História Apathetic (Junhwan Fanfic) - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Black Pink, IKON
Personagens B.I, Bobby, Chanwoo, Donghyuk, Jennie, Jinhwan, Jisoo, Junhoe, Lisa, Personagens Originais, Rosé, Yunhyeong
Tags Blackpink, Fanfic, Fluffy, Ikon, Jinhwan, Junhoe, Junhwan, Kpop, Lgbt, Português, Romance, Spirit, Yaoi
Visualizações 14
Palavras 1.282
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Fluffy, LGBT, Shonen-Ai, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Four (jinhwan)


Fanfic / Fanfiction Apathetic (Junhwan Fanfic) - Capítulo 4 - Four (jinhwan)

Não acredito que to há 3 meses tentando ir na empresa de Junhoe, mas falta coragem. Ele deve pensar que eu sou um idiota!

Ultimamente tenho tido muitas coisas no palácio, minha irmã e eu temos andado a decorar o castelo para a cerimônia real. É um baile tosco que convida todo o povo pra dançar, comer e ver a família real, é mais que ridículo!

Pior que a minha mãe cada vez quer me arranjar um pretendente mas eu definitivamente NÃO QUERO! Nunca quis e agora que conheci Junhoe, não quero mesmo!

Nesse baile eu penso contar pra todos que eu sou um homem e que tudo foi um farsa! Eu não AGUENTO MAIS fingir ser o que não sou! Não quero saber dos motivos dos meus pais, eu vou falar pra todo mundo! Porém, ainda terei que aguardar um pouco, porque nunca se sabe o que aconteceria se me revelasse agora.

- Jinhwan, vc quer sair comigo hoje?

- O que vc quer...?

- Eu? Nada! Como pode falar assim com sua irmã mais nova?

Eu conheço ela desde que nasceu, literalmente, ou seja, ela quer alguma coisa.

- Diga logo.

- Eu queria comprar roupa! E vc tem carro...

Lá está! Decidia aceitar abanando a cabeça, preciso de tratar de uns assuntos também. Acho que a gente nunca saiu juntos assim... pode ser legal.

Pego nas chaves do carro e começo a conduzir, vejo minha irmã atenta na estrada, é nosso primeiro passeio dessa forma juntos.

- Porquê que a gente nunca saiu juntos?

- Não sei...

O vento corre pelo carro enquanto toca Big Bang na rádio, faz me sentir no verão.

Ao chegar no shopping, ela pediu pra que a acompanhasse e ajudasse na escolha de roupa dela, 24 anos fingindo ser uma mulher é claro que entendo de moda feminina.
Ela pega várias peças e eu tento avaliar na medida do possível.

- Esse fica bem?

Ela acaba me mostrando uma tshirt roxa com uma frase clichê escrita nela "Não é o mundo que está uma merda, são as pessoas" e até que faz sentido.
Admito que nao to habituado a ver esse estilo nela mas é verdade que ela tem uma personalidade pessimista, com certeza é de signo.

- Fica, agora vamos embora.

Hoje é um dia que eu to sem paciência! Preciso de ir na papelaria comprar o material pra escrever meus novos quadrinhos. To farto de receber mensagem no Twitter dizendo pra trazer o próximo volume... preciso mesmo de passar os desenhos do tablet pro papel.

Ao chegar na papelaria, eu pego os materiais e vou no caixa. É incrível como escrever e desenhar me faz tao feliz! É uma coisa que me faz sentir livre, inspirado e claro, uma maneira de fugir há minha identidade feminina sem ninguém saber.
Pera, se eu to feliz... Será que... ele tá perto? Enfim.

Pago e vou em direção lá fora ter com Jennie, mortinho pra ir pra casa, digo castelo, mas alguem me chama.

- Jovem. Cuidado!

Me viro e é o vendedor!?

- Algum problema?

- Vc e a princesa Jennie estão sendo perseguidos por paparazzis!

Uma raiva surge dentr de mim e corro de volta pro pé de Jennie... já sei porque nunca saimos juntos... talvez porque  pensem que, sei lá, A GENTE NAMORA?

Ao chegar no carro, vejo montes de fotógrafos de volta de Jennie... merda! A Jennie é muito descabida, ela pode falar que somos irmãos sem querer e aí nosso segredo de familia estragado!
Me aproximo pra tentar fazer com que eles a deixem. Eles percebem a minha presença.

- Cartunista Kim Jinhwan, namora com a nossa alteza Jennie?

- Quê? NAO!

- O senhor parece nervoso... tá escondendo algo da gente?

- Vcs não têm mais que fazer? Chatos do caralho.

Empurro alguns jornalistas e corro pra dentro do carro, e sem olhar pra trás, acelero.

- Ok a gente não pode sair mais juntos!

Obrigada pelo obvio, querida irmã.

