História Apenas Amigos - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 8
Palavras 1.270
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Festa, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Juntos


Dois

FlashBack – Nove anos atrás.

O pai de Alice chegou do trabalho mais um dia com cheiro de bebida, e bêbado. Começou a brigar com sua esposa, como de costume. Alice já sabia o que era pra fazer e saiu, foi para casa de Jason, como em qualquer outro dia.

Jason já esperava em seu quarto, pronto para distrai-la até seu pai dormir.

-Oi. -disse ela ao entrar no quarto.

-Senta aí. -respondeu ele. -O que quer ver hoje?

-O que você tem?

Ele abriu a gaveta e tirou três filmes. Os preferidos dela.

-Muito meloso. -disse ela descartando o primeiro. -Muito medonho.

-Mas só sobrou o mesmo da semana passada. -resmungou ele.

-Sabe que eu adoro esse filme.

Ele revirou os olhos.

-Quero ver o dia que enjoar. -disse ele.

-Você vê os mesmos filmes, lê as mesmas HQ's e nunca enjoa. -disse ela.

-Mas é diferente. -respondeu ele, rindo. -Aquelas histórias, aqueles heróis. Você não entenderia.

-Não mesmo.

Jason colocou o filme, e deitou na cama, Alice já estava deitada. Colocou sua cabeça no ombro dele. O filme foi se passando, e Jason sentia as lágrimas dela cair em sua camisa. Algo que já parecia normal entre os dois.

Jason apenas a abraçou forte.

Quando o filme acabou, Alice estava dormindo. Ele apenas deixou, sem se importar, ficou ali, a observando.

Alguns minutos se passaram, e a mãe de Jason entrou no quarto, acordando Alice.

-Me desculpa. -disse ela. -Não queria acorda-la.8

-Tudo bem. -respondeu Alice.

-Trouxe um lanchinho pra vocês. -disse ela.

-Obrigado mãe! -disse Jason, indo abraça-la.

Foram até o telhado do quarto dele, que dava para p jardim dos fundos. Era o lugar dos dois, desde pequenos. Sentaram lá e começaram a lanchar.

-É bom estar na sua casa. -disse ela. -Me sinto parte de uma familia.

-Mas você tem uma família.

-Não. -disse ela. -Sabe que aquilo não é uma família!

-É uma família sim. -respondeu. -Como todas as outras, com problemas.

-Não vejo esse tipo de problemas na sua.

-Mas temos problemas. -disse ele. -Só são diferentes.

Ela ficou em silêncio.

-Assim que puder, vou embora.

Ele se calou.

-Vai comigo?

-Pra onde Ali?

-Pra um lugar bem longe daqui! -disse ela. -Qualquer lugar!

Jason entrou e pegou um livro.

-O que é isso?

-Minha mãe me deu esse livro pra eu pensar desde já qual faculdade quero ir.

-Mas você só tem onze anos. -disse ela rindo.

-Mas já é hora. -disse ele abrindo o livro. -Vamos escolher uma juntos.

-Como assim?

-Escolhemos uma, e nos esforçamos pra ir. -respondeu. -E então vamos embora quando conseguirmos.

Ela olhou para ele com lágrimas nos olhos.

-Faria isso?

-Claro Ali! -respondeu. -Vamos sair daqui juntos!

Dias atuais.

Jason levantou cedo, para preparar p café da manhã. Como ainda tinham dois dias antes do começo das aulas, ele queria aproveitar o máximo. Já Alice, estava dormindo, como de costume desde que terminou as aulas.

Após preparar tudo, ele foi até o quarto dela levar o café.

-Bom dia. -disse ele, a acordando delicadamente.

-Bom dia. -respondeu ainda sonolenta. -Que horas são?

-Hora de acordar. -disse ele, rindo baixo.

-Voce me acordou cedo de novo?

-Sim. -respondeu rindo.

-Ah! Sai daqui! -disse ela, colocando o travesseiro no rosto.

-Ah para Ali! Vamos curtir esses dois dias!

-Vou curtir! Dormindo!

Ele colocou a bandeija de café da manhã na mesa de estudos do quarto dela e foi até a porta.

-Tudo bem entao. -disse ele. -Fiz o seu café da manhã preferido, vai comer frio depois.

E então saiu do quarto.

Logo após ela se levantou parra olhar, e a bandeja estava lá. Com morangos, pao com geleia, e um suco de laranja. Suas coisas preferidas para o café. Ela não aguentou e foi comer.

Jason estava na sala, esperando ela. Sabia que ela não ia resistir.

