História An angel in my life - ChanBaek - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias EXO, Girls' Generation, Red Velvet
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Hyoyeon, Irene, Jessica, Joy, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Seohyun, Seulgi, Sooyoung, Suho, Sunny, Taeyeon, Tao, Tiffany, Wendy, Xiumin, Yeri, Yoona, Yuri
Tags Chanbaek Yaio
Visualizações 117
Palavras 920
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Misticismo, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Parque


Baekyun pov's

A música estava bem alta no parque, havia brinquedos para todo o lado e as crianças gritavam de dentro deles; Irene estava ao meu lado, ChanYeol e Yeri a nossa frente, nos quatro esperávamos os outros garotos.

Irene: Você acha que eles vão conseguir trazer as meninas do 2? - A menor perguntou olhando em meus olhos.

Baekyun: Não sei, quem são essas garotas?

Irene: Yoona, Yuri, Taeyeon, Tiffany, Seohyun, Hyo Yeon e Sooyoung. - Ela sorriu, parecendo feliz por lembrar dos nomes. - Elas são casca dura, não é qualquer um que sai com elas.

Baekyun: Sério? Bom, talvez eles consigam e...

ChanYeol: Não acredito! - Algo chamou a atenção de ChanYeol e a nossa.

Irene: Oque?

ChanYeol: Eles conseguiram! - Eles estavam um pouco longe mas pude ver Chen, Lay, Kai, Sehun, Suho, Luhan e Kris se aproximando cada um com uma garota apoiada no braço.

Irene: Nós deveríamos ter apostado. - Irene riu e deu um tapinha em meu ombro, fomos de encontro aos garotos que estavam sorridentes por ter conseguido oque queriam.

ChanYeol: Xiumin não veio com vocês?

Kris: Ele vira mais tarde. - Vi ChanYeol acenar e nesse mesmo instante os braços de Yeri foram de encontro aos seus.

Baekyun: Vamos então. - Acenei para Irene entrelaçar seus braços nos meus e assim ela fez sorrindo de orelha a orelha. - Você vai ter que me dizer os nomes delas para que eu não cometa erros.

A menor apenas acenou.

Com apenas um olhar ChanYeol entendeu oque deveria fazer, levou Yeri até máquina de ursinhos para tentar pegar algo para ela enquanto eu arrastei Irene para a montanha russa, ela queria ficar grudada em ChanYeol e tudo que ele precisava era de um momento a sós com a garota.

Irene: Baek, Eu Não vou subir aí. - Estavamos na fila, ela juntos os braços perto do corpo sinalizando medo.

Baekyun: Ora! Vai me deixar ir sozinho? Você não vai cair de lá de cima. - Eu ria enquanto falava, eu sabia oque dizer para deixá-la calma. - Você disse que não tinha medo, e eu tenho experiência com altura.

Irene: Você não é mais alto que o Chany. - Um sorriso se formava em seu rosto.

Baekyun: Ya! Vou deixar você ir sozinha. - Fiz menção de sair mas suas mãozinhas me seguraram.

Irene: Não! Desculpe, eu vou. - A fila andou e quando chegou nossa vez entreguei ao porteiro nosso ingresso.

Irene entrou com medo na cabine, sentei no banco a sua frente e olhei pela janela esperando a roda começar a girar.

Irene: Chany fica tímido perto dela, eu deveria ter ido junto com eles.

Baekyun: Confie quando digo que ele precisa ficar sozinho com ela, é sério ele vai ficar bem. - Olhei para Irene que tinha preocupação nos olhos. - Você gosta dele.

Irene: Chany é meu melhor melhor amigo, ele gosta da Yeri desde que fez a inscrição para a faculdade... É bom vê-lo junto com ela agora. - Irene sorriu para mim, tal sorriso que sessou quando a roda gigante deu seu primeiro indico de que começaria a girar. - Baekyun...

Foi inevitável não rir.

Baekyun: Fique calma.

Irene: Me tire daqui agora! - Era visível o desespero dela, me levantei e sentei ao seu lado onde pude sentir com mais força seu medo.

Baekyun: Vamos, aperte. - Estendi meu braço e ela agarrou apertando com toda a força que tinha, ainda assim não era o suficiente para me causar algo. Sorri fraco. - Isso me ajudava quando eu era menor e era preciso subir mais alto que eu conseguia.

Irene: Oque quer dizer? - Derrepente ela me olhava curiosa.

Baekyun: Bom... Eu gostava de altura mas às vezes meus amigos me desafiavam a ir mais alto.

Irene: Quer dizer que você era fã de parkour? - Ela riu e balançou a cabeça. - Maluco.

Irene olhou para a pequena janela tentando captar cada detalhe da cidade que agora ela via de cima, seu medo ia sumindo aos poucos e sua mão foi soltando meus braços tão lentamente que quase não percebi.

Aquela garota sentada do meu lado agora me lembrava SeulGi, me perguntei oque ela estava fazendo agora; talvez estaria no pé de seu Appa... Ela sempre estava pois queria aprender o máximo.

Irene: Está pensando em que? - A garota estava sorridente enquanto me olhava.

Baekyun: Nada, eu só... - Me vi em uma situação um tanto quanto constrangedora, eu podia ouvir o coração acelerado da garota que se aproximava cada vez mais de mim.

Nossa cabine deu um solavanco indicando que havíamos parado, Irene se afastou agora corada a deixando fofa.

Irene: Desculpe. - Sorri fraco enquanto ela abaixava a cabeça.

Baekyun: Não tem porque se desculpar, - Peguei a mão dela e me levantei nos guiando para a fora. - Vamos procurar os outros.

Ela apenas acenou me seguiu, andamos alguns minutos até encontrar os outros garotos que estavam perto do carrossel.

Irene: Baek essas são; Yoona, Yuri, Taeyeon, Tiffany, Seohyun, Hyo Yeon e Sooyoung. - Ela apontava para as garotas e eu sorria a medida que olhava para seus rostos.

Ao olhar a última garota meu coração deu um salto e minha respiração parou por um momento, ela também me conheceu e seus olhos se encheram de preocupação.

ChanYeol: Ei? Baekyun? Que cara é essa? - O maior abanava as mãos a minha frente.

Baekyun: Oque? Nada! Nada, eu estou bem. - Abri um sorriso forçado e ChanYeol se levantou acenando para mim.

ChanYeol: Quero comprar uma cerveja, vamos comigo? - Acenei dizendo que sim.

Tiffany: Traz para a gente?

ChanYeol: Claro. - Ele respondeu com um sorriso me puxando até uma barraca.

Eu não conseguia entender, como ela havia chegado aqui.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...