1. Spirit Fanfics >
  2. An indestructible love >
  3. Extrato de tomate

História An indestructible love - Capítulo 20


Escrita por: e BekaSnow


Notas do Autor


Depois de lutar com minha criatividade eu percebi que meus capítulos nunca chegarão aos pés da criatividade e da mente super perversa da Beka 🤣

Capítulo 20 - Extrato de tomate


Pov Elsa

Eu não acredito
Simplesmente não acredito
COMO EU FUI BURRA!
UMA COMPLETA IDIOTA POR ACREDITAR EM UM HOMEM NOVAMENTE!
Não sei o que deu em mim, por que eu confiei nele? Por que eu achei que seria diferente?
A única coisa que eu queria agora era descansar, e como já devem me conhecer.. Lá vou eu em direção a praia.
Chego em menos de 15 minutos e me sento na areia, escutando o barulho do mar, das ondas vindo e indo, sentindo a leve brisa no meu corpo...
O que eu fiz?

Grupo das meninas

Meninas?

Zell: Oiiii

 

Meri: diga

 

Eu preciso conversar com vocês urgentemente
Pessoalmente
Não me perguntem nada agora
Só...
Venham, me encontrem na praia!

Meri: ta, ta legal, já deu pra ver que a coisa tá feia

 

Zell: Eu já estou saindo El, na verdade

 

Estamos né Merida

 

Meri: sim, claro!

 

Tchau Elsa

 

Daqui a pouquinho a gente chega ai!

 

Off

 

20 minutos depois..

 

As meninas chegam em vem a minha direção assim que me vêem
- Elsa? - Rapunzell dispara - o que aconteceu? - Merida se senta ao meu lado esquerdo e Rapunzell do direito
- O Jack.. - falo sentindo a garganta dá um nó - O Jack me.. Me traiu. - seguro as lágrimas, não quero e nem vou chorar! - com, a Ariel..
- Eu não acredito - Merida diz, já se tornando visível sua decepção e raiva - esse desgraçado! Ele me paga, você quer que eu mato ele? Eu mato, agora mesmo! Eu vou fazer ele engolir os próprios testículos! - Merida claramente estava falando sério, tanto que já ia se levantar
- MERIDA! - Rapunzell a repreende - não precisa disso! Pelo menos não agora!... Elsa, como você descobriu?
Mostro a ela a mensagem no meu celular e explico o que eu vi e o que aconteceu. Rapunzell fazia comentários a cada frase, já merida escutou calada, como se algo estivesse a incomodando.
- Amiga... Eu sinto muito - Zell fala
- Eu... Eu confiei nele. Eu realmente Confiei nele.. E ele me traiu, me magoou, e sinceramente, a maior decepção é que foi com aquela.. Marmita de dois reais! -
- E você vai deixar barato? - Merida se pronuncia
- Merida, não jogue lenha na fogueira! - Rapunzell a interrompe
- Não - digo - deixe a continuar
- A Elsa que eu conheço, não ficaria chorando pelos cantos, ela levantaria, sacudiria a poeira e mostraria que está bem, firme e forte! Você é uma Fortaleza Elsa! Não vai deixar essa vadiazinha barata acabar contigo, e muito menos ficar pra baixo por causa desse platinado falsificado! A Elsa que eu conheço, vai chegar amanhã no colégio e detonar com todo mundo, igual ela fazia antes! -
- Ok, Elsa. Não ligue para o que ela está falando, Merida gosta de ver o circo pegar fogo!
- Não não não não não não, Ela está certa! Cristo, eu Sou Elsa Snow! A popular, a pegadora, a inabalável! Não posso ficar nesse estado! Meri, Zell. Amanhã eles que me aguardem! Eu só..
Sou interrompida por uma ligação
- licença meninas

Pov Rapunzell

Elsa sai para atender sua ligação e eu, terei uma conversa séria com a dona espertinha aqui

