1. Spirit Fanfics >
  2. Another Danganronpa - Island of Secrets >
  3. Prólogo. Capitulo 0.1

História Another Danganronpa - Island of Secrets - Capítulo 1


Escrita por: Akira_Moon

Notas do Autor


Ta pequeno o capitulo?
Sim.
Porém é apenas um trecho para iniciar.
Se eu colocasse mais conteudo, iria fugir do conceito dessa capitulo inicial haha.
Entao nos proximos capitulos, ja vai começar a historia. (Eu espero pelo menos sksksk)

Sei que essa fanfic provavelmente terá poucas visualizacoes pelo tema de "original" mas resolvo postar mesmo assim :)

Capítulo 1 - Prólogo. Capitulo 0.1


Fanfic / Fanfiction Another Danganronpa - Island of Secrets - Capítulo 1 - Prólogo. Capitulo 0.1

Tem vezes, em que precisamos... Nao, nós dependemos de um motivo para viver. Seja família, amigos, talento. Bem, não impota.

Quando esse motivo termina, não tem mais o "por que" ficar nesse mundo.

Quando isso tudo acaba, entramos em um completo vazio, um universo onde nada parece estar a nosso favor. Mas sim, contra.

A unica opção que nós resta, é dar um fim da vida. Essa tão horrivel vida.

Eu até tinha esperanças de encontrar um motivo mas... Elas ja foram completamente esmagadas pelas mídias.

Sim, as mídias. Essa vida não é só minha. Também é de todas as pessoas que se dizem meus fans.... Ou "haters" como agora... É como dizem, não se pode agradar a todos.

A música era meu motivo para viver, porém, nem pra isso eu me importo mais.

Família? Como se eles se importassem comigo.

Nesse momento, estou no metrô esperando meu trêm chegar enquanto encaro os trilhos.

Acho que seria uma morte dolorosa demais me jogar nos trilhos e esperar o trem passar por cima.

Eu imagino qual seria o barulho dos meus ossos se partindo... "Crack, crack, crack"

Seria uma sinfonia da morte, o tipo que nenhum doente gastaria seu tempo para assistir.

Sinto meu pé dar um passo a frente, minha mente estava vazia, mas meu coração dizia para continuar.

Paro, e fica encarando os trilhos de novo, se eu esperar o trem se aproximar, talvez a dor seja menor...

E novamente dou outro passo, ficando uns 50 centimetros de distancia da beira da plataforma.

Eu conseguia escutar o barulho do trêm se aproximando, era uma questão de segundos para decidir o destino da minha vida, ou da minha morte.

-Chamada para o trem das 9h20, chamada para o trem das 9h20.

A voz eletronica da chamada ecoava pela estação.

O trêm estava se aproximando, e iria parar uns 2 metros de distancia de onde eu estava.

Se eu fosse agora, daria tempo...

Com as pernas tremendo um pouco e minha mente estando uma completa bagunça, dou o proximo passo.

Faltando poucos centímetros, sinto algo me puxando para trás, foi um puxão forte, me fazendo cair no chão. A queda foi amortecida pela minha mochila.

Olho para trás mas nao havia ninguém suspeito, apenas pessoas passando para adentrar no trêm, que sem eu notar, ja estava na minha frente com as portas abertas.

É, nem pra morrer eu tenho sorte.


Notas Finais


Edit : MDS QUE VERGONHA O CAP NEM TEM 400 PALAVRAS MDS.........DA TEMPO DE EXCLUIR HAHA??? (rindo de nervoso)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...