História Animals, the new geration - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Meu Rpg
Visualizações 7
Palavras 357
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Mistério, Terror e Horror, Violência
Avisos: Canibalismo, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Prelúdio


Fanfic / Fanfiction Animals, the new geration - Capítulo 1 - Prelúdio

Uma gota de chuva caíra sobre um gato, ele corre para debaixo de uma mesa, uma chuva muito forte bate sobre o vidro, o clima seco, e... e bem frio. Trovadas como pancadas de marretas sobre o céu. Este dia, logo este dia. O gato corre sobre os corredores o mais rápido que pode, ele estava apavorado com a chuva. Então, passos de botas encharcadas fazem com que o gato corra mais, sim, era ele. 

Um homem, com 1,60m de altura destrava um portão, ele respira fundo e entra. O gato passa correndo e o portão fecha.           - É hoje Geralt, é hoje que o mundo conhecerá minha genialidade. Disse o homem que acende uma luz. Uma máquina, como uma escadaria de círculos gigantescos. Ele se senta em uma cadeira. E começa a mecher em seu computador, a máquina começa a trabalhar, um odor forte vindo dela.                     - Tudo pronto, tudo perfeitamente pronto. HAHAHAHAHA! Geralt, meu pequeno(Acaricia o gato) estamos juntos a tanto tempo, e você, é o único que não me abandonou, eu... eu apenas te amo. Sobre as mãos do homem escorre sangue, muito sangue, mas não dele, ele retira uma faca que ele mesmo pôs sobre seu gato e o animalzinho cai no chão. Se rastejando para o seu dono, miando, desesperado emplorando pela sua ajuda. O homem pega seu gato, tira sua pele lentamente com a faca e começa a carregalo.

Ele vai andando, milhares e milhares de pesquisas no chão, corpos não identificados em decomposição. Ele vivera por lá a anos. Ele vai até o núcleo da máquina pelas escadas, puxa uma alavanca. Sua pele está derretendo. O gato à beira da morte olha para o homem, seu olhar mostra tortura e imploração por misericórdia. O homem agarra o pescoço do gato e o joga dentro do núcleo.   - Eles riam de um menino com uma motivação boba, e hoje eu irei rir, porque agora eu mando na porra toda, muitos achavam que eu tava louco, podem acreditar menos agora seus filhos da puta!!! Eu sou o cientista Leugim Are e ag... Após de tudo isso que ele disse... tudo... tudo... tudo começou...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...