- desembucha ruiva
- Ta doida? Ta falando do que?
- Ah por favor Merida, desde a hora que a Elsa sitou que a Ariel abriu a porta, você se calou, não deu um piu, nem pra ameaçar alguém de morte! Você pode enganar a Elsa por ela estar nesse momento, mas a mim não! Te conheço bem Merida, vamos, o que se passa nessa sua cabeça!?
- Aaaaah, tá... - ela olha pra Elsa, e em seguida pra mim, e cochicha - eu acho que isso tudo foi armação! - cochicho de volta
- Armação? Deus, armação de quem? Por que?
- Céus Rapunzell, você é muito burra pra alguém que tira notas boas! Da Ariel é claro!
- mas..
- Veja bem, a Ariel abriu a porta, toda descabelada, com uma camisa do Jack, enquanto ele tomava banho, quando ele desceu, pelo o que a Elsa disse, ele se fingiu de confuso.. E se, ele não estivesse fingindo? E se ele realmente estivesse confuso?... Entende onde quero chegar?
- Sim mas... É muito golpe baixo, não acha?
- Acho, mas é a Ariel, Rapunzell, pode-se esperar tudo daquela, vadia louca dramática dos infernos! Ela pode simplesmente ter armado tudo, pra Elsa pensar que eles transaram!
- mas se era realmente armação, por que ele não foi atrás dela?
- isso eu não sei!.. Não fale sobre isso com a Elsa, ela pode pensar que eu tô defendendo ele, ou coisa pior
- não sei não em.. - odeio esconder coisas da Elsa..
- Olha só, fica calada Zell, ela não precisa encher a cabeça das minhas paranóias - fico calada - Não diga nada Rapunzell! Ou eu te mato!
- Ta ok, ta ok!

- Estou falando sério, a gente não vai falar isso pra Elsa! Você sabe como eu sou, deve ser só coisa da minha cabeça! 

Pov Elsa

- Meninas, muito obrigada pelo apoio! Mas agora eu preciso ir..
- Vai onde senhorita Elsa? - Pergunta Merida
- Uma visitinha... A minha mãe..
- Ou, certo - Rapunzell Fica desconfortável
- Não quer, que, a gente te acompanhe?
- Na verdade... Sim, seria bom.. Zell, vá para casa, eu sei que não se sente bem indo lá..
- Ok Elsa - me abraça - Tchau, fica bem!

E assim merida me leva até onde eu queria..

༶•┈┈⛧┈♛    ♛┈⛧┈┈•༶   ♛┈⛧┈┈•༶゚

Me senti no chão, sentido as lágrimas descerem

- A mãe.. Por que?

FLASHBACK ON

- NÃAAAAO!! NÃO!? MÃE POR FAVOR NÃO... PAAAAI, PAI... Não não não... Não me deixem... Por f-favorr, nãaaao, mãe, pai... NAAAAAAAAO!!

FLASHBACK OFF

- Ah mãe.. - coloco a mão lá lápide Fria - eu só queria seus conselhos agora.. Um abraço bem apertado e ouvir sua voz me dizendo que tudo iria ficar bem.. - não contenho o choro - Mãe, eu sinto tanto a sua falta.. Me perdoa mãe, me perdoa pai.. Eu deveria ter ouvido vocês... Tudo teria sido tão diferente..
Deixo uma rosa Branca no túmulo dos meus pais e me levanto para ir embora
Merida me deixa na porta de casa, relutante, mas deixa...
Entro tomo um banho e me deito na cama.
Abro meu Whatsapp e tem várias mensagens de Jack
Whatsapp

Elsa por favor

 

Nós precisamos conversar

 

Por favor me escuta

 

Eu te amo Elsa

 

Não sei lá que está passando por essa sua cabeça no momento, mas por favor, te peço, me dê uma chance de me explicar?

 

Me deixa em paz Jack
Some da minha vida
Esquece que eu existo!

Não não, por favor me escuta! Ou pelo menos me explica, eu juro que não estou entendendo nada!

