História Apenas eu e você. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Ecchi, Hentai, Nudez, Romance, Submissão
Visualizações 29
Palavras 994
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem e apreciem a leitura!

Capítulo 1 - Apenas eu e você.


~ Apenas eu e você ~

Minha família precisava fazer uma viagem, e concordaram em me deixar sozinha pela primeira vez. Seria 2 noites na minha solitária e aconchegante casa. É claro, recebi as regras, e disse que iria obedecer. Já era final de tarde quando meu namorado me manda uma mensagem dizendo que iria passar em casa para me buscar para sairmos. Ele não sabia que eu estava só em casa, sabia que talvez iríamos sair, então deixei para contar quando o encontrasse.

Quando ele me liga, dizendo que já está em minha rua, digo para ele entrar, pois ainda não estava pronta. Ele achou estranho o carro de meus pais não estar na garagem mas ele entra mesmo assim; ele me vê, me dá um beijo e pergunta onde está todos.

Expliquei sobre a viagem e pedi para que ficasse um pouco comigo. Ele achou uma ideia um pouco perigosa, mas concordou em ficar um pouco.

Ficamos deitados no sofá, vendo filme, apenas eu e ele. O filme estava tão chato e entediante que ambos estavam impacientes. Eu fui me aconchegando mais até ele levantar meu rosto e me beijar.

Beijos prolongados e o meu corpo colado ao dele, até que ele me deitou e puxou minha blusa até meu ombro ficar amostra e começou a dar leves beijos e sugadas. Subiu até meu pescoço fazendo eu ficar excitada demais. Ele enfim, tirou minha blusa e sem pensar já estava colocando a sua mão por dentro do meu sutiã enquanto a outra passa a mão pelo meu corpo, fazendo um tour pelo mesmo. Quando estava tirando meu sutiã, me levantou um pouco e começou a chupar meu peito direito enquanto apertava com sua mão o esquerdo, ele deu uma leve mordida fazendo eu dar um gemido baixo. Ele sobe até minha orelha e começa a morder e beijar aumentando minha excitação. O clima estava esquentando mais ainda é percebi que talvez seria a hora de parar, mas ele era maior que eu, ele segurou meus braços e eu não tinha forças alguma para tirá-lo de cima de mim, mas, quem eu queria enganar, nós dois queríamos aquilo.

Ele foi descendo enquanto me beijava, e ele foi aos poucos, tirando meu short, beijando minhas coxas e indo até a calcinha para arrancá-la, então eu soltei um gemido e disse -Aí n..não, p..por favor-. Ele olhou para mim e disse para que confiasse nele. Ele deu uma línguada lenta mas que me excitou tanto; Ele começou a me chupar, a sugar.. e antes que percebesse eu já estava revirando os olhos e mordendo meus lábios acompanhado com leves gemidos, até que ele coloca dois dedos em mim. Dois dedos eram tão ótimos entrando e saindo de mim naquele momento. Ele aumentava a velocidade e eu gemia mais. Aquilo era tão bom, mas eu queria mais, queria sentir o pau dele dentro de mim.

Ele sobe novamente e diz baixo no meu ouvido enquanto me toca:

-Agora é sua vez de me satisfazer um pouco.

Ele se senta no sofá e eu fico de joelhos no chão. Eu vou tirando a calça dele e percebo que ele estava tão excitado quanto eu. Quando tiro sua cueca eu vejo que o pau dele estava tão duro que latejava. Eu comecei com uma lambida de cima para baixo no pau inteiro, começou a rodar a língua pela cabeça e percebo que ele quer que o chupe logo. Eu dou uma chupada depois lambidas, ele segura meus cabelos e coloca seu pau em minha boca e eu começo a chupá-lo na velocidade que ele levava a minha cabeça. Ele me olha enquanto eu o chupo e eu também olho para ele, nossos olhares se encontraram e eu fiquei corada e isso me deixou ainda mais excitada. Eu comecei a chupar a chupar suas bolas enquanto batia com a mão. Eu já não aguentava mais de tanta excitação, eu queria seu pau dentro de mim agora.

Ele me levantou e me segurou, me deu tapas na bunda e eu segurava com força as almofadas do sofá de tanta excitação. Eu subo em cima dele mas ainda não penetro nada em mim, apenas rebolo e esfrego seu pau em mim, até que ele o coloca em mim e me beija ferozmente, segurando meu cabelo, descendo até o pescoço. E depois segura minha cintura e me movimenta bem rápido, com força. Eu tentei não gemer tanto mas era impossível naquela situação. Aquilo era perfeito, entrando e saindo dentro de mim, a força que ele tinha sobre mim era ótima.. a mão pesada batendo minha bunda e apertando era o que me fazia delirar enquanto ele botava com força.

Ele me muda de posição, me coloca de 4 e passa seu pau por mim devagar, fazendo eu ficar com mais vontade de recebê-lo. Ele enfia com força e continua na mesma velocidade que estávamos na outra posição. Enfiava tão forte, com tanta força que eu ouvia o barulho do seu corpo se encaixando com o meu. Eu gemia alto até demais, ele batia com sua mão pesada na minha bunda e meus gemidos eram cortados pelos tapas.. eu estava em êxtase ali.. eu só queria gozar com ele.

Quando o ritmo estava cada vez mais rápido e a vontade de gozar era maior, ele já se preparava para me ajoelhar e gozar na minha boca. O ritmo que ele faz é tão bom.. eu estou prestes a gozar e ele coloca com força batendo forte em minha bunda e quando eu gozo ele continua colocando ate que ele me vira, me ajoelha e coloca seu pau no meu rosto. Eu dou umas lambidas e chupadas rápidas até ele preencher minha boca com todo o seu sêmen e me sujar todo meu corpo. Aquilo foi tão bom.. Nós dois estávamos ofegantes e cansados.. deitei em cima dele e suspirei dizendo que o amava, ele tira o cabelo do meu rosto e diz que também me ama. E ficamos ali, abraçados. Apenas eu e você.


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Talvez eu continue, se vocês quiserem. Obrigada!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...