História Angel's Death Eater - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alvo Dumbledore, Argo Filch, Avery (Marauder-era), Barão Sangrento, Bellatrix Lestrange, Harry Potter, Horácio Slughorn, Lílian Evans, Lílian L. Potter, Lord Voldemort, Lucius Malfoy, Minerva Mcgonagall, Pedro Pettigrew, Personagens Originais, Regulus Black, Remo Lupin, Rita Skeeter, Rúbeo Hagrid, Severo Snape, Sirius Black, Tiago Potter, Tiago S. Potter, Tom Riddle Jr., Tom Riddle Sr.
Tags Amor, Bem, Comensais, Fanfic, Harry Potter, Hogwarts, Lord Voldemort, Magia, Mal, Marotos, Primeira Guerra Bruxa, Puro-sangue, Severo Snape, Severus Snape, Sirius Black, Slytherin, Sonserina
Visualizações 196
Palavras 1.589
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bom gnt, como eu disse: Dessa vez eu to escrevendo a fic ao mesmo tempo em q to postando, então eu só vou conseguir postar um cap por dia. MAS N DESISTAM DE MIM 😗😗

Boa leitura 💚🐍💚

Capítulo 3 - Marca negra


Fanfic / Fanfiction Angel's Death Eater - Capítulo 3 - Marca negra

    ~ 2 setembro de 1977 ~

      [Beira do Lago Negro ]

Severus se levanta rapidamente e encara Sirius, Tiago, Remus, Pedro e alguns outros alunos.

- O que? Está com medo, Ranhoso ? - Potter diz cercando Severus. O sonserino mexe a boca com a intensão de responder, mas nada passou em sua mente.

- Perdeu a voz, Seboso ? - Pettigrew fala enquanto cerca Severus. Os quatro já estão em volta de Snape, o deixando acoado

- Deixa eu ver... - Sirius arqueia a sobrancelha - Está assim porque sua nova guarda-costas não está aqui ? - Black solta um riso debochado

- Eu não preciso de guarda-costas, Black. Já vocês precisam estar em quatro para ter chances comigo - Severus rebate e os quatro riem

- Vamos ver se fica tão valente depois disso - Sirius aponta a varinha para Severus, o que faz o moreno ficar de cabeça para baixo. Na mente de Severus vinha lembranças do dia em que ele perdeu a amizade de Lilian...

- Me tira daqui, Black! - Severus se debatia no ar enquanto todos ao redor dele riam da sua situação.

- E por que eu deveria fazer isso ? Está muito divertido te ver desse jeito de novo - Sirius diz com um sorriso diabólico no rosto.

- O que você quer com Lílian ? - Potter diz nervoso

- Lílian ? - Severus diz confuso ainda se debatendo

- Sim... Mandou sua guarda-costas atrás de Lílian. - Potter se aproxima de Severus e o puxa pela longa capa - Você não entende que Lilian não quer mais saber de você, Seboso ?

- Eu não mandei aquela garota atrás de Lílian - Severus diz entre os dentes - Me tira daqui ! - Novamente todos riem debochados da situação do sonserino. Black olha de relance e vê Violet se aproximando deles, destraida. Sirius lança um feitiço não-verbal que faz as calças de Severus caírem... Da mesma maneira que eles fizeram há dois anos atrás. Violet chega perto deles e arregala os olhos ao ver o amigo naquela situação, e deixa seu cachecol cair no chão. Severus para de se debater quando vê a garota completamente chocada. - ME TIRA DAQUI, BLACK - com toda a fúria que Severus tinha dentro de si e deu um grito. Violet se assusta.

- Como queira - Sirius sorri vitorioso, pois sabe que conseguiu o que queria, e então solta Severus. Snape cai no chão e se levanta ajeitando suas calças.

-Severus! - Violet se aproxima de Severus e ele respira fundo irritado.

- O que você quer garota? - Severus fala entre os dentes

- Vem... Eu te ajudo - Violet toca levemente no ombro de Severus.

- SAI! - Severus berra assustando a garota - EU NÃO PRECISO DA SUA AJUDA, ENTENDEU ? - Severus anda lentamente em direção a garota, enquanto ela vai para trás - EU NÃO SOU SEU AMIGO! E SAIA DE PERTO DE MIM. VOCÊ SÓ ESTÁ AQUI HÁ UM DIA E JÁ ME CAUSOU PROBLEMAS ! - os olhos de Violet começam a lacrimejar. Sirius, com os braços cruzados, dá uma leve cotovelada em Potter

- Severus... - Violet fala com a voz afetada pelo choro.

- Me deixa em paz, garota - Snape fala entre os dentes e passa reto pela menina, batendo no braços da mesma. O moreno pega seus materiais e vai embora. Sirius aproveita o estado da menina e chega mais perto.

- Ei - Black segura suavemente os braços da garota, a aproximando mais dele - Não chorei por causa desse idiota - Sirius passa levemente a mão na bochecha de Violet. A garota engole seco e se afasta de Black. - O que ?

- Por que você fez isso com ele ? - A garota fala enquanto enxuga algumas lágrimas

- O que ? - Sirius dá um breve riso incrédulo - Acha que eu obriguei ele a falar isso pra você ?

- Não, Black. Eu não sou essa estúpida que você criou na sua mente. Sei que não obrigou ele a falar isso, mas induziu... Fez ele passar vergonha na frente de todo mundo - Violet olha com certo nojo para o garoto em sua frente. - Mesmo que eu esteja triste e magoada pelo que ele falou, sei que ele está nervoso.

