História Aos Seus Pés - DyC, VONDY. - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias Rebelde
Personagens Personagens Originais
Tags Christopher, Dulce Maria, Hot, Ponny, Vondy
Visualizações 76
Palavras 579
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 30 - Lo Intentare


Por Dulce

Okey, eu sou a m/erda de uma fracote! Não consegui deixar ele sair, não daquele jeito, ele me olhou de uma forma que cortou meu coração.

Eu o queria, ah como queria. Não podia simplesmente esquecer tudo o que ele me faz sentir, eu sou diferente do lado dele, sim. Mas isso não é ruim, ou é?

Eu já não me importo mais, vou viver isso, vou me permitir.

- Christopher... (Disse enquanto ele me beijava ardentemente)

Ele me virou de costas pra ele e levantou minha saia, eu estava com as duas mãos na porta pra ter mais apoio. Christopher esfregou o p/au duro na minha bunda enquanto começou a tatear os dedos na minha intimidade molhada.

Ele introduziu um dedo e eu suspirei e joguei minha cabeça pra trás e aquele homem começou a beijar meu pescoço.

Eu estava em ruínas, aqueles dedos hábeis me enchendo de prazer, estava me segurando para não gritar quando um orgasmo avassalador atravessou meu corpo. Christopher me segurou pois minhas pernas fraquejaram. Ele me virou de frente e tomou meus lábios novamente.

- Christopher. (Chamei outra vez esperando que me ouvisse, ele estava louco de desejo) Estamos dando muita bandeira, vão perceber nossa ausência. (Disse enquanto ele beijava meu decote me fazendo fechar os olhos de prazer)

- Eu quero mais. (Ele disse e me beijou)

Christopher tinha um brilho diferente, era puro desejo e devoção pelo meu corpo, ele queria sentir cada centímetro, não pude resistir e segurei seu pau mais.que.duro. Ele gemeu rouquinho no meu ouvido, minha pele se arrepiou inteira com o som.

- Eu também. (Quebrei o beijo forte)

Christopher fez menção de tirar o cinto, embora minha intimidade estivesse pulsando em resposta, eu não podia permitir.

- Chris... Não. (Segurei suas mãos) Aqui não. (E dei um beijo casto em seus lábios)

Por Christopher

Tá bem, eu confesso, estava muito tarado. Ela me parou, mas agora era diferente, Dulce já não lutava mais contra nós.

Eu obedeci, voltei a prender o cinto e a arrumar as roupas, Dulce fez o mesmo, outra vez.

- Eu vou sair primeiro, depois de cinco minutos você vai. (Ela disse e ajeitou minha gravata de segunda mão)

- Espera, Dulce. (Parei-a quando de virou) Dê uma olhadinha no espelho. (Ela se virou rapidamente)

Estávamos todos bordados de batom.

- Deus! (Ela exclamou e começou a limpar com um guardanapo)

Eu ri da sua carinha de assustada e me posicionei atrás dela é cheirei seu pescoço enquanto ela limpava o rosto.

Logo se virou pra mim e limpou meu rosto também, sorri e roubei um beijinho.

- Pare! Se não começaremos tudo outra vez. (Deu um risinho) Estou indo. (Disse jogando o papel fora e eu a puxei pra mais um beijo)

Logo ela saiu.

Eu realmente precisava de cinco minutos pra acalmar o meu amigo que estava muito, muito, muito animado.

Essa mulher vai me deixar doido!

Por Dulce
Caminhei de volta para o assento e observei o corredor, aparentemente ninguém havia prestado a mínima atenção na pegação no banheiro.

- Dulce o que você está fazendo? (Sussurrei pra mim mesma)

Se alguém nesse voo percebesse que eu estava agarrada no estagiário iria virar um burburinho gigante, fofocas no meio empresarial ocasionaria falta de credibilidade da minha imagem.

Bem, felizmente ninguém havia percebido.

Sentei-me e pedi uma água bem gelada ao comissário.

Estava f/odidamente quente.

Não terminamos o que começamos no banheiro, mas eu pretendia fazer isso.

Logo.
 


Notas Finais


Ai ai ai


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...