História ANGEL - Yoonmin - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan, Bangtan Boys (BTS), Botton!¡jimin, Minyoongi, Parkjimin, Top!yoongi, Yoonmin
Visualizações 364
Palavras 1.739
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 26 - 25 - Infiltrado 1


- Eu contei a ele tudo. - Jin disse tomando um gole de café em seu escritório na empresa de seu pai. Tinha acabado de sair da casa dos Park e estava nervoso por tudo. Ele tinha achado alguem, alem de Yoongi, que o deixava vulnerável, e isso mexia demais com o psicológico dele. 

- Tudo? - a pessoa a sua frente franziu a testa - Tudo?

- Ok, não tudo - o mais velho disse cruzando as pernas longas sentado na sua cadeira - Eu disse a meia verdade, contei sobre a wings, sobre a prisão, sobre a aposta...

- Sobre a aposta?

- Sim Jungkook, mas eu repeti aquela historia toda que a cypher é pior, disse que o Yoongi não prestava, disse que ele era drogado, disse que ele tava afim dele, pra ele tomar cuidado...

-  Meu Deus, e por que fez isso? - Jungkook disse parecendo surpreso, mas na verdade não estava. Conhecia Jin muito bem para saber que por trás daquilo devia ter um plano bem ardiloso, ele não era do tipo que metia os pés pelas mãos, nunca fora, a não ser que... - Jin você ta apaixonado pelo Jimin?

Jin ficou em silêncio, passando a língua por sua bochecha e olhando a xícara em sua mão - Eu fiquei... - ele respirou fundo - fiquei apavorado Jungkook, ele é amigo do Taehyung, e ele já tentou me dedurar em frente a ele na aula. Eu já percebi que o Jimin é esperto e inteligente, não é o cara mimado e tapado que eu achei que fosse, não ia demorar pra ele juntas as coisas, ou ate pesquisar.

- Você, apavorado Jin? O que ta acontecendo? Achei que tava focado no plano...

- As vezes eu falho ok? - ele se levantou, passando as mãos pelos cabelos - as vezes dói muito e eu só queria o Yoongi comigo como antigamente. As vezes é difícil carregar tudo isso, eu sinto muita falta dele...

- Então porque só não conversa com ele? Porque bolar tudo isso pra prejudicar ele? Porque ficar machucando ele assim?

- Porque ele me traiu e me trocou! - ele se exaltou, falando mais alto na pequena sala - Ele não quis ser meu irmão! Não quis ser minha família! Ele era meu melhor amigo, tudo que eu tinha e ele me abandonou por causa de um pai drogado e uma mãe morta! Me deixou sozinho pra enfrentar meu pai louco e por isso eu virei o que virei! A culpa é toda dele e ele tem que pagar! 

- Tudo bem, tudo bem - Jungkook disse levantando as mãos e se aproximando - Você sabe que eu concordei com isso porque não quero o Jimin com o Yoongi, não quero ele com um assassino, com alguem que colocou a culpa em outra pessoa pra escapar da cadeia, mas isso não significa que quer ele nessa bagunça então, se decida ante de envolve-lo mais nisso.

Jin estava vermelho e respirava fundo o olhando - Eu nunca o colocaria em perigo, Yoongi sim.

Jungkook assentiu - Vou confiar nisso. Eu preciso ir, tenho aula agora a tarde, nos falamos depois, se acalme. 

O mais novo saiu da sala, o coração acelerado no peito mas a feição impassível. Já tinha um tempo que convivia com Seokjin, tinha conquistado sua confiança e assim ficado sabendo dos planos do Kim contra Yoongi. Apesar de novo e parecer inocente, Jungkook carregava segredos pesados e uma vida dupla que ele tentava ao máximo conciliar. Tudo estava indo bem, ate que seus amigos foram envolvidos em tudo e ele precisou se colocar no meio. Só torcia para no final tudo ir de acordo com seu plano.

💣

Yoongi apertava uma engrenagem na moto a sua frente, as mãos sujas de graxa e a testa suada. Sua cabeça passava milhões de coisas. Primeiro: algo havia acontecido com Jimin quando foi conversar com Jin naquela manhã. Segundo: Jimin estava escondendo algo dele e isso o deixava completamente angustiado.

Não era bobo de pensar que alguem como Jimin, filho de um ex agente do fbi e treinando pra ser policial não teria ele proprio um plano secreto. Ele sabia que Jimin ainda o escondia muitas coisas, assim como ele proprio escondia coisas dele, ainda não sabia como lidar com tudo aquilo, porque, ao mesmo tempo que queria continuar com tudo queria jogar a vingança pro alto e sumir.

Um paz de pés em um tênis duvidosos parou em sua frente do outro lado da moto. Ele ergueu o olhar para encontrar seu informante. - Já?

Jungkook deu um meio sorriso - Não durmo no ponto. Você quer mesmo saber? 

- Quero - Yoongi se levantou, limpando as mãos no pano amarrado em sua cintura e indo ate um canto afastado do lugar.

O mais novo deu um longo suspiro - Então, ele contou a verdade pra ele.

Yoongi juntou as sobrancelhas - O que? Como assim?

- Contou das gangues, da prisão, da aposta...

O bad boy abriu a boca, incredulo - O que ele ta tentando fazer com isso? Com certeza me colocou como vilão da historia, como sempre...

