1. Spirit Fanfics >
  2. Another of you (yoonmin) >
  3. Capítulo 10 - Scream

História Another of you (yoonmin) - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Gente eu estou escrevendo esse capítulo ouvindo Scream da lindas do Dreamcatcher, eu realmente estou apaixonada por elas❤❤

Paro de enrolar e Boa leitura amores

Capítulo 11 - Capítulo 10 - Scream


Fanfic / Fanfiction Another of you (yoonmin) - Capítulo 11 - Capítulo 10 - Scream




Após os dois estrondos serem ouvidos naquela sala um clima estranho baixou entre os três garotos, o mais velho dos três soltou um grito nada masculo e choroso correu até Jimin se abaixando ao lado do garoto loiro colocando sua cabeça em seu colo, TaeHyung se abaixou ao seu lado recebendo um olhar de desaprovação do mais velho. 


__Vamos sair rápido daqui, os capangas do JungKook vão chegar a qualquer momento - Taehyung usou a pistola para disparar mais alguns tiros contra as correntes que prendiam Jimin o pegando no colo com cuidado. 


__S-SOLTA O MEU NAMORADO! JÁ NÃO BASTA VOCÊ TER ATIRADO NELE!!? - O Min estava surtado, completamente confuso com tudo, o seu maior pesadelo estava se tornando realidade. 


__Se você olhasse para o lado perceberia que eu atirei no JungKook e não no Jimin. Eu não mataria meu melhor amigo neh hyung.


Os olhos do maior se arregalaram e logo viraram na direção do moreno que estava estirado ao chão com um buraco em seu peito.


[....]


O ambiente gelado, as paredes brancas, a dor em seu corpo, o apitar do visor que mostrava o ritmo em que seu coração batia, a agulha fincada no seu braço fazia com que um líquido incolor entrasse em seu organismo. 

Jimin havia acabado de acordar e estava com muitas dores e mal conseguia se mexer em seu leito, o loiro não sabia aonde estava e sua mente não conseguia raciocinar direito. Aos poucos sua visão foi clareando assim como sua audição.


__Minie? Minie!! - Jimin conseguia ouvir claramente a voz de seu amado Suga, só não sabia se estava no céu ou suga realmente estava ali do seu lado. 

Jimin sentiu sua mão ser tocada delicadamente pelo seu amado e sem perder tempo o mais novo entrelaçou seus dedos ao do mais velho a fim de o manter perto de si.

__Y-yoonie...é você ou eu morri e estou no céu? - Jimin sorriu ao sentir um tapa fraco ser desferido contra seu braço. Era seu Suga ali em carne, osso e beleza

__Idiota! - yoongi fungou - eu estava com medo de te perder e você já acorda fazendo piadinhas, muito engraçadinho você

Jimin riu mas logo parou ao sentir uma dorzinha em suas costelas. - Minhas costelas doem...


__Também pudera neh amor, você quebrou três delas 


__QUE!? 


__Não grita baby - A voz grossa e marcante de taehyung foi ouvida no quarto - vai atrapalhar os outros


__Me chama de baby mais uma vez sua bicha florida que eu te coloco de quatro pra ma- 

__Olha o respeito com o seu amiguinho babyboy - Taehyung se aproximou do loiro e fez um carinho no rosto de Park - fiquei preocupado com você


__Humm... - Jimin olhou para o doutor que havia acabado de entrar no quarto - Olá doutor Jung!


__Olá Park - Hoseok ri - que tanta formalidade Jiminie, garoto você me deu um susto! Eu quase não acreditei quando taetae me contou


__Poisé Hobi...Mas fala oque eu tenho estou curioso. - Jimin tentou se sentar mas mais uma vez a dor o parou


__Bom - Jung suspirou pesado - você quebrou três costelas, lesionou alguns orgãos internos mas já foi resolvido, quebrou uma das pernas e um dos braços, também teve um traumatismo craniano leve nada sério por isso esta acordado agora além da sua magreza em excesso. 


Jimin estava atônito e com os olhos arregalados, não sabia ao certo como reagir ele estava todo quebrado literalmente. - Quanto tempo vou ter que ficar aqui?


__De uma a duas semanas, depende de como seu corpo vai reagir a sua recuperação. Se me dão licença eu preciso ir ver os outros pacientes. Melhoras Jiminie! - Hobi saiu pelas portas de vidro deixando os três rapazes pra trás.


__________________________________



Muito antes de Jimin acordar, ele estava sentado ao lado de TaeHyung na recepção encarando as paredes brancas do Local, o Min chorava baixinho e tinha a cabeça deitada no ombro do mais novo.


