1. Spirit Fanfics >
  2. Apenas por uma noite - Kakasaku >
  3. Capítulo IX

História Apenas por uma noite - Kakasaku - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - Capítulo IX


Depois da cerimônia de posse de Naruto para Hokage, a festa acontecia, todos os moradores da aldeia estavam ali, juntamente com os shinobis e amigos aliados de outras aldeias. A felicidade de Naruto era indescritível, ele não podia estar mais feliz, seu sonho por toda a vida finalmente estava sendo realizado. Sakura estava orgulhosa dele, assim como todos seus amigos e os que o viram crescer. 


Sakura e Ino caminhavam animadamente até uma barraquinha para comprar alguns dangos, quando encontraram Sai, o namorado de Ino, conversando com o Rokudaime, que quando as viram aproximando, lançou o olhar para Sakura. 


— Docinho, onde você estava? — a loira perguntou beijando o rosto do rapaz pálido. 


— Eu estava conversando com o Kakashi sensei, sobre o que ele vai fazer agora, já que se aposentou do cargo de Hokage. — sorriu de forma estranha, como costumava fazer. 


— É, Kakashi sensei, o que você vai fazer agora? Creio que vai descansar né, tantos anos como um ninja excepcional, você deve estar cansado. — Ino indagou olhando o mascarado. 


— Irei descansar, mas na verdade, eu vou voltar com tudo nas missões logo após as férias. Não estou tão velho assim. 


Sakura apenas observava a conversa, dando uma atenção especial para Kakashi, que rapidamente foi percebido pela Yamanaka, que inventou a desculpa que ia falar com Temari e Shikamaru arrastando Sai junto com ela, deixando Kakashi e Sakura sozinhos. 


— Você quer? — ofereceu os dangos que estavam no espeto. 


— Não, obrigado. Eu não gosto de doces. 


— Isso tudo é para manter a forma, velhote? — o provocou. 


Ele apenas deu uma risada nasalada enquanto abaixou a cabeça, depois agarrou a cintura dela e aproximou o rosto até o ouvido da Haruno. 


— Você não me chamou de velhote quando estava sentando na minha cara a noite inteira ou quando eu estava entre suas pernas, dentro de você, enquanto você gemia o meu nome. — sussurrou e notou os pelos róseos da nunca se eriçar.


A rosada o olhou corada e sorriu. Mesmo com a máscara, ela podia notar a expressão de pura travessura no rosto dele. Continuaram caminhando, enquanto conversavam sobre assuntos banais, quando mais a frente escutam um certo loiro gritando seus nomes eufórico, ao lado estava um moreno não muito animado, e com o semblante sério costumeiro. .


— Sakura! Kakashi sensei! Venham até aqui. — Naruto os chamava muito feliz. 


— Yo. — Kakashi falou enquanto nos aproximamos dele e de Sasuke. 


— Nós precisamos tirar uma foto! Como na época do time 7. De uma forma ou de outra sempre seremos o time 7! — falou animado.


— Muito bem, então vamos lá. — o mais velho disse se aproximando dos seus ex alunos. 


— Você devia usar o chapéu de kage, Kakashi. — Sasuke disse cruzando os braços e soltando uma risada. 


— Eu odeio esse chapéu! Vamos lá. 


Todos fizeram uma pose quando o fotógrafo posicionou a câmera. A foto foi tirada e todos notavam a felicidade ali. Naruto não se continha em si, seus amigos e sensei estavam mais que felizes por isso. 


— Sabe pessoal, tem uma coisa  que eu queria contar pra vocês. — Naruto falou fazendo Sakura, Sasuke e Kakashi olharem para ele. — Hina, vem cá! — chamou a esposa que veio andando rápido. 


Quando ela chegou perto a boca de Sakura se abriu em um perfeito "o" e arregalou os olhos, assim como Kakashi, já Sasuke continuava com a expressão dura de sempre, mas com um fino sorriso nos lábios que para muitos passaria despercebido. 


— Oi, pessoal. — a princesa do Byakugan falou timidamente abraçando o marido. 