Continuo acelarando, sei que eles estão atrás de nós! ODEIO jornalistas e fotógrafos... dá vontade de matar por cada boato falso e fotografia sem contexto que fazem! Bem... o Junhoe é fotógrafo mas... AI EU NAO SEI!

- Jinhwan vc tá indo muito rápido!

- Cala-se

Meu ranço por essa gente é grande, nem que tenha que colocar o carro a voar, eu nao vou abrandar pra eles fazerem perguntas pra mim!

- Jinhwan pare

Acho que os despistamos! Finalmente vou ter um fim de semana livre!

- JINHWAN ABRANDA!

- Jennie qual o mal?

- JINHWAN A POLÍCIA PARA AGORA

.......

- PARE IMEDIATAMENTE A VIATURA.

Fudeu.

- EU DISSE PRA VC PARAR IDIOTA

- NEM ERA ASSIM TANTA  VELOCIDADE!

- ERA SIM!!!

Suspiro... não tenho dinheiro comigo pra pagar multa e minha irmã também não... e agora o que eu faço? Policias sao um saco abusam do poder sempre que podem, também os odeio mas nao tanto como fotógrafos e jornalistas.

Saio da viatura juntamente com a minha irmã e me aproximo da policial... eu não mereço isso, logo hoje.

O policial, que na verdade é uma policial, me olha com desprezo e agarra meus pulsos.

- Vc conduziu muito mais que o normal, numa estrada com muito movimento de carros,, vc vem comigo pra cela.

- CELA? EU VOU SER PRESO??,

- Como é obvio!

E ainda é irônica, ja entrou pra minha losta negra!
Estou desesperado! Meus pais nao podem fazer nada senão cairia meu disfarce... quem que vai tirar eu dali??? Será que a comida da cela é boa e... será que tem privada???

- Ta vendo idiota vai preso  E AGORA?

- CALE SUA BOCA JENNIE EU FIZ ISSO PRO NOSSO BEM!

- NOSSO BEM? VC VAI PRESO E ISSO É BOM?

- PREFERIA TER FICADO CONVERSANDO COM JORNALISTA?

- PREFERIA SIM! MAS NAO, VC DECIDIU ACELARAR PRA VER SE IA TER COM SEU NAMORADO TOSCO!

- O JUNHOE NÃO É TOSCO! TSC

Como  é possível Jennie ser tao mal agradecida? Eu PODIA NÃO  a ter levado ao shopping e mesmo assim a levei. Mimada do caralho.

- Junhoe? Vc disse Junhoe?

A policial me olha atentamente, será que ela o conhece?

- Sim! Koo Junhoe, fotógrafo.

- É ele mesmo!

- Então... seu amante foi preso também? Policial faça o favor de colocar os dois na mesma cela.

- CALE SUA BOCA JENNIE

To querendo nesse momento matar a minha irmã! Deus me livre que insuportável!

- Ah... eu ia ter com ele agora na empresa dele.

- Ele não tá lá hoje! Está na casa dele.

- Entendi...

- Desculpa nao me apresentei, meu nome é Jisoo, sou a melhor amiga de Junhoe.

E acabou de sair da minha lista negra.
Melhor amiga? Nossa que mundo pequeno?!

- Prazer. Eu sou um amigo dele...

Ela acente com a cabeça e pega no telefone.

- Se Junhoe o conhecer bem, eu nao prendo vc.

- SERIO?

Ela acente! Tomara que ele se lembre de mim... tenho saudades dele e nao convém ser preso!

Phone On


- Hey... sim e com vc... humm claro... olha tá aqui alguém que diz que te conhece... um menino assim baixinho... Kim Jinhwan eu acho... MEU OUVIDO... SE ACALMA... PARE DE GRITAR... ALMA GÊMEA?...ok eu dou... tchau.

Phone Off


Ela desliga o telefone com desconforto e mexe nas orelhas.

- É seu dia de sorte... ele te conhece e muito bem...

Nossa... eu to feliz! Ele lembra de mim! Não há algo melhor que isso!

- Antes de ir embora... ele disse pra te dar a morada dele, toma aqui.

Ela me dá um papel com uma morada escrito, não é muito longe daqui! Dá pra ir a pé lá.

- Obrigada dona policial!

- Pra vc é Jisoo.

Acento com a cabeça e não pude deixar de sorrir!

- Boa e agora como vou pra casa?

-  Chame os paizinhos pra vir buscar a madame ou vá a pé até o castelo, adeus!

Eu me viro e sinto a olhada maligna de Jennie nas minhas costas... é bem feita!

Jisoo decide acompanhar minha irmã a casa... que garota de bom coração! Eu deixaria ela pra morrer ali. Brincadeira. Ou talvez não.




Notas Finais


Qualquer erro avisem :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...