História Animando um (Ex) Vampiro - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias IKON
Personagens Jinhwan, Junhoe
Tags Fluffy, Ikon, Jinhwan, Junhoe, Junhwan, Menção!double B, Sobrenatural
Visualizações 91
Palavras 841
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ecchi, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie! Minha primeira Junhwan :') <3
Espero que gostem, desculpem por algum erro ortográfico
Boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo Único


Capítulo Único 

Koo Junhoe suspirou enquanto se olhava no espelho e não demorou para que ele se assustasse ao perceber que estava respirando novamente.

Ele que havia ficado sem fazer aquela coisa tão simples durante séculos, agora necessitava respirar.

Desceu o olhar até sua pele. Apertou suas bochechas com certa força, vendo a pele ficar um pouco vermelha e não continuar pálida como antes. 

Não tinha mais uma aparência de morto.

Ou do Edward de uma saga de vampiros que seu namorado adorava comparar com ele. 

Forçou um sorriso e grunhiu enquanto analisava seus dentes, nunca mais teria seus caninos maiores...

― O que eu voltei a me tornar... ― Junhoe murmurou. 

― Um humano. ― Ele se assustou ao ouvir a voz do namorado. 

― Não ouvi você se aproximar. ― Acabou resmungando. 

― Agora não acredito que você possa ouvir isso. ― Jinhwan sorriu. 

― Não acredito que voltei a ser um humano. ― O maior saiu do banheiro. 

― Eu também não, não sabia que havia chances de voltar a ser humano sem alguma cura. ― Jinhwan observou o outro sentar na cama. 

― Eu também não.... ― O ex vampiro resmungou e o menor suspirou.

Não estava sabendo o que fazer naquele momento, já que nunca havia consolado um vampiro que havia voltado a ser humano. Nunca nem tinha precisado consolar Junhoe em alguma coisa. 

Ele era o vampiro Koo, tinha trezentos anos e era até então um ser imortal. Era uma criatura sem sentimentos, que matava seres humanos e bebia seu sangue, ceifando suas vidas. 

― E como Hanbin está? ― O Kim acabou se aproximando e sentou no colo do outro.

― Está feliz por ter voltado a ser humano e podendo viver a vida humana que ele queria com aquele humano chamado Jiwon. ― Junhoe murmurou enquanto encostava o rosto na nuca do namorado. 

― Está gostando dessa palavra, huh... ― Jinhwan riu baixinho. ― Não fique triste, meu amor. 

― Não estou triste, não me importo com isso. ― Junhoe deu de ombros e o outro lhe encarou. ― O que?

― Você está sim triste, qualquer um consegue perceber isso por causa da sua expressão. ― O Kim bateu levemente numa das bochechas dele. 

― Isso, dói. ― Junhoe resmungou. ― Não doía antes. 

― Claro que não, agora você é humano. ― O menor revirou os olhos. ― É tão ruim assim voltar a ser humano?

― Eu sou alguém fraco agora, não posso protege-lo. ― Junhoe encarou o namorado. ― Então sim, é ruim. 

― Amor...

O ex vampiro arregalou os olhos e se assustou quando o menor lhe abraçou e ficou lhe apertando. 

― Como pode ser um baixinho tão forte. ― O Koo só pode resmungar. ― Você vai conseguir me matar. 

― Desculpa, desculpa. ― Jinhwan acariciou o rosto do outro e espremeu as bochechas dele, fazendo o maior ficar com um biquinho. ― Eu te amo e continuarei amando você seja como um vampiro, um humano ou até um lobisomem. 

― Que ofensivo. ― Junhoe murmurou. 

― Desculpa, meu lindo vampirinho! 

― Não sou mais um vampiro. ― Ele revirou os olhos.

― Não é mesmo, mas ainda vou continuar lhe chamando assim. ― O menor sorriu. ― Meu vampiro lindo, maravilhoso e gostoso que eu amo demais. 

― Que merda, Jinhwan... ― Junhoe desviou o olhar. ― Não diga essas coisas.

― Qual o problema? ― Quando ele afastou as mãos do rosto do outro, arregalou os olhos e sorriu largo. ― Você está com vergonha?!

― O que? Não... ― O ex vampiro suspirou. ― Claro que não. ― Ele acabou gaguejando. 

― Você está com vergonha, sim. ― O Kim sorriu largo. ― Eu nunca tinha visto você com vergonha, que fofo! ― Jinhwan voltou a abraçar o namorado. 

― Pare com isso, não seja ridículo. ― Junhoe tentava se afastar e acabou sorrindo. 

― Se eu conseguir deixar você assim com o rosto vermelhinho várias vezes, eu vou adorar você humano. ― Jinhwan beijou uma das bochechas do maior.

― Que irritante. ― Junhoe resmungou. ― Eu... Gosto de você. ― Ele acabou voltando a abraçar o namorado e quase aperta-lo em seus braços.

O Kim levou umas das mãos até o peito do outro e sorriu largo ao sentir que o coração do maior estava bastante acelerado. Sabia que ele era amado pelo ex vampiro. 

― Tem mais uma coisa, uma pergunta para você. ― Jinhwan o encarou.

― O que é?

― Tecnicamente, agora você tem apenas vinte anos... Certo? ― O menor perguntou lembrando que o outro havia se transformado quando tinha aquela idade. 

― Sim. ― Junhoe assentiu. 

― Ótimo, agora eu sou mais velho que você! ― O Kim quase gritou aquilo, muito feliz com aquela resposta. 

― O que? ― O Koo balbuciou.

― Pode me chamar de hyung!

E após ouvir aquilo, o ex vampiro acabou soltando uma gargalhada e o mais velho sorriu enquanto lhe ouvia. Sempre conseguia animar o namorado de alguma forma.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...