História Angel - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Chenle, Doyoung, Haechan, Jaehyun, Jaemin, Jeno, Jisung, Johnny, Kun, Mark, Personagens Originais, RenJun, Taeil, Taeyong, Ten, Winwin, Yuta
Tags Chenle, Chittaphon, Donghyuck, Doyoung, Haechan, Jaehyun, Jaeje, Jaemin, Jeno, Jisung, Johnny, Jungwoo, Kun, Lee Jeno, Lemon, Lucas, Mark, Mark Lee, Na Jaemin, Nakamoto Yuta, Renjun, Taeil, Taeyong, Ten, Winwin, Yaoi, Yuta
Visualizações 93
Palavras 2.525
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shounen, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLE OLE OLE OLEEEE

Carnaval ja passou mas tamo ai ne kk

COMO EU SOU UM AMORZINHO, VIM POSTAR CAP MESMO AGONIZANDO EM DOR POR CÓLICA E COM A BATERIA ACABANDO

~ eu gasto uns 5% só revisando o cap pra posta kk. Paciência é uma virtude

Não enrolarei, já q eu também to só um caco aqui

Espero que gostem do cap!!

Fighting! 💚

Capítulo 5 - Voltando ao país


    POV JAEMIN

Mais de tarde, os outros membros voltaram da ida ao centro e todos pareciam muito empolgados, menos Donghyuck.

_Talvez seja melhor eu falar com ele._

- Haechan. . .? - Ele me olhou e forçou um sorriso - . . . Quer conversar?

- Não, Jaemin, tá tudo bem. . . - Ele forçou outro sorriso.

- Donghyuck, o senhor mente mal, sabia? - Ele suspirou e olhou para Mark - Ele fez alguma coisa? Não fez? Conversaram?

- . . . Ele me ignorou o dia todo. . .

_Isso se chama cuzisse. Mark Lee, não é assim que se resolve a situação. . ._

- Nem ao menos tentou falar o que você sente? Conversar com ele? - Ele negou com força.

- Não! Não adianta, Jaemin! Você sabe como ele é, não sabe? - _Infelizmente. . ._ - É inútil tentar. . . Olha, não se preocupe comigo, eu vou esquecer disso rapidinho!

- Não é assim que as coisas funcionam. . . - Fui ignorado. Haechan saiu andando para seu quarto e vi Mark segui-o com o olhar, mas nenhuma atitude tomou.

_Olha só, odeio clichês, cu doce, drama. . . Eu sei, eu basicamente " me odeio ", mas cara, é tão difícil ser civilizado e ter pelo menos a porra de uma conversa com o outro? Não vai matar ninguém!_

- EU FALEI PRA NÃO FAZER ISSO, RENJUN, SEU-

Todos pararam de conversar entre mini grupinhos e olhavam pra Jeno com uma sacolinha na mão, gritando com Renjun. O chinês ria sem parar.

- Não grite no meio do corredor, Jeno - Taeyong pediu.

- . . . Ah, sim. . . - Ele estava visivelmente envergonhado.

_Pra que tanta agressividade?_

Fui para meu quarto e encontrei as duas crianças fazendo uma guerrinha entre si.

- Jaemin! Me ajuda! KYAAHAH - JiSung derrubou Chenle no chão e eles continuaram a guerrinha.

- Olha, não destruindo o quarto ou bagunçando a minha cama, está ótimo.

Deixei a comida trazida por Jaehyun para mim guardada no armário e fui ouvir as histórias dos hyungs sobre esse passeio.

- Gente - Taeyong hyung chegou, parecendo um pouco apreensivo - Deu um erro nas gravações de um dos yearbooks, então teremos que refaze-lo. . .

_Só tá dando merda ultimamente ein?_

- Não dará tempo o suficiente. . . Adiaremos o vôo? - Jeno pareceu ficar mais apreensivo do que Taeyong.

- Sim.

_Esse nem deveria ser o problema, mas sim, a " futura namoradinha " dele. . ._

- Vai ficar tudo bem, Jeno, talvez até tenhamos tempo - Winwin tentou acalma-lo.

- Sim, obrigado, hyung - Jeno esboçou um sorriso rápido e foi para seu quarto.

No dia seguinte, fomos nos estúdios e tivemos que regravar o yearbook no qual Jeno parecia nerd.

- Cá estou eu mais uma vez parecendo um nerd - Ele sentou-se no sofazinho e eu, ao seu lado. - Aah, estou tão cansado.

O folgado colocou as pernas em cima das minhas e relaxou.

- Que folga, ein? - Rimos e ele pegou uma câmera.

Acabamos por gravar um pouco, tipo, os bastidores, sabe? Só que mais a gente. Não me contive e provoquei Jeno um pouco também.

