História Amores durante um intercâmbio - Segunda temporada - Capítulo 38


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts Bangtan Boys
Visualizações 36
Palavras 1.099
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 38 - Fiquei preocupado


Fanfic / Fanfiction Amores durante um intercâmbio - Segunda temporada - Capítulo 38 - Fiquei preocupado

Jeon- Precisamos ver pela câmera de segurança do hospital com quem foi que o manager saiu por precaução. Alguém contra? 

V- Só a favor. 

Eu- Vamos lá. 

Suga- Vamo, vamo, fala. -O apressou.

Jeon- Isabella, nós  sabemos que você é bem mais que só um corpinho bonito mas quem cuida das câmeras não. Entendeu? 

Eu- Entendi. 

Jeon- Se importa?

Eu- É por uma boa causa. 

Jeon- Beleza. Tae, enquanto a Isa faz o trabalho dela eu preciso que você tome conta da escada, não deixa ninguém subir. Fala que tá interditado ou sei lá. Quando a Isa tirar os caras de lá eu procuro. Beleza? 

V assentiu. 

Jeon- Suga, fica observando o movimento na recepção, qualquer movimento brusco nosso você toma uma atitude. 

Suga- Tá bom. 

Jeon Jungkook destampou a câmera e liberou o elevador. 

Os dois saíram do mesmo e eu fiquei. 

V- Boa sorte. 

Suga deu um tapa na cabeça do V- Não deixa tão na cara, bora.

V riu de desespero.

Subi os andares até chegar no das câmeras de vigilância. Sorte a do Jungkook de não ser sedentário. Logo na entrada do andar tinha um vigilante, era ali que começava o meu trabalho.

       ~ Visão Jeon Jungkook ~ 

Eu olhei em volta, ninguém por perto. Entrei rápido e o V logo em seguida. 

Eu- Senta aí no primeiro degrau ou não sei, mas fica de olho. Você sabe o que faz. 

V- Deixa comigo.

Eu- Eu não sei o que vai acontecer, mas qualquer coisa eu te ligo. Se for caso de emergência e eu tiver que sair correndo eu bato duas vezes na porta.

V- Ok. 

Demos um toque de mãos e eu subi as escadas. Não demorei muito ao subir os andares, cheguei no andar que deveria um pouco afogante mas comecei a controlar a respiração. Abri um pouquinho da porta, dava de cara com a sala das câmeras. Era coberta por monitores e bem escura. Tinham uns três caras trabalhando por ali e uma mulher, demos sorte. Estava com medo de ter mais mulheres, mas ah, a Isabella daria um jeito. Ela sempre dá. 

Isabella estava lá na sala conversando com todos eles, eles estavam rindo, boa menina. A mulher saiu dali logo, acho que seu expediente tinha acabado. Isabella estava conseguindo chamar bem a atenção deles, isso sem ser muito vulgar. Eles a davam atenção mas parecia não ser o suficiente, eles não estavam se levantando. Ela começou a fazer coisas provocantes chamando eles, o que funcionou. Um deles tentou lhe agarrar, virei o rosto pra não ver. Me seguirei pra não entrar e o impedir. Quando fui olhar de novo, todos eles já tinham saído. Boa menina, não esperava menos. Hora do meu trabalho. 

Comecei a mexer e a procurar a hora do ocorrido, já sabia no que estava mexendo, não demorei nada. Peguei meu celular e filmei quando o manager chegou e quando saiu, deixei tudo do jeito que estava e sai pela porta da frente. Ah, pra que descer aqueles andares sendo que posso voltar de elevador, não é mesmo? 

Ao sair da sala topei um segurança, merda! Era tarde demais pra voltar. 

- Ow, quem é você? 

Eu- Sério que não se lembra de mim? - Lhe estendi a mão para um cumprimento formal e ele retribuiu. 

- Desculpa, não me lembro. Quem é você?