- Sim, contou toda aquela historia sobre você ser drogado e perigoso, mas parece que nao contou a historia de que você tinha jogado a culpa do assassinato nele, parece que ele contou outra historia...

- Bem que o Jimin tava bem estranho quando voltou, ele gaguejou, eu senti que tava me escondendo alguma coisa... - Yoongi se afastou mexendo no pano que estava em sua mão.

- Você acha que ele acreditou no Jin? 

- Não, Jimin não cairia desse jeito, não quando ele proprio presenciou algumas coisas que Jin fez, mas ele não me contou, então deve ter algum plano por trás.

- Jimin é mais inteligente e estrategista to que a gente pensa hyung...

- Esse é o problema Guk, eu tenho um plano, você tem um plano, Taehyung tem um plano, Jimin tem um plano, Namjoon tem um plano e Jin tem um plano... desse jeito cada um vai ir pra um lado e nada vai dar certo!

- E você acha que a gente deve fazer o que? Montar um clubinho e fazer um plano juntos? Sabe como vai ser dificil explicar da onde a gente se conhece? Da onde eu conheço o Jin? Como a gente ja sabia que o Jimin era da policia, que eu to mentindo pro Taehyung... meu Deus isso ta uma bagunça... - o mais novo arregalou os olhos.

Yoongi deu uma curta risada - Eu vou tentar conversar com o Jimin, começar a alinhar os planos ali, dai a gente começa a alinhar os nossos. - ele caminhou ate em frente a ele - Obrigado pela informação Guk, mas aquela informação que eu queria...

- Não, não tem nem como eu perguntar isso pro Taehyung, ele não faz ideia de que to envolvido nisso tudo, como que eu pergunto se o Jimin tem algum informante la dentro? Ele acha que eu sou inocente em tudo! 

Yoongi riu novamente - Ta gostando mesmo dele?

- Eu preciso ir embora, tenho aula e meu carro ta parado la fora, preciso sair daqui. Me conta depois como foi com o Jimin, sem detalhes por favor.

- Nunca te contaria os detalhes - ele riu e voltou a moto enquanto Jungkook saia da oficina.

Quanto mais ele achava que estavam avançando em resolver tudo, parecia que tudo estava indo para o oposto do fim e isso o deixava completamente cansado. Estava cansado da agitação, cansado da adrenalina, cansado de viver pelo peso das escolhas dos outros. Queria ser livre pra viver do modo como queria. 

E agora ainda tinha Jimin, e todo seu coração e corpo clamava e batia por ele. Era terrivel e ao mesmo tempo incrivel. Pela primeira vez em anos ele sentia paz com alguem, e não queria se desfazer daquilo, não queria perder Jimin. 

Sabia que o mais novo era obstinado, e com certeza estava agindo por suas costas, mas isso era algo que ele ja esperava desde antes, desde que pediu para Taehyung o atrair ate a festa da gangue para que ele pudesse se aproximar. 

Nunca foi a intenção dele se apaixonar, nunca foi sua intenção se envolver dessa maneira, quando viu ja estava no meio do caminho, não controlou seu coração que começou a bater frenetico no peito cada vez que via Jimin ou ouvia sua risada ou sentia seu sorriso enquanto se beijavam.

E quando viu ja era tarde demais, já estava completamente apaixonado.

Na noite daquele dia ele estava no terraço bebendo cerveja olhando para o céu. Não tinha falado com Jimin naquela tarde, na verdade nem tinha pegado no celular, precisa pensar.

Mas sabia que o mais novo viria atras e não foi surpresa quando ele ouviu a porta se abrir e o loiro surgir, fechando o casaco a sua volta e seus cabelos voando pela brisa gelada que passava por ali - Oi sumido - ele disse com um pequeno sorriso se aproximando ate ficar em frente a Yoongi, sentando em seu colo sem cerimonia, passando cada perna em volta do seu corpo, o abraçando. - Ta frio aqui... vamos entrar...

- Seu frio ja vai passar... - Yoongi disse procurando os labios de Jimin e o beijando com vontade. Uma mão pousou na base de sua coluna e a outra se apossou de sua nuca, sentindo os labios se entreabrindo e a lingua gostosa fazendo contato. Era intenso e sensual. Yoongi sentia todas as suas terminações nervosas ligadas, todas respondendo aos toques de Jimin. Se sentia vuneravel ali, com ele, entregue, completamente sem defesa. 

Ele sentiu as mãos de Jimin agarrarem seus cabelos e seu corpo se movimentar junto com o seu, ja despertando seus corpos, e Yoongi abaixou os labios, indo ate o pescoço do mais novo, que inclinou a cabeça pra trás, dando mais contato a ele, suspirando e gemendo baixinho. Ele mordeu de leve o local, voltando para a boca carnuda e beijando com mais vontade que antes. 

Jimin se contorcia mais, friccionando sua bunda na ereção de Yoongi - Vamos entrar, vamos entrar Yoon... - ele disse entre arfares quando Yoongi mordia seu queixo e lambia sua mandibula.

- Vamos sim - ele disse coma  voz mais baixa e rouca - mas primeiro - ele se afastou para olhar em seus olhos - primeiro você vai me contar o que ta escondendo de mim.

💣



Notas Finais


FOGO NO PARQUINHO
hehehehehehehehehe


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...