História Angels On Earth - Capítulo 96


Escrita por:

Visualizações 10
Palavras 693
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Literatura Feminina, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Mutilação, Pansexualidade, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 96 - My Life


"É por isso que você não tem amigas" 

Frase legal não? E ela fica ainda melhor quando é sua mãe que lhe diz a Realidade.  Não é a primeira vez que eu ouço essa frase, mas é verdade não? Eu não tenho amigos, e é somente um fato sendo jogado na minha cara. Normal. A mesma coisa de dizer que eu preciso perder peso. Ou que eu tenho que ir pro psicológico. 

E isso é mais legal de se ouvir quando você já sabe disso. Já sabe que não tem amigos pq não sabe como fazê-los.  Porque não é comunicativa, que é como um bebê que precisa de atenção que ninguém sabe dar, mas eu acho que tenho que deixar de ser um "bebê" não? Já tá na hora deu crescer. Que do dia pra noite tenho que crescer, tenho que saber fazer tudo aquilo que eles nunca me ensinaram, que nunca se deram ao trabalho de me ensinar a fazer, de me explicar como se faz. E como se em um segundo eu estivesse voando e no outro me arrancam as asas para me virar com as pernas. Como se tirassem as rodinhas da minha "bicicleta" e logo em seguida quiserem que eu já saiba andar facilmente. 

O do peso e o mais legal, e como se eu não me olhasse no espelho todos os dias e me visse na frente dele. Como se fosse cega e não soubesse como eu realmente sou. Como se eu não me olhasse ali e quisesse tirar tudo dali, como se eu não quisesse parar de ter essa barriga. E aí eu comecei a disfarçar. As vezes eu penso que parei de fazer balé por conta da minha última escola ter fechado, mas não, eu parei de fazer o que eu amava por conta do meu peso. Porque eu via minha mãe fazer aqueles sucos estranhos nos finais de semana, de falar para eu comer menos, que o porque deu não ter amigos e porque eu sou gorda. 

Eu sempre lidei bem com esses comentários, era o famoso entra por um ouvido e sai pelo outro. Mas está ficando cada vez mais difícil. Parece que está ficando mais complicado, e definitivamente isso é uma merda.  

Mas eu continuo não ligando, ou melhor eu finjo que não ligo, para tudo ir se acumulando. E vai ficando cada vez pior há, e isso definitivamente e muito legal.

o melhor é quando ela falou que eu tenho que ir no psicológico, porque eu tenho que mudar. Mas o legal é que ela  nem tentou. Ela nem ao menos tentou se aproximar. E parece que ela sempre consegue estragar tudo. Nos estamos tendo um momento legal, aí ela começa a falar do meu peso, das minhas "amizades" inexistentes.

E isso está ficando pior, pq? Pq eu estou começando a ter medo dela, acho que já faz um tempo que eu tenho medo dela, que faço ao máximo pra fugir de seus comentários.  Eu durmo mais cedo. Me tranco no quarto, me isolo. E eles nem ao menos percebem. 

Ela está ficando cada vez mais frequente. A voz feminina está ficando como parte de meu dia a dia. Está tão comum que as vezes parece que eu a enxergo a meu lado. E eu queria tanto que ela fosse real. Pq essa voz que eu ouço e tudo que eu queria. Mesmo se eu fosse pobre, morasse num lixao tudo o que eu mais precisaria era o ser dessa voz era ela. E as vezes parece tão real. Ela me diz que me ama. Me tira da minha mente opressora. E também as vezes tem suas falhas, como um ser humano, mas sempre tenta de redimir pedindo desculpas, fazendo brincadeiras gentis. Ela é tão boa que eu desejava que ela existisse realmente

Mas sabe o que é pior é que se ela ( minha mãe  ) viesse para mim de braços abertos para me dar carinho eu iria até ela como se nada tivesse acontecido, porque eu dou tão carente para esquecer de tudo de ruim que me fizeram para um porco de atenção. E é isso que me faz mais trouxa ainda.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...