- Depois de tanto tempo. . . Mostre um talento seu, Jaemin. . . Rápido!

_Eu não sou bom para pensar sobre pressão!_

Acabei por optar usar meu lado mais carente e insinuar que ia beija-lo na bochecha.

- Salvem-me! - Nessa hora, Mark chegou.

Mark filmou-se um pouco e depois entregou a câmera pra gente.

_Hoje eu to que to, vou provocar mais um pouco hahah._

Fiz um gesto aleatório com a boca e Jeno resolveu entrar na onda e provocar-me de volta.

- Vou te fazer calar a boca - Ele levou seus dedos até meu queixo e acariciou um pouco abaixo do meu lábio.

- É assim que faz alguém calar a boca, Jeno? - Segurei uma risada e ele sorriu provocador.

- Prefere que eu te beije, Nana?

- Deus me livre, sou fiel somente ao meu travesseiro. - Rimos e ele ajeitou seu óculos.

- É muito melhor me beijar do que beijar um travesseiro - _Ele afirma isso com tanta convicção que chega a ser engraçado._

- Sério? Quem disse isso? Yomi? Ela deve ser meio perturbada. Imagina só, beijar você? Nem em meus piores pesadelos.

- Drama queeeeen! Nem por 1 milhão de dólares?

- Está tão interessado assim para que eu te beije? - Comecei a rir por ele ficar sem jeito.

- Eu tava só brincando! Eu sou fiel somente a Yomi! - Sorriu bobo e mandou algumas mensagens pra ela.

Depois de um tempo , terminamos a curta filmagem e aguardamos nossas vezes para regravar.

- Suas coxas estão meio gordinhas - Alisei a coxa gordinha de Jeno e ele riu baixinho.

- Minha perna tá igual a sua, Jaemin, não inventa.

_Eu só engordei 2 quilos e me sinto obeso, como continuo igual a ele?_

- Não vou nem discutir com você.

Fiquei conversando com quem passava e a folga do Jeno aumentava cada vez mais.

- Eu tenho cara de cama, Jeno? - Ele resmunga e deita a cabeça no meu colo.

- Tem. - Continuou a mexer em seu celular e me ignorar.

_É cada uma, ein._

Me levantei dali e ele quase cai do sofá.

- AVISA QUANDO FOR LEVANTAR PELO MENOS, NÉ.

- Uhum, ok - Ignorei ele e fui gravar minha cena.

Uma coisa que eu não havia dito era sobre a live NCT 2018, onde todos os membros estariam reunidos. É um grande projeto que mostraremos além de apresentar os novos membros.

Depois de um bom tempo gravando, voltamos para o hotel cedo e todos estavam cansados.

- Vão dormir que amanhã pegaremos nosso vôo ás 13, ok? - Todos concordaram e foram para seus quartos.

Não demorou muito pra eu ouvir batidas na porta.

_Eu só quero dormir. . ._

- Vou apagar a luz, boa noite hyung - Jisung apagou a luz e deitou-se.

Liguei a lanterna do meu celular e fui até a porta, abrindo-a.

- . . . Oi - Jeno estava parado, vestido com um pijama listrado e um travesseiro em suas mãos.

- . . . Entra - Suspirei e ele sorriu.

_Jeno é extremamente folgado e carente._

- Desculpa, acho que estou ansioso de novo - Disse, deitando-se na minha cama todo espaçoso.

- Gostou é de dormir comigo, isso sim! - Empurrei as pernas dele e deitei-me ao seu lado.

- Agora vai ficar se achando? Vou dormir com o Jisung. - Levantou-se da minha cama, mas Jisung interrompeu-o.

- Nem vem, hyung, na minha cama só eu deito. Jaemin é trouxa e te deixa deitar na dele, vai com ele. Com todo respeito, hyungs.

_JiSung quando está realmente cansado pode ser meio agressivo e não medir consequências, mas é claro que ninguém vai ficar bravo com ele._

- Ofendido! - Brinquei - Não sou trouxa, ok? Só tenho bom coração e deixo quem é que queira dormir comigo!

- Isso saiu muito errado, Jaemin - Jeno conteve o riso e eu percebi o lado que ele levou aquilo.

- JENO! EU NÃO SOU UMA PUTA NÃO, PORRA! SAI AGORA DO MEU QUARTO!

O Maknae e Jeno começaram a rir e isso me deixou constrangido. _É querer demais poder ir dormir?_

- Desculpa, Nana! Sei que só daria esse seu cu doce pra mim - Jeno provocou e me abraçou de lado.

- Se eu quiser, dou pra puta que pariu e não, não daria nem pra você e nem pra ninguém porque eu sou fiel ao meu travesseiro - Larguei ele e deitei-me na minha cama, abraçando meu travesseiro.