__ Me conta a verdade - Min ditou limpando as lágrimas e olhando para o Kim


__Verdade? - a expressão confusa era presente na vista do garoto


__Eu quero saber se aquela história que contou sobre a escola...é verdade? 


TaeHyung suspirou pesado e então olhou para o nada,  não teria coragem de contar olhando para o mais velho - Eu, Jimin e JungKook sempre estudamos juntos era verdade que ele nos zuava por sermos um pouco gordinhos e Kookie ter dentes de "coelho" - o garoto fez aspas com os dedos nada pequenos - quando estamos no primeiro ano do ensino médio eu namorava o Seunghyun, ele não era da nossa escola e naquele dia ele tinha ido me ver, nós eramos felizes nossos pais aceitavam a gente íamos morar sozinhos quando fizessemos dezeseis anos... - Taehyung suspirou novamente antes de seguir sua fala - mas quando ele e Jimin se cruzaram tudo foi por água a baixo, eles se envolveram rápido demais em seis meses eles já estavam namorando e felizes enquanto eu tinha ficado pra trás denovo, resolvi me juntar a Jeon e o seu plano de vingança eterna contra Park. Nós dois entramos juntos no exército, porém eu sai antes pois percebi que aquilo não era pra mim, Jeon se tornava cada vez mais rancoroso e vingativo com tudo e com todos sempre dando um jeito de tirar as pessoas que o encomodavam do seu caminho. Eu assim que sai do exército passei um ano em um retiro espiritual na Índia,  aprendi muitas coisas como não guardar rancor dos outros e seguir com a vida, o nosso destino a ganges pertence. Na última semana lá eu Também aprendi com gandhi que "O fraco nunca pode perdoar. O perdão é um atributo dos fortes", com essa frase na cabeça eu voltei pra Seul e eu e Jiminie ficamos amigos inseparáveis. Entendeu porque eu não matei Jimin?


Yoongi estava chocado, não sabia oque dizer sobre aquilo, então TaeHyung tinha salvado Jimin apenas com ensinamentos de um retiro indiano!? 


__Nossa Tae...que legal sua história, nunca pensei que você tivesse feito tudo isso...Obrigado por salvar Jimin


__Nada, varia tudo pelo meu melhor amigo, eu queria pedir desculpas por aquele dia que eu tentei agarrar você


__Tudo bem TaeTae, esta desculpado - O mais velho riu baixo e levantou indo em direção ao quarto do namorado seguido pelo Kim.


_________________________________



Duas semanas depois...



__É tão bom estar em casa - O loiro se jogou com cuidado em seu sofá macio sentindo o cheiro bom de sua casa


__É, mas agora eu vou cuidar muito bem de você meu amor - mais velho sentou-se no colo do loiro sentindo as duas mãos do mesmo repousarem sobre sua cintura - pra você ficar totalmente bom é só questão de tempo


__Se você diz...eu acredito 


O mais novo iniciou um beijo carinhoso mais que aos poucos foi esquentando cada vez mais...





[.....]




Jimin saiu de dentro de Yoongi e se atirou ao lado do mesmo o abraçando de forma protetora. - Eu estava com tanta saudade de você meu amor 


__Eu também estava morto de saudades de você, do seu cheiro, de dormir nos seus braços, do seu carinho, de sentir você dentro de mim - o mais velho dava vários selinhos em Park durante sua fala, este que só sabia sorrir bobo com o ato de seu namorado. - Oque acha de tomarmos um banho de banheira meu loirinho? 


__Pode ser - Jimin levantou e pegou o mais velho no colo o levando para o banheiro, deixando o mesmo em cima da pia até a banheira estar devidamente quente e cheia. 

Jimin pegou Min no colo o colocando dentro da banheira e entrando junto sentando-se atrás do mais velho fazendo carinho em sua barriga como era de gosto do Yoongi.


O casal conversou sobre vários assuntos, sobre a falta que sentiram um do outro por exemplo. O tempo passou rápido para os dois e como o tempo a água também esfriou fazendo o casal sair da banheira e seguir para o quarto.


__Vou lá tomar uma água - Park ditou e logo saiu do quarto indo em direção a cozinha. 


Jimin tomava sua água muito tranquilo e pensativo quando viu um bilhete no chão ao lado da porta. Franzindo o senho o Park foi até a porta e se abaixou um pouco mas o suficiente para pegar o bilhete no chão.


Logo leu;











"Enquanto você estava lá, seu namoradinho dava de quatro pra mim gemendo meu nome. Cuidado ao passar na porta corno.         

  Ass: JJK"



Notas Finais


*gandhi : advogado, nacionalista, anticolonialista especialista em ética política indiano.

*Ganges: Rio sagrado dos índianos, acredita-se que a deusa ganga habita o rio.


Bom gente o capítulo foi isso! espero que tenham gostado. Amo vcs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...