História An endless nightmare (Jotakase) - Capítulo 14


Postado
Categorias Cauê "BaixaMemoria" Bueno, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Maria Luiza Ramos (MoonKase), Rafael "CellBit" Lange
Personagens João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", MoonKase
Tags Criminal, Jkase, Jotakase, Jvnq, Moonkase, Originais, Police
Visualizações 196
Palavras 1.128
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


•Olá! Como vcs já devem saber, eu estou com uma nova fic no ar.

•Ela se chama: "Only you see... Only you feel."

•Então eu vim aqui para pedir que vcs deem uma passadinha lá :3

•E se gostarem favoritem, e deem o seu apoio ♡

♡●Link da fic nas notas finais●♡

Capítulo 14 - Chapter 14- Peace killer


Fanfic / Fanfiction An endless nightmare (Jotakase) - Capítulo 14 - Chapter 14- Peace killer

P.O.V Mara Luiza 

- Pai?! Você está namorando ela?!- perguntou ele assustado.

- Sim meu filho, por que não?

- Qual o problema João? Pessoas se apaixonam...- Digo dando um leve selinho naquele velho. 

- Mara vem comigo! Temos que conversar!- disse me puxando para fora da sala.

- Ei! Meu pulso! Ta machucando ele!

- Você acha que eu sou idiota?! 

- Assim... nunca tive dúvidas.

- Pare de palhaçadas! Eu sei desse seu plano! Ontem eu dei uma olhada na casa, e encontrei isso!- disse me dando um papel, que pelo oque eu via, parecia um contrato. 

Merda... era o acordo da peace killer... 

O acordo da "peace killer" ou "paz assassina", foi um documento que eu assinei. O acordo era que a U.K.A, nunca espalhasse sobre o envolvimento de funcionários da minha empresa, com os atuais assassinatos. E em troca, eu e os demais funcionários, ficássemos calados sobre eles. Eu assinei essa merda á seis meses atrás...

- Parabéns João... parece que você me pegou. Eu já tive um envolvimento com essa merda toda... mas mesmo assim, isso não prova nada.

- Ah isso prova sim! Você quer se aproximar do meu pai, para poder tirar o seu da reta! - Ok... agora esse miserável me pegou de jeito.

Bom... se eu pensar positivo. Ele não descobriu a parte em que eu iria tentar fazer o pai dele, assassina-lo... né?

- Então er...- Tento me explicar porém ele tampa a minha boca com seu indicador.

- Olha Mara. Eu só não vou te entregar agora, por que você tem informações valiosas, e se eu te prender, não vou poder interroga-lá, então considere-se sortuda por isso.- Apenas engulo isso a seco, e me permaneço calada.- Você ainda vai me ajudar nesse caso. E agora que eu sei isso de você, tenho certeza de que irá topar, não é mesmo?- perguntou provocativo.

- Sim... claro...- Digo revirando os olhos, e bufando.

João pode ter descobrindo uma grande parte de meu plano, porém ele não sabe que eu estou tendando-o fazer se apaixonar. E isso já é o suficiente. Meu plano ainda está ativo.

Ajeito minha camisa, e ambos voltamos para a sala de seu pai. 

- Sobre oque vocês dois conversavam?

- N-Nada demais amor... só foi uma breve discussão. Mas já estamos de bem... não é mesmo João?

- Sim sim, claro que estamos... Bom, eu vejos vocês depois. E você principalmente.- disse a última frase apontando para mim.

- Tchau filho.

- Até. 

- Então meu docinho... oque acha de aproveitarmos esse tempo?- disse o velho. 

- Er... meu relógio tocou, eu tenho que voltar para a minha empresa... até logo amor.- invento uma desculpa e saio do local.

(...)

- Como se não bastasse... depois de tando trabalho para esconder essa merda de acordo, o João em um piscar de olhos já descobre a porra do meu envolvimento...- Eu resmungava enquanto arrumava alguns papéis na minha mesa.

- Resmungando denovo senhorita?- disse Bianca entrando na sala.

- Oque acha?! Como diabos aquele filho da puta achou o acordo da peace killer?!

- Talvez você tenha subestimado ele... ele parece ser um bom polícial.

- Ah sim claro...- Digo de deboche.

- Mas e então... oque vai fazer com o plano?

- O plano não mudou em nada... ele não conseguiu descobrir tudo sobre ele. Só a parte de eu me aproximar de seu pai. 