- O travesseiro no qual eu babei - Corrigiu e eu ignorei. - Me deixa dormir com você, vaaai!

- Por que não dorme com os outros? Tem mais 15 membros disponíveis.

_Jeno é tão amigo de todos que não teria problemas com isso._

- Por que os outros devem estar ocupados com seus assuntos pessoais e você é mais íntimo comigo.

- Agh, me poupe, Jeno. . . Deita logo ai.

- Hyungs, só não façam muito barulho, eu quero dormir!

_Não sei em qual sentido JiSung quis dizer aquilo, mas automaticamente levei pro mal sentido._

-  Prometemos ser silenciosos, né, Nana? - Ele acariciou minha bochecha e graças a boa escuridão, não deu para perceber o quão envergonhado estou agora.

_Por mais que seja uma brincadeira, meu corpo reage como se fosse verdade. É extremamente embaraçoso. . ._

- Silencioso vai ser o tapa que eu vou te dar daqui a pouco, Jeninho - Sorri ironicamente e os dois começaram a rir.

- Aiai, o amor é lindo. . . Boa noite, hyungs - JiSung finalmente decidiu fazer a melhor escolha que ele podia ter feito na vida.

- Tão lindo quanto o Jaemin? Hah, difícil. - _Estou realmente me segurando para não empurrar esse trash humano da cama. EU NEM SOU RELIGIOSO, MAS TO REZANDO PRA TUDO QUANTO É DEUS AGORA._

- Jeno, ai de você o dia em que eu conhecer a Yomi! Eu vou virar psicólogo a todo custo pra saber qual o tipo de problema mental que ela sofre pra gostar de você! Porque olha. . .!

- Para me aturar, Você deve me amar demais!!

- Jeno, vai dormir - Me virei de costas para ele e senti sua respiração no meu pescoço, aproximando sua cabeça do meu ombro.

- Era brincadeira, Nana - A voz dele ressoava calminha.

- Eu sei, seu besta - Ri e senti o braço dele alisar o meu. - Mas agora é sério, vai dormir, Jeno.

- Ok. Boa noite, Jaemin.

- Boa noite, Jeno.

POV JENO.

Na espera para o embarque, pude marcar com a Yomi dela me esperar na SM, ja que esperar em aeroporto não dá certo, ás vezes.

O trio Kun, Lucas e Jungwoo fazia um almoço rápido em umas das lanchonetes do aeroporto, enquanto Taeyong, Ten, Jehyun, Johnny, Doyoung e Yuta tomanvam alguns sucos, refris e cafés ao lado do trio. Taeil ouvia música com Winwin num banco mais afastado. Haechan conversava com Renjun, juntamente com Chenle. Mark estava discutindo com uma atendente pelo troco errado enquanto JiSung assistia, rindo e Jaemin lutava contra o sono ao meu lado.

- " Vai dormir, Jeno " - Imitei ele, exageradamente - Quem realmente precisava dormir era você.

- Isso é culpa sua! Se não tivesse me chutado e roncado alto enquanto dormia, eu estaria em perfeitas condições!

_Tem noites que eu tendo a roncar e me mexer um pouco como tem noites que eu fico quietinho. Meu sono é uma máquina de surpresas._

- Dorme no avião.

- Como se fosse fácil. . . - Resmungou e fechou a cara.

Depois de um embarque rápido, acabei por ficar com Jaemin e Donghyuck no banco do avião. Eu estava entre os dois.

- Merda, vou virar vela agora - Ele resmungou e eu comecei a rir.

- Vela? Com esse fogo que você tem no cu, vai si próprio derreter, Donghyuck - Jaemin provocou e eu acabei por rir mais ainda.

_Eu sou uma pessoa muito risonha, não desistam de mim._

- Isso eu não discordo - _Até Haechan não discorda do fogo dele._ - Mas. . . Agh, isso vai mudar, sério.

- Ei, não vamos entrar nesse assunto. . .

_Eu sabia que ele ficaria muito mal se falássemos disso de novo, então, pra evitar choramingos. . ._

Jaemin retirou uma almofada de sua mala de costas e apoiou-a em meu ombro.

- Nem queira me chamar de folgado, sendo que quem é o folgado aqui, é você. - _Como ele sabia. . .?!_

- Não to falando nada, dorme ai.

As 3 horas de vôo da Tailândia para a Coréia do Sul foram bem tranquilas até. Jaemin dormiu encostado no meu ombro a viagem inteira, enquanto interagi com Donghyuck sobre assuntos diversos.

- Boa sorte pra acordar o namoradinho. - o hyung riu e levantou-se para sair do avião.

- Hahah - Ri irônico.

