1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Químico. >
  3. A decisão de Cat Noir.

História Amor Químico. - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Já estamos chegando aos 15 favoritos , muito obrigada pelos comentários e recentes favoritos .
Muito obrigada pelo carinho imenso que me tem me dado .
Tenham uma boa leitura.

Capítulo 8 - A decisão de Cat Noir.


___    Ah, e agora ?  O que vai acontecer ?  -  Jacob perguntando para os presentes sobre o destino da fórmula .
__    É mesmo, devemos ser muito cautelosos, porque se  o cientista Hawkmoth descobrir  que o filho dele migrou para o nosso lado, ele pode mandar outra pessoa para pegar a fórmula do pai de Marinette  -   Trixx concordando com a pergunta do colega  e prevendo  os próximos passos do cientista malvado.

__  Hum.... , tem razão  -   Wolf cruzando os braços depois que concordou com a cientista  -    Eu conheço ele , pelo que eu vejo , Hawkmoth não é desistir fácil  -   o lobo falando que conhecia o cientista maldoso muito bem.


__   Sim, ele pode manipular as pessoas bem facilmente,  usou do bom coração  do nosso amigo que queria se aproximar  do pai -  Turlte concordou com o amigo dele  e disse que o  cientista maldoso manipulou o bom coração de Chat.

__   Sorte que este bom coração venceu a manipulação , quando o nosso amigo se apaixonou por Marinette , porque os gatos se apaixonam facilmente pelo o que seu coração escolhe  -   Wolf dando enfâse ao bom coração de Chat.

__  Imagino a expressão de Hawkmoth quando ele descobrir que o filho dele se apaixonou  pela filha do pior rival dele  -   Tikki imaginando quando o cientista malvado descobrir a traição do próprio filho.


~ * * ~ 

Depois que a cientista ruiva havia dito as sábias palavras dela, os presentes caíram em um silêncio para refletir o que ia acontecer.

Agora que Chat havia se apaixonado mutualmente por Marinette , era evidente que eles precisavam guardar a fórmula em um lugar mais seguro, além do cofre que o senhor Montavi tinha no hotel que pertencia  a sua mulher,  Isabel Montavi.

Um local que somente os presentes sabiam, mas era complicado, todos saibam que o cientista Hawkmoth  ia até o fim do mundo para conseguir a fórmula Sabine , mesmo sem a ajuda do filho que o que havia traído por se apaixonar pela filha do seu rival.

Enquanto os presentes pensavam em um local mais seguro para esconder a fórmula.


~ * * ~ 


Narradora Online (  No hotel - No quarto de hotel ).

Depois que se beijaram, Chat e Marinette estavam se abraçando depois que se cansaram de tanto beijar  .

Marinette estava deitada sobre o peito musculoso de Chat ouvindo as batidas do coração,  o gato estava cheirando o doce aroma dos cabelos como a noite da garota e com os seus olhos fechados.


~ * *~ 

__   Quem imaginar que eu ia me apaixonar perdidamente pela filha do rival do meu pai,   a vida é engraçada -    o gato falando para finalmente quebrar o gelo entre o casal  e  reabrindo os seus olhos.

__  Eu digo o mesmo , parece que as sortes dos meus biscoitos tinham razão , bem, de incio eu não gostava de você, porque eu achava que você era bem, hum....   -   a garota concordando com o gato, falou também da sorte do seus biscoitos e  contando para o gato que não gostava porque o considerava como.


__  Um filhinho de papai ?!  -   o gato completando a frase da garota e beijando a cabeça logo em seguida.


__  Sim, o meu pai achava que eu devia conhecer você antes de julgar , e agora ....   -   a garota falou que o gato havia se acertado em completar a sua frase anterior    e  se lembrando do que  o seu pai havia dito para ela tempos atrás.

__    O seu pai está correto  -   o gato  falando que o pai da garota tinha razão.


__  Sim, ele tinha razão , ah, será que ele está bem ?  -   a garota concordou com o gato  e  pensou no pai dela e perguntou para si mesma se o seu pai tinha uma boa saúde.

__   É orfã de mãe ?   -   o gato perguntando para  a garota se ela era orfã  de mãe.

___   Sim, ela morreu quando eu tinha uns 5 anos de idade, de cancêr de mama, no leito de morte dela  , o meu pai jurou que ia trabalhar muito duro para criar uma fórmula para cuidar qualquer tipo de cancêr  -   a garota contando para o gato sobre a morte de sua mãe  e juramento do seu pai.

__  Ah... , o meu pai me manipulou para obter essa fórmula, abusou de mim , é um mentiroso  -   o gato  se lembrando que o pai havia mentido para ele depois que ouviu a garota contando  para ele á respeito da fórmula.


__    Por que o seu pai te usou ?  -   a garota perguntando seriamente para o gato.

__  Porque   eu queria me aproximar dele , depois que a minha mãe morreu de colo de útero  , o meu pai se afastou de mim, considerando que eu fui a causa da morte da minha mãe  -   o gato respondendo á pergunta da garota e desfazendo o abraço ao poucos .


__   O seu pai é um invejoso , ele nem sabe trabalhar direito, nem deveria ser um cientista, ainda por cima, ameaçou o meu pai se ele não contasse a fórmula para ele  -   a garota contando sobre a ameaça do pai do gato com o pai dela e cruzando os braços dela.


__  O meu pai é um monstro  -   o gato se levantando da cama do hotel  e  indo em direção   á janela que tinha do lado da cama .

__  Sim, ele é  -   a garota concordando com o gato  e abrindo a mão dela com a fórmula  Sabine que ainda segurava na mão direita.


