História Apenas Amigos. - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Agustín Bernasconi, Karol Sevilla, Ruggero Pasquarelli, Valentina Zenere
Personagens Agustín Bernasconi, Karol Sevilla, Ruggero Pasquarelli, Valentina Zenere
Tags Aguslu, Eucrieioshipperagora, Ruggarol
Visualizações 30
Palavras 706
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Fantasia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oieeee, volteiii e cheguei com um capítulo giganteee!

(finjam que o outro não foi pequeno, rs)

Boa leitura! ❤

Capítulo 4 - Capítulo 3


No dia seguinte.

Karol: Aí, Valu e Agus, eu vou ficar com tanta saudade de vocês 💔.

Agustín: Eu também Kah, e muita!

Valentina: Kahhh, ficaaa. Não, melhor não, pode ir ficar com o Ruggero.

Ruggero: Ei, eu tô aqui, viu? Nós somos só amigos, e vocês sabem!

Karol: Valentina, Eu vou dar na tua cara! E eu também te amo, tá?

Valentina: Eu amo maissss, não esquece de mim, me liga todos os dias e quando você chegar, você vai passar o dia comigo, pra me contar tudo!

Karol: Meu Deus Valentina, relaxa, não vou ficar um ano fora não! Só uma semana kkkkk

Agustín: Relaxa Karol, eu vou cuidar da Valu. — Olha pra mim com um sorriso malicioso. E Ruggero, sou seu melhor amigo, mas se tu não cuidar da Kah, o negócio vai fechar pro teu lado, hein! Kkkkkkk

Ruggero: Eita que eu já entendi isso kkkkk

Karol: É, ele vai cuidar de me mim mesmo, se não eu mato ele antes.

Valentina: Tchau Karollllll, tchau Rugge, até...

Karol: Tchau chatos.

Ruggero: Bye.

                  (.....)

No avião.

Karol: Rugge, eu já disse que odeio andar de avião pelo simples motivo de  sempre ficar com enjôo?

Ruggero: Acredite, já disse um milhão, ou melhor, infinito de vezes. — Disse rindo.

Karol: Uhmm palhaço! — Digo dando língua. É... Ruggero, ontem eu ia terminar de falar, mas sua mãe acabou ligando e eu acabei esquecendo. Por quê... Você terminou com a Candelária?

Ruggero: Porque... Ela me traiu.

Karol: Nossa, traiu?

Ruggero: Sim, com o Fagundes.

Karol: Eu no lugar da Candelária, nunca te trairia. — Falo sem perceber e Rugge me olha. Digo, eu nunca trairia ninguém.

Ruggero: Entendi kkkk. E também, eu e ela já não dávamos mais certo. Ela ficava todo tempo querendo tirar fotos, sair, amostrar pro mundo que eu era namorado dela, e isso me cansa!

Karol: Eu hein, parece até que ela é doida!

Ruggero: Parece não, ela é mesmo!

Karol: Rugge, posso te fazer uma pergunta?

Ruggero: Sim.

Karol: Você ainda a-ama?

Ruggero: Por quê você tá perguntando isso?

Karol: Ah, por nada, só queria saber mesmo.

Ruggero: Ok, e eu vou responder ela. Não, eu não amo ela, e pra falar a verdade, nunca amei!

Karol: Noss... 

"Senhores passageiros, apertem o cinto, passaremos por uma pequena turbulência!

Karol: Aí meu Deus, rugg! —  Abraço ele e aperto seu peito contra mim.

Ruggero: Relaxa Ka, isso já vai passar. — Ele me abraça forte e consigo ouvir seu coração acelerado.

Karol: Rugg, por quê seu coração está acelerado? 

Ruggero: Acelerado? Nossa, eu nem tinha percebido. — Digo tentando disfarçar.

Passam-se quatro horas, e eles chegam a Itália. Pegam um táxi, e vão pra casa da família do Ruggero.

Ruggero: Ka, eu vou precisar pegar sua mão.

Karol: Ok rugg.

           *toc, toc*

Antonella: Pois nã... RUGGERO! CIAO BABY

Ruggero: Ciao mamma ❤

Antonella: Que bom que você veio filho! Oi Karol, tudo bem, minha linda?

Karol: Oi dona Antonella, tudo bem sim, e a senhora?

Antonella: Tô bem! E pode me chamar de Antonella só! — Dá um um sorriso. Cadê sua namorada filho? Não disse que iria trazer ela?

Ruggero: É... Então, mãe, a senhora está olhando pra ela!

Antonella: É a Karol?? Aí meu Deus, sempre suspeitei disso, vocês eram tão próximos e agora são namorados! ❤

Karol:Pois é!

Antonella: Venham, vamos entrar, seu pai vai amar saber que sua namorada é a Karol! 

Bruno!! Ruggero chegou, e com a namorada dele!

Bruno: Oi filho, como é bom te ver, estava com muita saudades! 

Ruggero: Oi pai, eu também estava com muita saudades! 

Bruno: Oii Karol, tudo bem?

Karol: Tudo sim, sr. Bruno, e o senhor?

Bruno: Vou bem, graças a Deus. E meu filho, cadê sua namorada?

Ruggero: Na sua frente!

Bruno: K-Karol?????

Karol: Sim, sou eu kkkk.

Bruno: Eu sabia! Meu filho sempre falava de você, falava que você era linda, que era isso, que era aquilo...

Ruggero: Paii! Liga não Karol, ele exagera muito!

Antonella: Por que você não chama ela de amor?

Ruggero: Por quê... É...

Karol: Por quê como antes nós éramos amigos, pegamos a mania de chamar pelo nome mesmo. — Digo pegando na mão dele e apertando a mesma.

Ruggero: É, é isso, rs.

Antonella: Ah tá. Bom, eu vou arrumar o quarto de vocês! Mas antes, se eu fosse você, ligaria pra Chiara e Jorge. Eles ficarão muito felizes de ver você namorando com a Karol!

Ruggero: Ok mãe!

 Karol: Ook, quem é Chiara e Jorge?

Ruggero: Chiara e Jorge são uns amigos meus, eu conheço eles a anos.

Karol: Ah tá.




Notas Finais


Gente, eu esqueci de colocar a tradução das palavras em italiano, e com o tempo, vou colocar espanhol e tals...

Ciao = Oi/ Olá
Mamma = Mãe/ Mamãe.

Ele não é tão grande, mas é maior que o outro kkkkkkk. E aí? Será que eles vão ter que se beijar? Dormirem juntos? Veremos no próximo capítulo 😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...