História Amor Triplo (furry) - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Alexander, Amor, Furries, Furry, Lina, Sônia, Vpls
Visualizações 37
Palavras 1.173
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Harem, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Pansexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Demorou por que eu tinha apagado esse capítulo quando ele estava pronto... Triste...
Dito isso, boa leitura ^^

Capítulo 4 - Amigos?


Fanfic / Fanfiction Amor Triplo (furry) - Capítulo 4 - Amigos?

Passado 1 ano, Lina e Sônia estavam grávidas de Alexander, e é claro que a sociedade (Mesmo a deles sendo de furries) não iria aceitar de boas e deixar tudo como estava, quando eles andavam juntos sempre havia uma critica que machucava, mas eles aprenderam a ignorar, iam ter filhos, dane-se se se eles eram praticantes de poliamor, o importante era que estivessem felizes e era com esse pensamento que eles conseguiam levar tudo isso...

Sônia estava no sofá descansando enquanto Lina havia ido procurara algo pra se alimentar, quando a mesma voltou, viu Alexander chegando com um álbum de fotos em mãos, ela obviamente ficou interessada...

Lina: O que você está fazendo? - Perguntou bem curiosa...

Alexander: Vendo nossas fotos antigas do internato... - Respondeu ainda folheando o álbum...

Lina: Ei Sônia! Venha ver isso! - Chamou a parceira...

Sônia: Não estou afim de sair daqui... - Disse se acomodando mais ainda no sofá aonde estava... Se Sônia não iria até eles, eles iriam até a mesma, Lina foi até o sofá e deu um chega pra lá em Sônia abrindo espaço para se sentar... - Aff... - Reclamou a mesma...

Alexander: Lembra de como nós éramos naquela época? - Disse mostrando uma foto para elas...

Sônia: Isso foi uma semana depois que eu cheguei... - Disse se lembrado...

Flashback On

Lina: Que um pedaço do meu lanche? - Ofereceu educadamente... Os três estavam em um lugar aberto com árvores e cercado por muros enormes...

Sônia: Não, eu estou bem assim... - Disse meio deprimida...

Alexander: Tá tudo bem? Você não sorri e sempre fica isolada... - Disse preocupado...

Sônia: É que, que eu, eu queria ter tido uma familia ao invés de ter sido mandada para cá... - Ela começou a chorar fraco...

Lina: Tudo bem se sentir assim, mas fica tranquila por que eu tive uma ideia para solucionar o seu problema... - Sorriu...

Sônia: Qual? - Perguntou curiosa...

Alexander: Que ideia?

Lina: Nós podemos ser uma família, assim você sempre vai se sentir bem sobre isso e todos vamos ter tido uma... - Disse feliz com sua mentalidade inocente de criança que tinha na época...

Sônia: Talvez isso possa funcionar! - Disse agora mais alegre...

Alexander: Você pode proteger Lina e eu posso...

Lina: Você pode deixar eu te proteger! - Disse interrompendo...

Flashback Off

Alexander: É, foi nesse dia em que começamos a sermos mais próximos... - Disse relembrando... - Mas vocês não precisam me defender mais, eu já sei me defender sozinho...

Sônia: Viu o que ele disse Lina...

Lina: Sim, ele disse que não precisa mais de nós... - Disseram emburradas e se retirando...

Alexander: Ei! Eu não disse isso! Eu preciso de vocês! - Disse também emburrado, elas se entreolharam e começaram a rir, voltaram para o sofá, mas não da forma normal, elas pularam em cima dele como se fosse um ataque, de brincadeira mesmo...

Lina: Nós sabemos que o nosso felino preferido pode se virar sozinho...

Sônia: Mas ele não vive sem suas parceiras... - Ambos riram daquela situação...

Mais tarde, eles foram almoçar fora, o problema era os olhares preconceituosos voltados para os mesmos, mas eles estavam a ignorar isso, afinal os imbecis só sabiam cochichar ao invés de falar diretamente com eles, isso até uma moça curiosa ir até eles e perguntar...

