1. Spirit Fanfics >
  2. Amor Reprimido >
  3. Terceiro capítulo

História Amor Reprimido - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Lembrando, não é todo dia que vai ter capítulo novo, vai depender da minha empolgação

Capítulo 3 - Terceiro capítulo


Fanfic / Fanfiction Amor Reprimido - Capítulo 3 - Terceiro capítulo



  Não tão querida Elisabeth,



     Eu reconheço que aquele beijo foi um erro, não estou dizendo que não tenha sido bom, só não achei correto, acho melhor esquecermos tudo isso. Beth torço que você compareça ao aniversário, não se sinta constrangida nem nada, você é a mãe dele, antes que eu me esqueça, tudo bem?? Decidi que de vez enquanto não custa nada perguntar coisas simples, não preciso de sua ajuda na decoração, eu vou cuidar de tudo isso sozinho 


———————————


    Meu Caro Alberto, que não é mais meu, 


    Sim, a melhor opção é esquecer o que aconteceu, só não sei se isso é possível.... sabe é complicado, não se preocupe eu vou aparecer lá, e mesmo que eu quisesse ajudar na decoração, to sem tempo, você sabe, não posso ser demitida tão cedo. Ah e obrigada por perguntar se estou bem, eu espero que vc também esteja




PS: Não tem como esquecer aquele beijo




   Pov. Alberto


  

 Aquela última mensagem mexeu um pouco comigo, não tem como saber se ela gostou ou não daquele beijo, mas conhecendo ela, talvez ela tenha gostado.... NO QUE EU TO PENSANDO??? AQUILO NÃO DEVERIA TER ACONTECIDO, ESTAMOS SEPARADOS A QUASE DOIS ANOS 



   Naquela briga....



  Elber já tinha dois anos e alguns meses, Ana tinha cinco, eu amava muito aquele garoto, principalmente por ele parecer absurdamente com minha aparência, claro que eu também amava a Ana, mas a “Elisa” (como eu chamava a Beth antigamente) parecia bastante com ela, um dia a Beth deixou as crianças sozinhas, essa foi a gota d’água, ela é muito irresponsável, e com isso Elber acabou se machucando, brigamos, nosso relacionamento não estava tão bom, estão acabamos rompendo.

    Desde então eu já tive varias namoradas, nenhuma do jeito carinhoso da Elisa, ELISA NÃO BETH.



   Mas agora chega de relembrar o passado, tenho muita coisa pra preparar do aniversário, não tanta coisa assim, mas eu gosto de tudo organizado 



*TINDONNN* a campainha toca



“-Quem é?” Disse abrindo a porta


“-Oi Bertinho” uma voz feminina irritante pronuncia um apelido meu que não escuto a tempos


“-Olá, Sarah” Era ela, uma de minhas ex-namoradas “-A que devo a honra de sua visita?”

Falei em tom sarcástico 


“-Um passarinho me contou que você está solteiro” 


“-Não gosto de dizer que estou soltei, prefiro dizer que O Pai tá On”(nota da autora: ME DESCULPA NÃO AGUENTEI)


“-Hahaha” forçou uma risada “Seu senso de humor mudou um pouquinho, pq tanta coisa espalhada pela sua casa?” Falou colocando a cabeça pra dentro


“-Vou ser direto logo: Não quero nada sério com você, então não enche meu saco, e essas coisas são pra o aniversário do meu filho”


“-Aaaa... você nem parece ser pai, é tão.... sedutor, nenhuma mulher resiste, a mãe dessa criança não sabe o que tá perdendo” Disse mordendo os lábios 


“-Desembucha logo, eu sei o que você quer”


“-Que grosso, tá, tá, vou falar logo...  eu estou na seca nesses últimos dias, e eu sei que você também, não custa nada matar as saudades!!”


“-Olha, se não deu pra perceber, eu estou ocupado”


“-Você não sabe como eu sinto tantas saudades de você, do seu jeito, de como você é na cama.... você pode pedir o que quiser, eu vou te dar”


  Tá, eu sei que estou na “seca” mas não preciso disso, porém... se eu não der logo o que ela quer, ela vai ficar enchendo meu saco, seu muito bem como ela é 


“-Só dessa vez, Ok??”


“-Que seja” Falou ela apresada me puxando pro quarto 



E lá.... tivemos uma noite de prazer, pelo menos pra ela, tudo que eu fazia, só lembrava de como fazia com Beth, e aquilo me condenou a noite inteira 



—————————


     Elisabeth, estamos bem, só tenho isso pra dizer, Sarah me visitou, ela pode cobrir seu turno um dia antes do aniversário, pra você poder descansar, não me pergunte como consegui convencê-la

 

——————-


    Alberto,



 Odeio admitir, mas não gosto de você frio assim comigo, que bom que está bem, mas não é o que parece, eu...... gostei do beijo, se é isso que te preocupa



 Continua....




Notas Finais


Capa do capítulo: https://pin.it/1vHu9nT


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...