História Apaixonada por um gay - Capítulo 1


Escrita por: e Gabi_Bts

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Romance Gay
Visualizações 7
Palavras 1.034
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Ainda não havia suspeitas, eu estava começando a me apaixonar.

Capítulo 1 - O começo de tudo


Tudo começou quando meu pai inventou de me colocar em projeto social do Tiro de Guerra,  chamado "Pelotão Mirim". 

Meu pai achava que eu precisava de disciplina e teve a brilhante idéia de me colocar nesse projeto,  de parceria da prefeitura com o Tiro de Guerra.    De primeira fiquei muito feliz,  pois eu sempre quis entrar na carreira militar,  meu sonho é entrar para Aeronáutica.   Ao longo do tempo se tornou cansativo,  após um mês eu ja estava desanimada;  Mas foi quando alguns atiradores começaram a ajudar,  pois eram muitas crianças e adolescente.    

Eu comecei a perceber que havia muitos meninos bonitos ali, mas um me chamou mais a atenção e foi ai que aconteceu, eu me apaixonei,  foi amor a primeira vista. Certamente eu não sabia que o amava,  nunca tinha me apaixonado,  Não tava entendendo oque estava acontecendo. 

O tempo foi passando, toda vez que eu passava por ele meu coração acelerava,  eu suava,  tremia de nervoso e eu não tinha coragem de falar com ele,  não sabia oque estava acontecendo comigo, por que um menino estava me deixando assim? 

Quando percebi que estava gostando dele comecei a correr atrás,  fiquei amiga da irmã do menino,  peguei o número do whatsapp dele com ela.  Pronto eu tinha o número,  mas e a coragem de mandar mensagem?       Me arrisquei,  decidi mandar a mensagem,  comecei a conversa normalmente,  quando finalmente decidi me declarar,  mas que tola eu fui,  por que não notei antes?  Era óbvio que um menino bonito daquele tinha "namorada",  ele me chamou de criança,  disse que era muito idiota por gostar dele,  já que eu nunca teria uma chance.    Isso me chateou muito,  então bloqueei ele.  

Meu desânimo voltou,  eu não queria mas ir no projeto,  foi quando comecei a perceber que tinha algo diferente nele.  

Eu estava curiosa em saber quem era a tal garota e se eu era digna de ser trocada por ela.  Procurei em uma rede social dele sua namorada,  então eu achei,  percebi que não era grande coisa do quão ele falava,  mas ele podia estar realmente apaixonado por ela.  Houve um evento do TG (tiro de guerra),  todos estavão lá,  então eu vi ele e sua namorada,  ela não era nada parecida com suas fotos,  não tinha nada haver.   Eu estava confusa e me perguntava a todo instante como um cara tão bonito poderia estar com uma garota com ela,  mas eu deixei isso quieto,  pois ele realmente poderia ter visto algo nela. 

As semanas foi passando,  conforme isso eu senti que ele estava gostando de mim,  bom era pelo menos isso que eu achava.  Ele ficava olhando pro meu corpo,  me encarando,  até chegou a sorrir pra mim,  Inconformada eu fui conversar com ele,  claro que não pessoalmente,  tinha muita vergonha pra isso,  desbloqueei ele no whatsaap,  na mensagem eu queria saber se ele estava brincando com meus sentimentos,  por que ele estava fazendo aquilo comigo, depois de tudo que ele me falou;  ele disse  que seu relacionamento tinha acabado e que estava começando a gostar de mim,  fiquei muito feliz,  mas ainda desconfiava. Nunca na minha vida achei que um garoto bonito daquele iria gostar de mim,  Eu não estava dando por convencida nessa história. 

Fui tirar satisfação com a irmã dele,  para saber se oque ele falava de estar solteiro era verdade,  ela disse que não e que nesse mesmo a namorada dele tinho ido em sua casa.  Fiquei triste,  por ele nao estar falando a verdade e por ser tão babaca nesse nível.  Então eu mandei mensagem pra namorada dele e disse o quão kalalha ele era, ela disse que há esperava esse comportamento dele,  já que seu relacionamento era por puro interesse e popularidade,  por ela ter muito seguidores em suas redes socias,  disse também que ela já havia tirado ele muitas vezes e que eles nunca tiveram relação sexual.  

Eu não sabia mas no que eu devia acreditar,  para descobrir a verdade,  Pode parecer loucura,  eu comecei a perseguir ele,  acompanhar cada passo dele,  foi então que descobri que realmente era tudo uma farsa, vi inúmeras vezes ele traindo ela, e o inverso também,  me perguntei então,  por que esse dois continuavam juntos? 

Comecei a perceber que minha paixão ja não era mas,  tinha virado obsessão.  Queria por tudo ter ele nas minhas mãos

Para chamar cada vez mais sua atenção,  comecei a me distacar no tal projeto, fiz uma prova de promoção a cabo,  passei, ele começou a perceber que era um exemplo e que merecia sua tal atenção. 

Mas ele não estava ficando a fim de mim e sim do meu corpo.  Não estava gostando de mim pelo oque eu era e sim se eu poderia ocasionar-le gim prazer.  Já eu queria algo sério,  mas ele não. 

Minhas amigas começaram a me falar que era um babaca,  se já tinha feito tudo aquilo com sua namorada,  eu não queria saber,  eu só queria ao menos provar o gosto de sua boca. 

As semanas passando,  eu me apaixonando cada vez mais,  ele me iludindo e eu caindo. 

Chegou em um ponto que eu não queria mas nada sério,  só queria ficar msm,   se ele gostava tanto assim do meu corpo,  era meu corpo que ele iria ter.  Estava começando a ser muito aleatória,   só para conseguir sua atenção,  qualquer oportunidade que eu tinha eu começava a dançar,  como sabia que ele era meio que zé droguinha,  fazia uns passinhos,  ta ok,  não era tão aleatório assim,  nos intervalos durante o dia do TG,  eu e algumas meninas faziam competição de passinhos,  eu sempre arrastava nos passinhos e ele ficava toda vez olhando,  tambem nos intervalos algukas vezes jogavamos voleibol,  outra coisa que era boa,  ele jogava junto com a gente e mais uma vez eu arrastava. 

Mas depois de tudo isso eu ainda tava com uma punga atrás da orelha,  ainda tinha ago para ser descoberto.  

Foi quando eu percebi que ele era muito próximo ao seu primo e que tinha algo ali,  além de parentesco e amizade. 

Perguntei a sua irmã se ele era Bixessual,  ela disse que não e que sempre namorou meninas.  

Mas havia algo para descobrir e eu estava disposta a ir até o fim... 


Notas Finais


Comente se há algum erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...