,você fica me provocando é o que dar..

Depois dessas palavras machistas e ofensivas (s/n) foi estrupada pelo próprio padrasto.

Assim que seu padrasto acabou de tirar proveito de (s/n) ele disse que iria pro quarto de sua mãe tomar um banho pois estava cansado. No outro dia (s/n) contou tudo pra mãe disse toda a verdade sua mãe achamou de piranha,que ela se jogava pro padrasto,(s/n) tentou se defender mas a mãe não acreditava.

A mãe de (s/n) a expulsou de casa disse que não queria ela mas ela lá, e que não está pra ela voltar nunca.

(s/n) estava com raiva queria Vingança e era o que ela ia fazer. A noite matou seu padrasto sua mãe pediu pra que ela não a matasse é que ela poderia voltar pra casa,mas (s/n) não queria pois já era tarde demais.

Ela torturou a mãe até a morte com os brinquedinhos que seu pai deixou para ela depois que morreu,depois disso (s/n) nunca mas foi a mesma.

          Nada e nem ninguém irá me mudar era o que (s/n) pensava ante que........



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...