História Angel - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Abuso, Drama, K-idols, Romance
Visualizações 15
Palavras 950
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Luta, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - Chapter Thirteen


Fanfic / Fanfiction Angel - Capítulo 13 - Chapter Thirteen

TH: Então pensei da gente ir para a casa na praia da minha família, pedi permissão e eles liberaram já que é feriado na quinta nós podemos ficar até domingo já que o aniversário dele é no sábado. Há e vai ter uma festa na praia então podemos curti esses dias lá, eai?


JM: Acho uma excelente ideia já que ele não gosta muito de festas surpresas. *sorrir animado*


TH: Temos que avisar o pessoal.


JK e S/n: Avisar o que?


TH: *Dá um pulinho e poem a mão no peito* Quer me matar do coração?


JK e S/n: Desculpa....


TH: Tudo bem, sentam ai preciso falar minha ideia rápido antes que ele chegue.


Eles se sentam e eu explico e eles disseram que é uma ótima ideia.


TH: Então tá combinado vamos todos para a casa do jimin quinta de manhã pois ele que vai dirigir para nós, pois é o único com carteira *olho pro jimin*


JM: Mas é um cara de pau mesmo, Mas ninguém aqui sabe dirigir além de mim não?


Todos: Não 


TH: Não se preocupe é só quatro horas de viaje daqui até lá.


JM: Só? Fazer o que né....


SG: Olá pessoal *senta no lugar*


Todos: Olá


SG: Do que vocês estavam falando?


JM: Sobre o que vamos fazer no seu aniversário.


SG: Há mas você sabe que eu não gosto desse dia *emburra a cara*


JM: Te garanto que vai ser legal a gente quer comemorar poxa.


SG: Tá bom..... No que pensaram?


TH: Vamos para a casa na praia da minha família, na quinta feira *sorrir*


SG: Sério? Isso é bem diferente do que eu já passei....


JM: Viu.... Vai ser legal você vai ver. E vocês dois aí tão bem caladinhos tão aprontando o que?


JK: Nós? Nada só estamos prestando atenção.


S/n: É... gente quem é aquele homem ali na janela?


Olhamos para trás e tinha um homem muito estranho por sinal além de ter uma cor de um defunto. 


JM: Credo ele me dá arrepios *Dá uma tremidinha*


TH: Professor não vai vim hoje eu acho, já era pra ele ter chegado *digo olhando a hora no celular*


SG: Ótimo eu vou dormir *abaixa a cabeça*


S/n: E eu vou no banheiro *levanta e sai*


S/n on


Vou em direção ao banheiro mas ao longo do caminho um cheiro de podre começou a subir, quanto mais perto chegava do banheiro mais forte ficava, então senti a presença de alguém atrás de mim, olho para trás e nada então viro pra frente e lá estava ele,dou um passo para trás.


Xxx: Seu pai fez um ótimo trabalho em esconder você de mim *Me olha de cima a baixo*


S/n: Quem é você? *digo séria*


Xxx: Um alguém que quer algo de outro alguém pra recuperar algo de alguém *rir*


S/n: Nossa você é bem engraçadinho *reviro os olhos* 


Xxx: Você não tem medo de mim não?


S/n: Eu não pra quê? *debocho*


Xxx: Olha aqui você devia ter sou muito poderoso tá *coloca a mão na cintura*


S/n: hum.... BU! *ameaço bater nele*


Xxx:*Solta um gritinho* 


S/n: Nossa bem poderoso você viu, se me der licença preciso ir ao banheiro.


Xxx: Espera! *segura meu pulso*


S/n: O que você quer agora? *olho pra ele*


Xxx: É.... É.....


S/n: *Olho com cara de tacho* Tá tchau 


Saio de lá rindo do ocorrido, bem que minha mãe disse eu era pequena mas me lembro muito bem.


Pessoas que tem aparência de cadáver são bem palhacinhas, não leve a sério o que eles dizem, porque você minha filha consegue ver a alma delas então podem tentar te enganar para conseguir algo então cuidado.


Essas pessoas tem um demônio por isso o cheiro de podre. Assim que acabo de usar o banheiro vou direto para a sala correndo não gostaria de falar com aquela alma perdida de novo. Entro na sala e sento no meu lugar e os meninos olha pra mim.


S/n: Que? *olho para eles sem entender*


JK: Você demorou ficamos preocupados, o que aconteceu?


S/n: Nada demais, relaxa galera.


SG/TH/JM/JK: DESEMBUXA!


S/n: Aish.... Não tem aquele homem? *eles concordam* então me parou pra falar baboseiras.


JK: Ele tentou fazer algo? 


S/n: Não não *rir lembrando dele* ele é um medroso.


JK: Há bom.


JM: Hum se ele tivesse feito algo....


SG/TH: ele ia morrer!


S/n: Gente eu sei me defender também não se preocupe.


Todos me olharam sério e eu ri da cara deles logo depois eles também riram.


✶⊶⊷⊶⊷❍⊶⊷⊶⊷✶


 Como o professor não tinha vindo, muito estranho por sinal Hyun-ki não é de faltar a não ser que ele esteja com meu pai...... Eu espero muito que não eles são uma pedra não, não mas considerável uma rocha no meu caminho.


 Como estava dizendo como o professor não veio mandaram a gente para casa, nesse exato momento estamos no carro do Jimin indo ao shopping eu,kook e suga atrás e o tae na frente pois ele insistiu em ir lá. Está me dando uma grande vontade de rir porque o jin e o j hope estão em cima do carro rindo igual uma hiena, olhei para o suga e ele também queria rir. 


Assim que chegamos decidimos ir comer, enquanto comiamos percebi que alguém tava olhando, olho para o lado e era o meu pai era só o que me faltava agora ele não vai me deixar em paz, suspiro e Kook percebeu não só ele como o Suga, Jin e o Hobi. Jin apenas sussurrou vai ficar tudo bem, dei um pequeno sorriso e olhei discretamente para ele e lá estava ele com aquele sorriso e o olhar maldoso que nunca sai daquela cara maldita. O olhar estava tão pesado que pedi licença e sai de lá correndo o mais rápido possível, decidi sentar nas escadas que levam ao estacionamento, passo a mão no rosto e respiro fundo então sinto uma mão no meu ombro, assusto mas era só o Suga. Ele senta do meu lado e me abraça de lado.


SG: S/n eu.........



Notas Finais


Oiiiiieeeeee tudo bem? Desejo muito que sim :3 espero que tenham gostado beijinhos até o próximo 💕💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...