História Amores durante um intercâmbio - Segunda temporada - Capítulo 39


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts Bangtan Boys
Visualizações 36
Palavras 1.457
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heeeeeeeeeeeey guys! Tudo bom? Aaah, espero que sim!
Só passei aqui para desejar uma ótima leitura e pedir desculpa por qualquer errinho cometido, ok? ♥️

Capítulo 39 - Culpa


Fanfic / Fanfiction Amores durante um intercâmbio - Segunda temporada - Capítulo 39 - Culpa

Ao abrir a porta do elevador eu pude ouvir uma movimentação, quando eu ia sair vi a Isabella vindo em direção ao mesmo, então abaixei a cabeça e esperei. Ela entrou, apertou o botão para ir para recepção e acenou para uns caras. Até aonde eu pude ver, eram caras diferentes dos que eu tinha a visto. 

A porta do elevador fechou. 

Isa- Que roupa é essa? -Disse me olhando de cima a baixo. 

Eu- Tive que vestir pra vir atrás de você. Você tá bem? Quem eram esses caras?

- Te conto depois. -Ela apontou com a cabeça para a câmera e sem olhar eu entendi. 

Eu- Tá bom. 

- Cadê os meninos? 

A porta se abriu. 

Eu- Já foram embora. Vamos no carro do Suga. 

Começamos a andar, eu estava de cabeça baixa.

- Deu ruim mesmo pra você hein. O carro tá aonde?

Eu- Estacionamento. 

Fomos para o estacionamento e entramos no carro, quando já estávamos de partida meu celular tocou; 

Eu- Atende pra mim? 

Ela assentiu- Cadê o celular? 

Eu- No meu bolso. 

Ela riu- Sério isso? 

Eu- Fazer o que, estou dirigindo. -sorri. 

- Aff hein. 

Ela pegou o celular e pôs no viva-voz- É o Jin.

         ~ Visão Isabella ~ 

Jin- O que tá acontecendo? -Disse bravo e com autoridade. 

Jungkook- Pra evitar a fadiga posso só falar o que conseguimos?

Mika- Siiiim! -Gritou. 

Jungkook- Eu peguei as filmagens das câmeras de segurança bem na hora que o manager chega e sai. Pelo que eu pude ver, o cara estava armado.

Jin- Oi? -Disse abismado.

Jungkook- O Manager tava na recepção a procura de respostas e aí um cara de calça preta e um moletom grande preto chegou. Pelo que eu vi, ninguém tava olhando na hora. Parecia muito ser uma arma no bolso dele, juro. Se não for uma arma era muito parecido. Aí o manager deu uma travada e ele e o cara se aproximaram lá da recepcionista, perguntaram alguma coisa e saíram. 

Hope- Isso explica o que o Yoongi falou. 

Namjoon- Então basicamente alguém sequestrou o Manager? 

Jungkook- Creio que sim. 

Eu- E não para por aí. 

Jungkook me fitou. 

Namjoon- Fala, Isa.. 

Jungkook- Calma que o que ela tem pra falar nem eu sei. 

Mika- Fala logo, Isa.

Eu- Bom, eu fui e fiz minha parte do plano que era tirar os caras da sala, aí eles ficaram empolgadinhos - Jungkook revirou os olhos - e me levaram para outro andar. Eles disseram que naquele andar poucas pessoas iam e que lá seria perfeito. Como o objetivo era tirar eles da sala, eu apenas fui. Até aí tudo certo, aí beleza, fomos lá pra sala e aí eu fingi uma dor no estômago antes de algo acontecer, eu me despedi e sai. Eles ficaram meio bolados mas fazer o que, aceitaram. Quando eu estava pra sair do andar, eu passei por uma sala e ouvi uns caras falando que viram um tal cara que comandava um tráfico  no hospital e que tinha levado uma pessoa com ele. Os caras que eu tava lá no quarto passaram por mim e me ofereceram ajuda, aí eu falei que não e que iria ficar por ali um pouco pra respirar e ver se eu melhorava. Eles disseram que não seria uma boa ideia porque tinham uns caras que mexiam com coisas erradas ali. Eu disse que tudo bem e eles saíram. No que eles saíram eu fiquei escondida do lado da porta pra ouvir o que aqueles caras estavam falando do tal cara que comandava o tal tráfico, mas o assunto era todo por cima e não me dava nenhuma informação muito concreta. Então eu entrei e entre papo aqui, papo ali, eu fingi ser alguém que não era e consegui informações. -Todos estavam me ouvindo atentos- Eles disseram que o tal cara comanda o tráfico de drogas de toda a região daqui e mais algumas mais longe também, que eles sempre bolavam muito bem seja lá o que fossem fazer. Me contaram casos que eu fiquei surpreendida na verdade. Eles disseram que antes de tentarem fazer alguma coisa eles pesquisam muito sobre a vida da pessoa, sobre quais pessoas elas têm ligação, quais pessoas elas têm briga e coisas assim. Eles vão atrás das pessoas para mata-las dependendo do quão grave for a situação e o principal caso de assassinatos são por dívidas. Eles sempre bolam casos diferentes de atingir alguém e culpar outra pessoa, e se alguém desconfiar de que o motivo da morte da pessoa foi a dívida com o tal tráfico, sendo assim, o comprometendo, eles atingem alguém próximo a pessoa que deve a eles  como aviso para pararem de investigar o caso.