 

Você é um cínico!
Olha só, não quero mais saber de você e nem dessa sua putiane, me deixa em paz e vai ser feliz com ela, eu vou te ignorar a partir de hoje, e não há nada que você possa fazer..

Eu vou te deixar em paz por enquanto pra você esfriar a cabeça

 

Mas eu não vou desistir!

 

Quando eu sai do Hospital, eu vou ai, ter uma conversa com você..

 

Vai se foder!

Whatsapp

Jogo o celular em algum canto do quarto. Eu realmente não quero saber dele, pensar nele ou vê ele
Distância!
Amanhã Jackson Overland Frost que me aguarde!

6:20
*interfone*

Acordo com o barulho do Interfone, mas quem em plena madrugada quer falar comigo?

Pego o telefone sem o fiozinho que da direto lá no portão

- Elsa Snow, quem fala?
- Elsa, abre o portão - Ah ótimo, mereço
- Vai embora Jack -
- não, eu não vou, até você falar comigo -
- Bom, então prepare-se pra passar sua eternidade aí.. A propósito, por que veio uma hora dessas? Maluco.
- Acabei de sair do Hospital, só pra, pegar umas coisas pra... Ariel - Ah claro, a vadia ta internada e o papai está acompanhando - Elsa, por favor abre, ta frio aqui fora
- Por mim você congela aí fora! vá se esquentar na mãe do seu filho, e sua futura mulher, tchau!
_ Qual é, eu vou te ver, de um jeito ou de outro, aqui ou no colégio..
- Adeus.
- E ela não é minha mulher!

Desligo

Palhaçada
Já que acordei antes, começo a me arrumar pra ir pro colégio
Coloco meu look, estilo "A Elsa voltou meu amor" Solto meu cabelo e faço minha make
Tomo café da manhã, arrumo meu material
Escuto uma buzina, eu juro que se for o Jackson de novo eu...

- ELSA, VAMOS, SE NÃO A GENTE SE ATRASAR, VACA ALBINA! - Ou, é a Meri e a Zell
- TÔ INDOOO VADIAS - Já tô vendo que hoje as coisas vão voltar ao normal de novo

»»————>

Como é bom estar de volta! Devolta a antiga glória e fama, acho que já peguei uns 3, só hoje, um antes das aulas começarem, outro na aula vaga de Anatomia Humana, e um agora no recreio.
Estávamos no refeitório, e ele teve que sair, hora das meninas pularem do meu lado querendo saber de tudo
- Quem é o novo brinquedo Elsa? - pergunta Merida sorrindo junto a Rapunzell
- Quem são, na verdade, 3 Elsa? Você voltou com tudo em - Rapunzell me da uma tapinha no ombro
- Bom, eles são... Acredita se eu te falar que eu não lembro o nome deles? - digo indignada comigo mesma
- Ouuu, a Elsa ta de volta - Merida gargalha
- E o Jack também.. - diz Rapunzell, e eu faço cara de confusa - vai dizer que não percebeu ele no cantinho te olhando na aula vaga que teve agora a pouco? Por Deus, ele estava pra ter um ataque cardíaco em te ver nos beijos com aquele novato gatinho.
- Ah, ele estava vermelho de raiva - Merida continua - acho que só não partiu pra cima daquele garoto por que os Garotos não deixaram - (Hic e Flynn)
- Bom, eu realmente não percebi que ele tinha vindo, eu achei que ele voltaria pro Hospital, pra acompanhar a Ariel..
- o que aconteceu com a Ariel? - Engulo em seco.. Oh, merda
- Bom, parece que ela está internada suponho que deve ter perdido o bebê, ou quase... Não se sabe..
- Elsa! O Jack, ta vindo nessa direção!! -  ai que droga
O sinal toca
OH, BENÇÃO!
Me levanto indo em direção a sala para a próxima aula, passando por ele
- Ei!? - Finjo não escutar e sigo em frente - você não pode me ignorar pra sempre, sabia?
- Ah, eu posso sim, agora, se me der licença - paro no meu armário pra pegar o meu livro
- Eu... Eu acho que... A Ariel vai perder o bebê.. - Ele diz, do nada, se encostando no armário ao meu lado, seu pra vê que sua voz estava carregada de tristeza. - O médico disse que.. Que a gravidez dela é de risco...
Fico calada durante alguns longos segundos, paralisei completamente. Sinto uma leve pena dele, aliás eu sei que dói perder um pedaço de você..
- Não sei por que está me contando isso, eu não dou a mínima - finjo descaradamente. Fecho o armário bem forte e vejo que ele está lacrimejando - Não precisa chorar, não vai acontecer nada com a sua cria, "vaso ruim não quebra" Lembra? Vocês 3 vão viver seu felizes para sempre! - Ok, isso foi completamente idiota de dizer da minha parte, mas eu preciso que ele me deixe em paz..
Vou para as últimas duas aulas, com o coração doendo. Ótimo, estragou meu dia Frost!

