História Another Love - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens All For One, Dabi, Denki Kaminari, Eijirou Kirishima, Enji Todoroki (Endeavor), Fumikage Tokoyami, Fuyumi Todoroki, Gran Torino, Hanta Sero, Hitoshi Shinsou, Hizashi Yamada (Present Mic), Ibara Shiozaki, Iida Tenya, Inasa Yoarashi, Itsuka Kendo, Kai Chisaki (Overhaul), Katsuki Bakugou, Kinoko Komori, Kurogiri, Kyoka Jiro, Mashirao Ojiro, Mei Hatsume, Midoriya Izuku (Deku), Mina Ashido, Minoru Mineta, Mirio Togata (Lemillion), Naomasa Tsukauchi, Nejire Hado, Personagens Originais, Pony Tsunotori, Ryuko Tatsuma (Ryukyu), Sen Kaibara, Shouta Aizawa (Eraserhead), Shouto Todoroki, Stain, Tetsutetsu, Toga Himiko, Tomura Shigaraki, Toru Hagakure, Tsuyu Asui, Uraraka Ochako (Uravity)
Visualizações 35
Palavras 647
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gente, eu tive ideia para essa fanfic ouvindo a música Another Love, então decidi que eu precisava escrever essa história louca que surgiu em minha mente. Então agora estou aqui, é isto.

Capítulo 1 - Impossible


"Eu me lembro de anos atrás Alguém me disse que eu deveria ter Cuidado quando se trata de amor,  eu tive" 

(James Arthur - Impossible) 


 O garoto de cabelos verdes corria o mais rápido que podia, enquanto atrás de si quase a seu alcance estavam outros três garotos. Era sempre assim todos os dias ele sempre apanhava no final da aula por motivo nenhum, mas hoje em especial o garoto de 13 anos não queria levar uma surra, não que das outras vezes fosse uma coisa que ele desejasse porém dessa vez ele só queria ir pra casa em paz. Seu pai que havia chegado da europa estava lá para visitá-lo, o garoto sabe o quanto é difícil para seu pai conseguir uma folga, e por isso não queria que o mesmo se preocupasse com seus problemas sociais.

E assim como todos os dias da sua vida, a sorte não esta ao lado de Midoriya hoje, o jovem notou  isso quando tropeçou em seus próprios pés e foi de cara ao chão e isso fez com que desse tempo para os outros três o alcançasse. Midoriya mal tentou se levantar e já sentiu um forte chute que o fez cair de barriga para cima, sua dvisão já estava embaçada por causa das lágrimas que estavam chegando mas mesmo assim ele podia ver claramente o rosto do loiro que um dia já foi seu melhor amigo e que agora era o dono de seu coração porém também é causador de todo sofrimento emocional e físico, e o rosto dele foi a última coisa que Midoriya viu antes da sessão de surra começar.

Seus olhos estão fechados, usa os braços para tentar evitar golpes em seu rosto, deitado em posição fetal no chão enquanto recebia chutes dos três garotos Midoriya só conseguia pensar em como chegou naquela situação. A três anos  ele e o loiro eram melhores amigos e inseparáveis desde do maternal, eram uma equipe, um completava o outro embora estivessem personalidades destintas ambos pareciam se dar mais do que bem. Mas quando isso mudou? Era o que Midoriya se perguntava naquele momento e em todos os dias desde de quando o loiro começou a se afastar de si.

No fundo Midoriya sabia a resposta, sabia o porque de tanto ódio da parte do loiro contra ele. Tudo começou quando o esverdeado se descobriu apaixonado por seu melhor amigo, ele era jovem   tinha uns 10 anos mas ele sabia que queria um relacionamento com o loiro para que um dia eles podessem ficar juntos e serem felizes como ele via os casais sendo, naquela época Midoriya tinha mais atitude graças a influência do Bakugou em sua vida, então o garoto decidiu se declarar para o melhor amigo sem medo de levar um fora e perder a amizade do loiro, Midoriya sentiu que seu sentimento era recíproco e então em um dia em que ambos voltavam da escola ele se declarou, de início recebeu como resposta um Bakugou estático mas depois ele viu Bakugou se aproximar e selar seus lábios, era só um selinho, claro ambos tinham apenas 10 anos de idade não tinha como ser algo a mais, porém aquele simples ato trouxe uma felicidade indescritível para Midoriya.

─ JÁ DEU POR HOJE ─ Bakugou falou fazendo sinal para que os outros paressem também. ─ Tenho que chegar cedo em casa. ─ Disse despreocupadamente ja se afastando dali sendo seguido pelo os outros dois, antes de desaparecer completamente na esquina ele se vira para trás e lança um olhar de despreso para Midoriya que agora tentava se levantar.

Com um pouco de dificuldade o esverdeado consegue se levanta e continua seu caminho, Midoriya se odiava naquele momento, ele odiava não conseguir fazer nada mas tudo isso é por ainda amar muito Bakugou e ele nem consegue pensar em machuca-lo, Midorya odiava amar Bakugou sendo que o outro só nutria ódio por si. 



Notas Finais


Ta pequenino porquê é apenas uma pequena introdução, mas eu prometo que o capítulo 2 será maior.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...