História And if everything was different (Reescrevendo) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias A. J. Cook, Criminal Minds, Matthew Gray Gubler
Personagens Aaron Hotchner, David "Dave" Rossi, Derek Morgan, Dr. Spencer Reid, Emily Prentiss, Jennifer "JJ" Jareau, Penelope Garcia, Personagens Originais
Tags Criminal Minds, Matthew Gray Gubler, Novela, Romance
Visualizações 49
Palavras 1.145
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura e espero q gostem dos cap modificados.

Capítulo 2 - O começo


Fanfic / Fanfiction And if everything was different (Reescrevendo) - Capítulo 2 - O começo

 

As sete da manhã todos já se encontravam na UAC, mas algo estava diferente, pois Emily não parava de andar de um lado para o outro com o celular no ouvido, isso estava preocupando os outros agentes, que já estavam pensando ser mais um daqueles casos difíceis e horrendos.

- Gente o que ouve com a Emily? - pergunta JJ preocupada. Junto a ela estavam Morgan, Reid e Garcia.

- Deve ser algo muito sério, porque desde que ela chegou não larga aquele telefone, deve ser um caso. - diz Garcia.

- Não é um caso, se fosse, você, JJ ou Hotch Teriam nos avisado. - Reid fala olhando pra Garcia e comendo um biscoito de leite que estava em cima de sua mesa.

- Você não vai parar de comer essas coisas? - Pergunta Morgan a Reid.

- Não posso, laticínios são minha vida.

Emily desliga o telefone e desce para falar com a equipe, sua cara é de quem está preocupada e com medo. Seus amigos são perfiladores e foi isso que deduziram. Mas agora precisavam saber o porque de todo aquele comportamento.

- Pode ir falando o que aconteceu, vamos lá, comece!! - exige Penélope.

- OK, não vou enrolar pessoal, minha irmã mais nova está em Quântico, ela disse que está a caminho da UAC para falar comigo.

Imediatamente Garcia começa a bater palmas e dar mini pulinhos de alegria.

- Finalmente vamos conhecer Charlie! - Fala Garcia animada.

- Mas isso é bom, a quanto tempo você não vê sua irmã , 5 anos? Porque está assim? 

- Eu estou aparovada JJ!!!! - confessa a morena.

- Não sabia que tinha uma irmã. - Spencer diz confuso.

- Pretty boy você está desatualizado!! - Morgan ri e bate no ombro de Spencer, e saí logo depois.

- Emily, amiga, não precisa ficar assim, eu sei que vocês não se davam bem, mas é porque ela era uma adolescente, mas agora ela está mais madura, aposto que vai vir pra se acertar com você! - diz JJ com confiança

- Quantos anos ela tem? - Reid pergunta.

- 21, e já é formada em medicina. - respondeu e sorriu sugestiva para Reid.

- Olha só Reid, ela também é um gênio! - Penélope fala olhando de forma comprometedora para Spencer que logo fica sem jeito, fazendo as garotas rirem de seu comportamento. 

  Reid vira o rosto para suas colegas não notarem o rubor em suas bochechas, e assim que o faz, seu olhar fica preso em uma garota atrás da grande porta de vidro. Ela parece perdida.    A garota estava vestida com um vestido preto e uma jaqueta jeans por cima, um allstar de cano médio e óculos. Spencer ficou a observando, nem sabia ao certo porque, só sabia que não conseguia desviar o olhar. Ele a achou bonita e se perguntou mentalmente se isso era errado, pois pensou em sua amada das cartas. JJ estava o chamando mas ele não respondia, até ela segurar seu rosto e o virar para sua direção.

- Está hipnótizado Spencer?

- Acho que Spencer gostou de Charlie! - Diz Garcia rindo.

Logo ele observa Emily indo em direção a garota e a abraçando, e em seguida andando em sua direção, logo Morgan e Rossi se aproximam também, e Prentiss começa as apresentações.

- Pessoal essa é minha irmã Charlotte Prentiss, e Charlie esses são meus amigos Jennifer Jareau, Derek Morgan, Penélope Garcia, David Rossi e o ilustre Dr. Spencer Reid. - todos riem quando ela fala o nome de Spencer. Logo todos a cumprimentam.

- Pode me chamar de JJ ,todos me chamam assim! - fala a abraçando.

- Olá menina, como é bom conhecer mais uma Prentiss. - diz Rossi dando um beijo em cada bochecha da garota.

- Ai meu Deus, não acredito que é você mesma! - diz Garcia eufórica fazendo a garota e todos na sala dar risada.

- Hey, baby girl! Agora temos alguém para fazer companhia ao Reid quando sairmos não é mesmo. - Morgan fala, fazendo mais uma vez as bochechas de Spencer esquentarem.

 Spencer apenas acena com a mão para a garota e da um pequeno sorriso, ele não sabe como se comportar perto dela, levando em consideração o tempo que ficou a encarando na porta e ela também não se atreveu a forçar um abraço, pois Emily havia lhe contado que ele não curtia contato físico, principalmente com pessoas que ele não conhecia.

- É um prezer conhece-los, Emily já falou muito de vocês, inclusive do Dr. Reid. - Charlie disse sorrindo

- De mim?

- Sim, ela disse que você é muito inteligente, QI de 187, memória eidética e consegue ler 20.000 palavras por minuto e seus vários PhDs, impressionante. - diz a garota fazendo Spencer dar um sorriso mais largo do que ele esperava, fazendo todos presentes na sala olharem para os Jovens com uma cara um tanto constrangedora. 

 Mas logo Hotch aparece para acabar com a alegria do pessoal em conhecer a mais nova integrante da família.

- Pessoal, temos um caso.

- A festa acabou! - diz Rossi. Todos vão em direção a sala de reunião e acenam para Charlie, mas Reid continua parado olhando para a garota.

- Oi Charlie , é um prazer conhecer você, sou Aaron Hotchner. - Hotch dá um sorriso mínino.

- Olá, é um prazer conhecer você tbm agente Hotchner.

- Por favor, só Hotch. - Pede o mais velho, fazendo a garota sorrir. - Spencer feche a boca. - diz para o menino gênio que só sabia encarar Charlie.

- hã, a-até m-mais Charlotte! - Spencer gagueja se levanta rápido tropeçando em algumas mesas e segue seu chefe.

 Hotch havia dito a Emily que ela podia ajudar no caso na base de Quântico, pois sabia que tinha assuntos importantes a tratar com sua irmã.

- Acho que Spencer gostou de você. - Emily dispara.

- Ele parece...legal - diz a garota olhando para a sala de reunião onde toda a equipe estava, notou que Reid também a olhava através da janela, mas quando percebeu virou o olhar para outra direção, fazendo a garota dar uma pequena risada da atitude do rapaz - mas nos precisamos conversar Emily, você sabe.

- sim, vamos para um café, assim podemos relaxar um pouco. - Emily sabia que sua irmã não estava em Quântico apenas para visita-la ou trabalhar, ela sabia que acontecera algo com ela e era sério.

Ela havia noivado com 18 anos mas ela não estava usando aliança nenhuma mais. Alguma coisa aconteceu e ela precisava saber o que era, ela só sabia que tinha algo a ver com seu noivado, já que seus pais nunca aceitaram pelo fato de ela ser bissexual. Emily temia que por conta da personalidade conservadora de seus pais, Charlie tenha se machucado. Mas não era isso que estava acontecendo.


Notas Finais


até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...