- Ainda não muda o fato dele ter falado isso pra você - Potter se intromete na guerra de olhares entee Sirius e Violet

- Não, realmente não muda. Mas ele tem razão, eu só o conheço há um dia e já quero me meter na vida dele - Violet suspira - Nesse ponto ele está certo... - A garota passa a mão pelo braço - Mesmo achando que ele poderia ter sido menos rude.

- Não é a primeira vez que ele trata uma menina assim depois de ser zoado - Um grifinorio que acompanhava os Marotos acresecenta. Violet olha para o menino com o cenho franzido

- Pera... - Violet dirige seu olhar para Sirius, que passa a mão no rosto e encara o menino com raiva - Foi assim que ele se afastou da Lilian, não é ? - Potter engole seco - Fizeram ele explodir também... - Violet acentua sua expressão de nojo - A cada segundo que passa eu sinto mais desprezo por você, Black - Aquelas palavras proferidas por Violet atingiram Sirius de uma forma que nem mesmo ele entendeu. Sirius olho para a menina com um olhar triste - Mesmo sendo da Grifinória, uma casa tão conhecida pela coragem... Vocês se mostram grandes corvades - A garota balançou a cabeça negativamente, encarando os meninos cabisbaixo na sua frente. Violet deu meia volta e começou a andar

- Espera! você vai atrás dele ? - Sirius fala com a mão na cintura

- Não vou encomoda-lo agora, ele está nervoso. - A garota fala sem se virar para Sirius

- Então, por que está indo embora ? - Sirius diz com o cenho franzido

- Porque eu não quero ficar no mesmo lugar que você, Black - Violet retoma seu caminho, deixando Black com o coração abalado por suas palavras.

- Essa garota é uma metida - Um dos garotos que, acompanhavam Sirius e seus outros três amigos, comenta rindo. Sirius continua olhando para a garota que vai sumindo no horizonte, mesmo assim ele pega o garoto pelo colarinho e fala baixo

- Se você falar assim dela mais uma vez, vou tirar seus dentes um por um - Sirius então olha fixamente para o garoto - Entendeu ? - O garoto engole seco

- S-s-sim

- Ótimo - Sirius dá um sorriso forçado - Agora vocês - Black olha na direção da platéia que assistia tudo - vão embora - Ele diz e solta o garoto assustado.

- Sirius, esquece essa garota. Ela não vai desistir do Ranhoso tão fácil. - Potter diz se apoiando na árvore - Tem um monte de garotas correndo atrás de você... Por que você cisma logo com uma abusada que anda com o Ranhoso ? - Tiago diz enquanto pega uma folha da árvore.

- Eu também não sei - Sirius comprime os lábios - Só estou interessado nela.

- Bom, se quiser separar ela do Seboso, vai precisar de outra coisa. Ela não é tão burra quanto a Lílian - Pettigrew fala e o Potter vai para cima dele, raivoso.

- O que você disse sobre a Lílian, rabicho? - Potter com a sobrancelha arqueada

- E-e-ela n-não é t-tão sen-sensivel quanto a Lilian - Pedro corrigr com medo da reação do namorado de Lilian

- Acho bom... - Potter diz com os olhos cerrados. Sirius franze o cenho ao ver um cachecol perto da árvore. Ele se aproxima da peça e vê as cores verde e branco.

- Violet ... - Sirius diz ao aproximar o cachecol do nariz e sentir o cheiro doce da francesa que estara a tomar seus pensamentos.

- Vem, vamos. Já tá na hora do almoço. - Potter diz caminhando. E os outros quatro o seguem.

     ~ Alguns minutos antes ~

[ Dormitório masculino da Sonserina ]

              { Pov Snape }

Bato com raiva a porta do meu quarto, enquanto algumas lágrimas se acumulam em meus olhos.

- DESGRAÇADOS - Eu grito na intenção de liberar minha raiva. Novamente aqueles desgraçados me fizeram descontar o meu ódio em alguém que não tinha culpa de nada... e se estou certo, Violet não vai querer falar comigo assim como Lílian. Eu só a parede e logo uma corrente eletrica atravessa meu punho, me fazendo sentir uma dor intensa.

Aproximo-me da janela e vejo que o sol não está radiante, o céu está acinzentado refletindo exatamente meu humor hoje. De repente, eu começo a sentir uma forte ardência em meu antebraço esquerdo. Levanto minha blusa e vejo a marca de uma caveira com uma cobra saindo de sua boca, pulsando freneticamente. Isso só pode significar uma coisa : Lord Voldemort está me chamando...

       ~ Segundos depois ~

[ esconderijo do Lord Voldemort ]

            { Pov Snape }

Como alunos não podem aparatar em Hogwarts, eu vou voando para o esconderijo do lorde das trevas. Voar foi uma habilidade que o próprio lorde me ensinou, apenas eu e ele sabemos fazer isso sem o auxílio de vassouras.

Eu subo as escadas e o encontro observando a imensa floresta pela grande janela em sua frente.

- Mi lorde - Eu digo me curvando. Levanto um pouco minha cabeça para observa-lo. Lord Voldemort se vira para mim ajeitando suas vestes.

- Oh Severus... - Ele se aproxima de mim com um sorriso e eu me volto a ficar ereto - Eu tenho um trabalho para você...


Notas Finais


Prometo lançar outro cap hj, já que esse ficou curto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...