- Bom, então agora seu trabalho piorou! Vai ter que faze-lo se apaixonar, mesmo sabendo de seus podres.

- Para uma garota linda como eu isso não será um problema...- Digo em tom de piada, e ambas gargalhamos.

- Você é muito convencida sabia?

- Sim sim... esse é o meu ponto forte.

- Mas e então. Vai ter que conviver com aquele velho...

- Naverdade não.- Digo jogando uma embalagem na mesa.

- Que isso?- se referiu ao objeto.

- Veneno.

- VOCÊ VAI MATAR O VELHO?!

- FALA BAIXO SUA MALUCA! Não, eu não vou matar ele! Não sou doida, e muito menos assassina! Esse veneno vai deixa-lo doente. E isso vai me afastar dele por um tempo...

- Vai mandar o velho pro hospital?

- Exato! E pelo meus cálculos, ele vai ficar lá por um bom tempo...

- Esperta.

- Eu sei disso... então topa dar uma saida? Cansei de ficar nesse local abafado...

- Só se for agora.

- Ótimo! Talvez um shopping?

- Perfeito!

(...)

P.O.V João Victor 

Achar aquele acordo não foi difícil, oque me deixou ainda mais intrigado. Se ele fosse realmente importante, não estaria jogado no chão daquele quarto igual estava... mas enfim. 

Por mais que eu tenha descoberto a Mara, não consegui ficar com raiva dela. Mas talvez deixa-la assustada foi uma boa opção, assim talvez ela possa se interessar mais pelo caso. 

Já eram 4:00 P.M, e eu precisava urgente da Mara para ir investigar aquela casa. Precisamos entrar naquele porão escondido novamente, e revistar melhor o lugar. 

Na nossa "discussão" eu havia posto um pequeno chip rastreador em sua bolsa. Assim ficara bem mais fácil de acha-la. 

(...)

Chego no local indicado pelo chip, era um shopping. Novidade? Não. E logo a vejo com uma garota, provavelmente sua amiga Bianca... 

Assim que ela me avista, revira os olhos. E diz algo para sua amiga, porém eu não consegui escutar, e nem saber.

- Oque está fazendo aqui? E como sabe que eu estaria aqui?!- perguntou caminhando até mim.

- Por isso.- Disse e lhe entreguei o celular com sua localização. 

- VOCÊ ME RASTREOU?! 

- É uma longa história, agora vem logo. Eu preciso de você...- Disse segurando a sua mão e a levando pro carro.

(...)

- EU NÃO ACREDITO NISSO! QUEM INFERNOS TE DEU PERMISSÃO DE ME RASTREAR?!- Meus ouvidos já estavam latejando, ela havia gritado o caminho inteiro.

- Meu ouvido já esta doendo de tanto você gritar nele...

- Foda-se ele!- disse revirando os olhos.

- Estamos em uma rodovia. Você precisa por o cinto de segurança...

- Não estou afim...

- Você quem sabe...- Digo e logo dou freio com o carro propositalmente, a fazendo se segurar no porta luvas.

- EU NÃO ACREDITO QUE VOCÊ FEZ ISSO! JOÃO EU VOU TE MATAR!

- Eu disse... coloque o cinto. Você me escutou?

- FEZ ISSO DE PROPÓSITO!

- Talvez...- Digo sorrindo.

Ela apenas cruza os braços, e liga o rádio. 

(...)

- Chegamos.- Digo estacionando o carro.

- Ah! Finalmente!- resmungou saindo do carro.

- Admita, eu sou um ótimo motorista.

- Bom, digamos que se você fosse o meu chofer, estaria na rua.- Disse arrumando sua camisa.

- Muito engraçada queridinha...- Digo em tom de piada, e para minha surpresa consegui arrancar um sorriso dela.

- Idiota...- Disse negando com a cabeça ainda com o sorriso no rosto. Seria muita idiotice se eu dissesse que seu sorriso é lindo?

- Bom, vamos logo. Eu acho que você não vai gostar muito do local onde vamos...

- E por que não?

- Você vai ver...

(...)

- Eu não vou entar aí de novo!- Como o esperado...

- Vamos logo... É só para investigar...

- Você me deve por isso...- disse entrando no quarto.


Notas Finais


Capítulo revisado por: @StarPlay0800
.
.
.
.
Only you see... Only you feel link=> https://www.spiritfanfiction.com/historia/only-you-see-only-you-feel-jariana-13552209
.
.
.
.
.
Amo vcs!🌙🌧♡🐝💧


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...