No outro dia
19:13 hrs

Hoje meu dia foi o puro cansaço! Depois que sai do colégio fui a lanchonete com as meninas, e passei o resto da tarde fazendo trabalho com o Allan... Quem é Allan? Bom, o novato da vez, que estou usando.. Digamos que não passamos a tarde toda só fazendo trabalho, mas também outras coisas... Ou, aquele garoto faz coisas incríveis!

Vou a varanda do meu quarto, e vejo um certo Albino chegar com uma ruiva barata de carro, ele estaciona, e vai abrir a porta do outro lado pra mesma sair
Filho da Puta
Ela sai, com o seu drama palpável, quase fazendo Jack pega-la no colo.

- E AÍ EXTRATO DE TOMATE!? - Falo alto pela pouca distância pra que escute - CANSOU DE FAZER DRAMA? - Jack me olha indignado, mas não se mete, ele sabe que seria pior.

- NÃO SEI DO QUE ESTÁ FALANDO - Sorri pra mim, como se alguém acreditasse naquele sorrisinho cínico! - E PEÇO EDUCADAMENTE QUE PARE DE ME CHAMAR DE ESTRATO DE TOMATE 

- OU - Sorrio sarcástica - ELA NÃO SABE... BOM, É MELHOR PARAR DE SORRIR FALSA DESSE JEITO PRA MIM, ANTES QUE EU DESÇA AÍ E TIRE ESSE SORRISINHO DA SUA CARA LAMBIDA - Dou de ombros, calma ainda. Ela engole o sorrisinho na mesma da hora. - TA BOM, NÃO CHAMO MAIS DE EXTRATO DE TOMATE, XAROPE DE BORDO. OU VOCÊ PREFERE CABELO DE LIP TINT? ÁGUA DE SALSICHA? 

- Jack, meu amorzinho, vamos entrar logo por favor - ela fala e dá um ênfase no Amorzinho - É QUE EU NÃO POSSO PASSAR RAIVA, lembra?

- TE ACONSELHO ENTÃO A PEGAR OS SEUS PANINHOS DE BUNDA JUNTO COM O SEU.. CAPACHO AÍ, E IR EMBORA, POR QUE MORANDO DO MEU LADO, VOCÊ VAI PASSAR RAIVA SEMPRE, NÃO É NADA, SÓ UM PRESENTE DE CASAMENTO ADIANTADO!

- Gente, por favor, chega - ele se pronuncia

- AAAH, JÁ IA ME ESQUECENDO JACKSON - ele fica confuso, entro dentro do meu quarto, em seguida no closet, pego todas as camisas dele, (quase todas, guardei apenas uma) ando até a varanda - TOMA, EU NÃO QUERO MAIS - Jogo todas do outro lado do muro - PODE DÁ PRA SUA PUTINHA, ELA VAI AMAR! - falando isso saio de lá, fecho as portas de vidro e tranco, pra ter certeza que ele não vai entrar aqui mais tarde, e aproveito e fecho as cortinas, deixando lá fora os dois com tremenda cara de indignação.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...