 

___   Como eu posso ser filho daquele desgraçado ?  -  o gato  sacando o seu celular para ligar para o pai dele.
__   Chat!  -   a garota chamando a atenção dele ainda deitada na cama e vendo ele muito nervoso.

__   Sim, minha princesa ?!  -  o gato se virando para ver a garota deitada na cama e com o seu celular na mão .

__  O que vai fazer ?  Vai contar para o seu pai sobre a fórmula Sabine ? -  a garota colocando  a fórmula contra o peito  e com medo com o que o gato vai fazer quando ligar para o seu pai.

__   Eu vou ligar para aquele desgraçado do meu pai ,  eu não vou contar sobre ...    -   o gato começando a responder á pergunta da garota   -    Espera , o nome da fórmula é Sabine ?   -   o gato perguntou para a garota  sobre o nome da fórmula e arqueou  a sobrancelha cheio de dúvidas.

__   Sim, é o nome da minha mãe falecida, o meu pai deu em homenagem a ela  -    a garota ficando aliviada com o que o gato havia dito para ela.

__   É um belo  nome ,  o nome da minha mãe era Le Paon  -   o gato  elogiando o nome da sogra falecida  e contou para a garota   o nome da sua mãe falecida .


__  É um belo nome também  -   a garota devolvendo o elogio do gato e vendo ele colocando  o celular no ouvido e esperando  para que o seu pai.

~ * *~ 

Narradora Online (   Paris -  Na mansão dos Noir  -  No escritório ).

Hawkmoth estava esperando um telefonema do seu filho que o havia enviado para Roma para capturar a fórmula Sabine.
Ele estava em pé  ,olhando para a janela, vendo um incio de grande tempestade  que ia cair em Paris , ele já ouvia  os raios e trovôes avisando o  incio da tempestade.
O cientista do mal amava as tempestades ,  era o seu clima favorito ,  odiava os outros climas  como um céu lindo e ensoralado.

Estava muito feliz, foi quando o telefone começou a tocar altamente e fez sair do estado de ânimo  .
O cientista se virou para sair da janela e de sua observação  , foi em direção a sua poltrona  para se sentar  e atender o telefone que ainda tocava bem alto.


-  Ligação Online  (   Paris  ( Hawkmoth )  -   Roma (  Chat Noir )  -  

[ ...]  

Olá,meu filho . Já chegou em Roma ?  -   o cientista atendendo a ligação do filho  e fingindo uma grande tristeza e saudade do filho dele .

-  Cheguei ,pai  -   o filho confirmando  a chegada do pai dele  e tinha uma voz de profunda irritação com o fingimento do seu pai.

__  Encontrou a fórmula de Le Paon ? -   o cientista  perguntou sobre  a fórmula e rebatizando o nome dela  para homenagear  a sua esposa falecida.

__  Antes que eu responda a sua pergunta , pai , quero perguntar algo para você  -  o gato odiando o pai ter mudando o nome da fórmula e ainda muito nervoso com o seu pai.

__  Sim,meu filho, diga -   o cientista dando a permissão ao filho e sorrindo maldosamente em seu escritório .

__     Acaso você me usou para pegar a fórmula do seu rival e mentiu sobre ser o verdadeiro dono da fórmula ?  -   o gato tentando a fazer   a pergunta com mais calma possível.

__  Meu filho, eu não sei sobre o que está falando ?  -   o cientista do mal começando a rir bobamente durante a ligação do filho que o deixou muito irritado do outro lado da linha.

__   Quero a verdade ,pai !  Me usou ou não ?  -   o gato odiando  a risada boba do pai dele  e  querendo saber a verdade dele.

__  Ah ,meu filho  -  o cientista começando á rir  mais ainda  -  Sim, eu usei você, você foi tão fácil de manipular  , tipo, você vindo carente da minha atenção , então eu  pensei por mim mesmo  ´´  Eu vou usar do bom coração do meu filho `` , e pronto e você compreendeu o que queria -    o cientista contando toda a verdade e rindo bem alto.


__   Ah...  -   o gato começando a ficar mais nervoso do seu pai  -   Então você quer a minha resposta para a sua pergunta anterior depois que você atendeu a ligação ? -  o gato falando com a sua voz cheia de raiva.

_  Sim,meu filho  -  o cientista respondendo a pergunta do filho e ignorando  a raiva do filho.

__   Ah, encontrei a fórmula, o nome dela é Sabine , eu nunca vou dar para você,porque o senhor me usou para obter o que quer -   o gato começando a responder   e os seus olhos viraram fendas profundas.

__  Então traga a fórmula para e pare de ser mimado  -   o cientista ignorando mais uma vez  a raiva do filho e   exigindo para que ele pare de ser mimado .


__    Eu nunca vou dar a fórmula para você , porque o senhor é um MENTIROSO, UM DESGRAÇADO  E ABUSADOR -  o gato negando a ordem e gritando e xingando o pai dele.

__  Eu ,por acaso, ouvir você gritando Chat ?!  -  o cientista começando a perder a paciência e anotando a raiva do filho pela primeira vez depois que a ignorou das outras vezes.


 __    Sim, pai -   o gato parando de gritar  e mantendo a sua voz de raiva.
__   Eu não vou entregar a fórmula ,pai e pare de ser invejoso!  -   o gato desligando o celular na cara do pai dele


[ ...]
-  Ligacão Offline -   (  Chat Noir   (  Roma )  -   Paris ( Hawkmoth ) 

~ *  Narradora Online -   Depois que o gato desligou  o celular na cara do seu pai.


Hawkmoth ainda não acreditava que o seu filho tinha desligado na sua cara dele  e também não acreditava na traição do filho dele em desobedecer uma simples ordem vinda dele.





 


 


 


Notas Finais


me desculpe por algum erro cometido.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...