Quando Ali desceu, ele já estava com um sorriso no rosto.

-Tira esse sorriso idiota. -disse ela.

Já estava arrumada pra sair.

-Sabia que não ia resistir.

-Você atinge no ponto fraco. -respondeu rindo.

Ele se levantou do sofá, colocou seus óculos escuros e saíram.

-Pra onde vamos? -perguntou ela.

-Pra faculdade. -respondeu Jason.

-O que?! -disse ela. -Você me tirou da cama num sábado pra ir a faculdade que só começa na segunda?

-Cadê aquela nerd que só queria estudar?

-Sumiu na mesma época daquele garoto que não queria saber de estudos, só de garotas.

Ele apenas riu.

-Vai ser legal. -disse a abraçando.

-Só quero ver.

Desceram até a recepção e pediram um táxi. Enquanto estavam esperando, Hannah passou enfrente.

-Olá Jason. -disse ela.

-O.oi. -gaguejou.

-Olá Alisson.

-É Alice. -respondeu ela.

-Ah, desculpa. -disse Hannah. -Estao indo a Stanford?

-Sim. -respondeu. -E você?

-Tambem.

-Que coincidência. -disse Alice em um tom irônico.

-Querem uma carona? -perguntou. -Meu motorista está ali na frente.

-Se..

-Não, obrigada. -disse Alice, o interrompendo.

-Tudo bem entao. -disse ela. -Nos vemos la.

Quando Hannah sumiu de vista, Jason se virou para Alice de braços cruzados.

-O que deu em você? -perguntou ele.

-Eu não gostei dela!

-Por que?!

-Não sei. -respondeu. -Só não gostei.

-Você e essas suas manias. -disse Jason. -Nem conhece as pessoas e já não gosta.

-Até hoje eu sempre estive certa quando não gostei de alguem, mais a frente a pessoa mostrou não valer nada.

-Mas agora pode estar errada.

-Vamos ver.

Entraram no táxi e foram até Stanford, que não era longe dali.

Jason não tirava os olhos da janela quando chegaram.

-É ali. -disse ele cutucando Alice.

E ela ficou feliz. Não por estarem na faculdade, Mas por ver o brilho nos olhos dele.

-Chegamos! -disse Jason, com um sorriso enorme no rosto.

Desceram do taxi enfrente a Stanford. Muitos jovens estavam ali, a maioria acompanhado de alguém.

-Uau. -disse Alice. -Quanta gente.

-Hoje é o dos alunos novos conhecerem.

-Nossa. -disse ela. -Que coisa chata.

-Não começa! -disse ele a abraçando e indo em direção a entrada.

Seguiram o guia com o resto do grupo. Viram algumas salas, alguns laboratórios, e pararam na biblioteca.

-Uau! -disse Alice.

-Se interessou agora?

-Olha o tamanho dessa biblioteca! -disse ela surpresa.

Era a maior biblioteca que Alice e Jason já tinham visto.

-Igual àquelas de filme né? -disse Jason

-Bem maior do que aquelas de filmes. -disse ela sorrindo.

-Proxima parada, para aqueles que gostam de esportes. -disse o guia.

-Agora é pra mim. -disse Jason sorrindo.

-Agora você tá empolgado né?

-Claro! -disse ele. -Vamos!

Jason, desde o ensino médio é louco por esportes. Era Capitão do time de futebol na escola, e sempre sonhou em jogar no time da faculdade.

Stanford tinha um dos melhores times de futebol do país, o Stanford Cardinal. E um dos maiores estádios.

Quando chegaram, Jason ficou com o brilho nos olhos de uma criança vendo um dos brinquedos que mais quer na vida.

-Pisca pelo menos. -disse Alice.

-Este é o Stanford Stadium, aqui já foi sediado copa do mundo, Super Bowl. -disse o guia.

-Os testes começam quando? -perguntou Ethan, que estava um pouco atrás.

-Na feira que será realizada no primeiro final de semana após o começo das aulas.

-Parece que tem um concorrente ao time. -disse Alice.

Ethan foi se aproximando deles.

-Vi que ficou animado ao ver o campo. -disse ele.

-Jas era Capitão do time do Colégio. -respondeu Alice.

-Serio? -disse Ethan

-Sim. -respondeu Jason. -Você joga?

-Não. -respondeu. -Nunca joguei.

-Se quiser, posso te dar umas dicas antes do teste.

-Faria isso?

-Claro ue. -respondeu Jason.

Alice olhou para ele com um sorriso bobo no rosto.

-O que foi? -perguntou ele.

-Te amo! -disse ela. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...