???: Por que vocês três tem um relacionamento íntimo? - Perguntou, mas não para ofender, foi mais inocentemente...

Lina: Bem... Isso é questão de amor... - Respondeu a pergunta...

???: Mas, como é isso? E qual o nome desse tipo de relacionamento? É um Harém? - A moça, que era uma canidea, estava muito curiosa, os três acharam isso engraçado...

Alexander: Isso é resultado do consentimento entre ambas as partes...

Sônia: O nome disso é poliamor, é uma relação entre mais de duas pessoa envolvendo o consentimento de todas as partes, não tem haver com harém pois nós não pertencemos a ele, nós o amamos por isso estamos com o mesmo... - Disse completando o que Alexander falava...

???: Obrigada mesmo por me falarem disso... - Os três não compreenderam a gratidão...

Alexander: Por que está tão grata? Só respondemos as suas duvidas... - Perguntou curioso...

???: Bom é que... Eu meio que sou apaixonada por dois rapazes, e eles correspondem o sentimento, o problema era que eu só poderia escolher um, ai eu teria que matar um amor para ter o outro, mas vocês acabam de me dar uma ideia de como resolver isso, obrigada mesmo! - A moça pagou a conta dela e saiu correndo, eles não entenderam o que havia acabado de ocorrer, mas, estavam com um pressentimento bom sobre isso...

Alexander: Vamos seguir ela? - Perguntou já sabendo a resposta...

Lina: Já sabe que somos curiosos e que vamos atrás dela para verificar, por que ainda pergunta? - Após isso terminaram a sua refeição, pagaram a conta e foram pelo mesmo caminho pelo qual a moça havia ido...

Andaram um pouco e chegaram em uma praça, lá, uma jovem canidea da espécie loba da terra estava reunida em um banco com outros dois de sua espécie...

Sônia: Será que deveríamos ir até eles? - Disse meio confusa...

Alexander: Não viemos até aqui para perder a viagem não é mesmo? - Disse indo na frente, as outras o seguiram...

???: Que coincidência vocês por aqui! - Disse a loba da terra...

???: Não existem coincidências... - Falou o que estava a sua esquerda...

???: Agora você vai bancar o filósofo? - Brincou o da direita...

???: Sim, eu sou o filósofo, a Mia é a inteligente você o fofo! - Afirmou novamente o da esquerda...

???: Ning, você não ousaria continuar a me chamar de fofo... - Disse o da direita...

Ning: E o que você fará? hein Tony... - Disse pausadamente...

Mia: Na frente deles não! - Disse mas já era tarde, Tony pulou em Ning fazendo cócegas no mesmo derrubando Mia também... Os três caíram rindo...

Lina: Pelo visto são iguais a nós, mas as pessoas não costumam gostar dessa demonstração de afeto em público hihihi... - Disse fazendo os três ficarem corados...

Sônia: Nossa, a Lina fez alguém ficar corado, isso é muito estranho haha... - Disse e Lina roubou um beijo dela e de Alexander para ele não passar vontade, os três lobos da terra se levantaram do banco...

Mia: Essas são as pessoas que eu tinha falado... - Disse abanado o rabo, e detalhe, sem reparar...

Ning: Olá, eu sou Ning e esse fofo aqui é o Tony...

Tony: Já disse pra não me chamar de fofo... - Disse abaixando as orelhas e tentando esconder seu rosto corado atrás das patas...

Mia: Será teremos que ir para casa de novo? - Perguntou... - O pessoal aqui não gosta disso...

Alexander: Podem passar na nossa casa se quiserem, afinal não nos importamos com isso, qualquer forma de amor é bem vinda... - Disse sorrindo...

Mia: O que vocês dois acham? - Os dois concordaram, seria um dia de muita conversa entre amigos...


Notas Finais


Continua ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...