Namjoon- Então o manager estaria envolvido com o tráfico? 

Taty- Ou pior, o Jimin? 

Hope- Eles podem ter pego o manager por ele dever ou só pra ser o aviso. 

Jungkook- O caso deve ser grave pelo próprio dono de tudo vir, ele não se arriscaria assim. 

Eu- Exatamente. Só que, elea disseram que tentam culpar outra pessoa pelo assassinato, como fariam isso sendo que o próprio dono veio em carne e osso? Isso tudo se o que disseram for verdade. 

Jungkook encostou o carro. 

Jungkook- O que vamos fazer? 

Taty- Procurar a polícia, óbvio. 

Mika- Deixa de ser sonsa, eles já vieram por causa da polícia. 

Taty- Tá falando demais, não sabemos nada ao certo. 

Mika- Mas tenho certeza que chamar a polícia é uma péssima ideia. 

Jungkook- Peque, para de ser ignorante. 

Mika- Tô só falando a verdade. 

Jungkook- Não foi o que você falou, foi como falou. 

Taty- Enfim! 

Jin- Acho que não podemos fazer basicamente nada.  

Taty- E deixar o manager morrer? Ótima ideia! 

Jin- Taty, nós não sabemos do que se trata. Como vamos simplesmente nos meter? 

Taty- Gente, não da pra simplesmente parar e esperar algo acontecer. 

Namjoon- Mas é o que podemos fazer. Infelizmente. 

Taty- Tá falando sério mesmo? 

Hope- Taty, se a gente se meter agora é pior. 

Jungkook- Temos que saber a hora de parar. -Ele deu partida no carro.

Eu- Vamos desligar agora pra focar no trânsito, ok? 

Jin- Tudo bem. Tomem cuidado. 

Eu- Pode deixar. 

Jungkook- Melhor vocês se separarem.

Jin- Nós vamos. 

Jungkook- Tudo bem, fiquem bem. 

Hope- Vocês também. 

~ Chamada Off ~ 

Jungkook- Iai, qual o plano? 

Eu- Que? 

Jungkook- Qual é o plano, ué. 

Eu- Você mesmo disse que temos que saber a hora de parar. 

Jungkook- Tinha esperança de você ter pensado em algo. 

Eu- Você pensou? 

Jungkook- Não.. 

Eu- Aonde estamos indo? 

Jungkook- Pra casa atrás do V e do Yoongi. 

Eu- Tá bom. 

Jungkook- Liga pra eles? 

Eu- Tá.  Vou ligar pro Tae.

~ Chamada On ~

Eu- Tae?

- Oi, vai lá pra casa. -Disse rápido- Cuidado, Yoongi! 

Eu- Aonde vocês estão? 

Ele não respondeu.

Jungkook- Taehyung? 

- Vamos demorar pra chegar, nos esperem lá em casa. Não liga mais. 

~ Chamada Off~ 

Nos encaramos .

Eu- Não sei se ferrou de vez ou se deu bom.

Jungkook- Vamos só fazer o que eles mandaram.

Jungkook ligou o som e fomos calados até entrar na casa do V. 

Jungkook- Tá com fome? -Disse entrando na frente e balançando a chave. 

Eu- Levando em conta que não almocei, sim, estou. -Disse fechando a porta e indo atrás do Jungkook pra cozinha. 

Jungkook- Eu também não almocei. Vai faltar a faculdade hoje? 

Eu- Meio que não tô tendo muitas opções. 

Me sentei na cadeira e apoiei os braços no balcão enquanto ele mexia na geladeira. 

Jungkook- Entendi. O que vai querer comer? 

Eu- Qualquer coisa. 

Jungkook- Isso aí eu não sei preparar não. É gostoso? 

Sorri- Palhaço. 

Meu celular tocou.

Jungkook me fitou preocupado. 

Eu- Relaxa, é a Mika. 

~ Chamada On ~

- Amiga? 

Eu- A própria.

- Vai ir pra faculdade não né? 

Eu- Você vai? 

- Vou. Ta que não vou conseguir prestar atenção mas eu vou. 

Eu- Tá bom. As meninas vão trabalhar? 

- Da Victória eu não tenho notícias faz tempo, a Taty vai ficar no hospital com Jin Oppa.

Eu- Entendi. 

- Qualquer coisa me liga, tá? 

Eu- Igualmente. 

- Beijo.

Eu- Outro. 

~ Chamada Off ~ 

Jungkook- Tudo certo?

Assenti- Sim. Ela só queria saber se eu ia pra faculdade. -Disse indo até a geladeira- O que vamos comer? 

Comecei a ajudá-lo a preparar a comida, assim que acabamos colocamos uma série na televisão e fomos comer. Quando acabamos, limpamos o que sujamos e voltamos pra série. 

Muito tempo já tinha se passado e ainda nada do Yoongi e do V, já estávamos preocupados. 

Mais um tempo se passou e nada... 

Quando já era quase cinco da tarde a porta do apartamento abriu; Eram os dois. Eles estavam meio sujos de poeira e o Yoongi tinha um arranhão no braço que sangrava. 

Jungkook e eu corremos até eles. 

Eu- O que aconteceu? 



Notas Finais


Muito obrigado por ler acompanhar! ♥️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...