Eu- Faço parte da manutenção dos monitores daqui, venho de vez enquando. 

- Quando entrou que eu não vi? 

Eu- Desculpa a pergunta, quando o senhor iniciou seu expediente? 

- Ah.. faz mais ou menos duas horas. 

Eu- Tá explicado, já estou aqui há quase cinco. Dessa vez tive um trabalho enorme. -Sorri.

- Aaah sim, então desculpe o ocorrido. Minha mente anda meio falha ultimamente. -Sorriu. 

Eu- Que isso, imagina. Vou indo, preciso resolver umas coisas.. 

- Ok, bom trabalho. 

Fui em direção ao elevador e quando estava pra entrar ouvi ele me chamar.

-Ei! Você não me mostrou seu crachá de funcionário.

Fingi não ouvir e entrei no elevador. 

- Ow, rapaz! -Ele veio correndo atrás de mim.

Sai do elevador entre passos largos, bati duas vezes na porta da escada. Passei pelo Yoongi disse sem som "Fica aqui" e ele assentiu. Precisava que ele ficasse pra saber da Isabella. Fui para o estacionamento.

~ Chamada On ~

V- Cadê você? 

Eu- No estacionamento, entrando no meu carro.

V- Suga?

Eu- Na recepção. Fala para ele procurar saber da Isabella. 

V- Tá bom. 

Eu- Vou fora do hospital, um vigilante correu atrás de mim.

V- Logo mais estamos aí. Vou sair da escada agora. 

Eu- Tá bom.

~ Chamada Off ~  

Tentei ligar para Isabella, ela não me atendeu. 

Tentei novamente e nada. Fiquei preocupado.

~ Chamada On ~

Eu- Taehyung? 

- O que o moço estava fazendo na escada de emergência? -Uma voz grossa e desconhecida disse. 

~ Chamada Off ~ 

Eu- Taehyung??? 

Ele havia desligado. Merda! 

Tentei ligar pro Yoongi, ele também não me atendeu. 

Olhei pela janela do carro, vi Yoongi e V saírem de lá. 

Eles entraram no carro. 

Eu- Cadê a Isabella?

V- Não sei. 

Suga- Um segurança viu o Taehyung saindo da escada e foi o questionar, eu me aproximei e alivei a barra mas tive que sair de lá imediatamente porque senão iam me investigar. 

V- Ouvimos um chamado pelo rádio do segurança que veio atrás de mim, estão te procurando pelo hospital inteiro. 

Eu- Deram minhas características? 

V- Deram. 

Eu- Tem uma bolsa minha aí no banco? 

V- Tem.

Eu- Troquem de lugar comigo, rápido.

Eles foram para o banco da frente e eu para o de trás. Na mochila tinham roupas totalmente diferentes das que eu estava usando e um boné. 

Suga- Não é mais fácil pedir pra alguém ir atrás dela ao inves de você? 

Eu- E meter mais gente nisso? 

Suga- Figthing. 

Eu- Saem daqui, vai ser melhor. 

Suga- Você vai ficar sem carro mesmo? 

Eu- Me dá a chave do seu. 

Ele me entregou. 

Eu- Não tô mais. 

V- Figthing. 

Eu saí do carro e entrei no hospital de cabeça baixa indo logo para o elevador. 

Parei no andar das câmeras de segurança, sabia que todos os seguranças deviam estar em outros andares atrás de mim. Procurei por ali e não a achei. Voltei para o elevador e parei em um andar abaixo, dei de cara com um segurança, estava de cabeça baixa, ele  não me reconheceu. 

Começei a andar por ali a procurando é nada de a achar. Ouvi vozes da escada de segurança, corri pro elevador e parei no andar do quarto do Jimin.

Todos me encararam. 

Jin- Que roupa é essa?

Hope- Cadê todo mundo? 

Não disse nada, apenas apertei o botão  do elevador e parti para outro andar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...