_Mas realmente, Jaemin parecia bem cansado e dormia tão bonitinho ao meu lado. . . Dá pena de acordar._

- . . . Ei. . . Nana - Chacoalhei levemente meu ombro e ele acordou.

- Huh. . .? A gente já chegou? - Ele mal conseguia abrir os olhos e tentava processar tudo.

_Isso é bem fofo._

- Já. Vamos - Levantei-me e sai do avião.

_Eu estou completamente ansioso para ver a Yomi, já que faz umas semanas que ela viajou e agora essa ida a Tailândia. . ._

Chegamos no prédio principal da SM para ir resolver umas coisinhas antes de irmos para os dormitórios.

- Jeno! - Pude ouvir a voz dela de longe.

- Yomi! - Corri até ela e abracei-a.

O povo fazia alguns comentários lá na entrada da SM, mas eu ignorei e foquei nela. Estava linda como sempre. Seus cabelos longos e escuros com algumas pontas vermelhas pareciam mais macios do que nunca. Seus olhos castanhos me encaravam e um sorriso largo mantinha-se em sua cara a todo o momento.

- Senti saudades de você, peste - Apertou de leve minhas bochechas e sorriu mais.

_Nosso relacionamento/amizade é constituido de muito amor e respeito um pelo outro._

- Eu também, baixinha envocada! Aliás, cadê meu presente, ein?! Vim curioso da Tailândia até aqui pra saber o que é!

- Está aqui - Ela entregou-me uma sacolinha toda decorada e bonitinha - Mas já disse, não é grande coisa!

_Se receber um tablete de chocolate, uma pelúcia e uma fucking pulseira banhada a ouro escrita " Fuck You " não é grande coisa, então meu senhor. . . Imagina o que é!_

- Yomi! Eu amei! - Sorri todo bobo - Essa barra não dura um dia! E essa pelúcia de ursinho? É pra suprir minha carência noturna? - Ela assentiu e eu ri - Obrigado. . . E mano, essa pulseira. . . Melhor item - Coloquei na hora e vi como era extremamente foda.

- Fico feliz que tenha gostado!

- Eu também trouxe um negócio da Tailândia! Dei uma saidinha rápida depois de uma das gravações em uma lojinha que tinha ali perto. . . - Revirei minha mala e encontrei uma embalagem de presente. - Aqui!

Ela pegou e abriu, sorrindo ao ver o que era.

- Chaveirinhos de elefantinhos?! Eu adoro chaveiros, Jeno! Agh! Vai se fuder! Tão lindo! - _Quando Yomi está realmente feliz, ela me xinga constantemente._

- Isso realmente foi um " não é grande coisa ". Eu só olhei e achei a sua cara.

- Eu amei! Vou colocar na minha mala depois.

Estávamos tão empolgados com a conversa que nem vi Jaemin chegar sozinho ao meu lado.

- . . . Jeno, só falta você pra assinar umas papeladas, coisa rápida e. . . - Jaemin olhou pra Yomi - Você deve ser a Yomi, certo?

- . . . Eu mesma. . . - Yomi estava um pouco envergonhada. _Ela é tímida com estranhos._

- Jeno me falou muito sobre você - Ele sorri e nesse momento, senti vontade de enforcar ele. - Você merece um óscar por aturar e amar ele. . . EU APOIO O CASAL.

Jaemin saiu correndo quando eu ameacei bater nele.

_CARALHO JAEMIN, ASSIM VOCÊ ARRUINA MINHAS CHANCES E AINDA ME ENVERGONHA! EU VOU MUITO MATAR ELE NO DORMITÓRIO._

- E-Ele estava brincando! Não liga pro que ele disse - Eu estava completamente sem jeito de falar com Yomi agora.

- Tudo bem, pelo menos alguém nos apoia - Ela sorriu meio tristinha. - Tenho que ir agora, Jeno, nos falamos depois.

Antes que eu pudesse questiona-la sobre o que ela quis dizer com aquilo, ela me abraçou rapidamente e saiu correndo em direção ao estacionamento da SM.

_Alguém me diz o que caralhos acabou de acontecer aqui?_


Notas Finais


Desculpem-me qualquer erro ortográfico

VOU CORRER ENQUANTO POSSO ~ mentira, nem posso mover um músculo por essa dor infernal, então né kk

YOMI SUPER FOFA E ATENCIOSA? JAEMIN APOIANDO CASAL? #JEMICASAL2018 ?

O QUE SERÁ QUE RENJUN TROUXE PARA JENO? SKSKSKKS É ALGO BEM ALEATÓRIO EU DIRIA

Esse Markhyuck bolado ai ein, kk, agora só sofrencia

Comentários me apoiam demais para continuar 💚💚

Abraçinhos e coraçõezinhos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...