História An angel returns to his home. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Anjos, Demonios, One-shot, Suícidio
Visualizações 13
Palavras 247
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Mistério, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desde já quero dizer que não quero ofender nenhuma religião, isso é apenas uma ficção inventada por mim, tirada dos meus pensamentos, portanto ateus, espiritas, cristãos, evangélicos e pertencentes de outras religiões, não me xinguem.

Apenas quero dar entretenimento para quem se interessar nessa one-shot, então, se lembrarem que essa história é fictícia, agradeço desde já. Boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction An angel returns to his home. - Capítulo 1 - Capítulo único

Respirei fundo, tentando aliviar meu desespero, mas não consigo. Minhas mãos suavam e meu corpo inteiro tremia, eu não sei se consigo fazer isso.

Mas eu tenho que fazer, senão sofrerei até morrer de velhice? Não sei se suportaria.

Tantos amigos... Tantos namoros... Tantos familiares... Eu tinha tudo. Eu perdi tudo. Por que tudo deu tão errado?

Respiro fundo novamente, tentando acalmar meu coração agora quebrado.

-É agora ou nunca...

Sussurro pra mim mesma, olho para meu reflexo no espelho do banheiro, meu Deus eu sou horrível... Mordo o lábio inferior com força, até sentir um gosto estranhamente bom deslizar pela minha boca: o sangue.

Sangue... É tudo que tenho a perder agora, a única coisa que me sobrou e mesmo assim vou descartá-la como lixo.

Estou sozinha de novo, ninguém virá aqui me salvar? Ninguém me abraçará forte e dirá, com a maior bondade e compreensão "Não faça isso. Eu estou aqui"?

Queria tanto que isso acontecesse, mas ninguém veio. Então eu o fiz.

Peguei o estilete escondido no armário da pia, olhei a afiada lâmina mostrando meu esquelético rosto, lágrimas negras sobre meus olhos caíam como a chuva.

Antes de tudo acabar, olhei para cima, esperando algo acontecer, um sinal divino, alguém me salvar, e sussurrei, soluçando um pouco:

-Diga olá, meu Deus. Agora você terá um novo anjo para lhe ajudar com os problemas deste podre mundo.

E perfurei a lâmina no meu pescoço, tanto sangue e mais sangue...

Enfim estou livre.

Tudo está melhor. Enfim estou de volta ao meu lar.

"Sentada à direita de Deus, pai, Todo-Poderoso..."



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...