— Eu vou ser pai! A Hinata está grávida! — Naruto falou apontando para a barriga da mulher com os olhos perolados que já era notável. 


— Meus parabéns, Naruto e Hinata! — Sakura falou sorrindo pela notícia. 


— Essa criança só não pode ser um idiota como você, Naruto. — Sasuke cruzou os braços e Naruto riu enquanto coçava a nuca, exatamente como Kakashi fazia. 


— Fico feliz por vocês. Já sabem o sexo? — Kakashi perguntou. 


— Ainda não, mas iremos amar esse bebê independente se for menina ou menino, dattebayo! — Naruto abraçou a barriga redonda de Hinata encostando o rosto ali enquanto ela sorria feliz. 


Sakura via a cena e por alguns instantes sentiu uma pontada de inveja do casal e se auto repreendeu por isso. Ela se afastou um pouco enquanto Naruto tagarelava no ouvido do Hatake. Caminhou um pouco mais pra frente e viu o Uchiha se aproximando dela. 


— Eu vi como você olhou para o Naruto com a Hinata. 


— O que? Do que está falando, Sasuke? 


— Você sentiu inveja, e desejou ter aquilo, nem que fosse só por um minuto. — falou frio. — Sabe que pode ter aquilo se ficar comigo, não sabe, Sakura? 


— Não teríamos aquilo porque você não me ama, Sasuke, nunca amou. 


O moreno permaneceu em silêncio. 


— O que está acontecendo entre você e o Kakashi? Seja lá o que for, ele foi o seu sensei, nosso sensei. 


— Sasuke, eu tenho 21 anos e sou já sou grandinha demais para saber o que é certo e errado, ou pra saber o que devo ou não fazer. 


Saiu andando apressada para longe do Uchiha, era notável que se irritou com as palavras dele. Quem ele era para se meter na vida dela assim? Por que ele insistia em falar tais coisas quando todos sabiam como ele a rejeitava? 


Ela parou em um barzinho e pediu saquê para a atendente que ficava atrás do balcão, sentou-se em uma mesa afastada e começou a apreciar o gosto da bebida alcoólica. Muitas perguntas passeavam para lá e para cá em sua mente, mas todas tinham um foco principal: Kakashi Hatake. 


Estar com ele fazia bem para ela. Ela sabia disso, só tinha certo pavor em admitir para si mesma. Não queria parecer fraca, mas pelo rumo que as coisas estavam tomando  não podia se fazer de durona por muito tempo, não para ele. Ele amolecia a parte mais bruta dela, e isso a encantava, se estivesse ficando louca até diria que estava apaixonada por ele. Patético, ou... Ela realmente estava? 


Não deu tempo de responder a sua própria pergunta quando notou a presença dele chegar naquele estabelecimento. Sakura viu que ele procurava por ela, olhando pelas mesas, quando finalmente mirou na dela e caminhou até a mesma. Assim que ela o viu a sua frente, tudo o que aconteceu e estava acontecendo no último mês estava passando como um filme por sua cabeça. 


Kakashi nos sonhos dela. Kakashi na mesa de cirurgia. Kakashi ouvindo ela falar o quanto ele era bonito enquanto fingia estar dormindo. Kakashi a olhando diferente, Kakashi a rejeitando por ser sua ex aluna. Kakashi voltando atrás e a beijando. Kakashi na cama dela, entre as pernas dela. Kakashi, Kakashi, Kakashi... Tudo estava se resumindo a ele, e ela sabia nesse exato momento que estava apaixonada por ele, e que por mais que lutasse, não poderia mudar isso. Aconteceu! 


— Achei que já tinha ido embora. — se sentou na cadeira em frente a ela. 


— Eu só precisava beber. — deu um gole considerável na pequena taça de saquê. 


— Por quê? 


— Me senti mal por ter ficado com inveja do Naruto, ele é meu amigo. 


— Não sabia que você queria ser Hokage também. — Sakura riu. 


— Não estou falando disso. Sabe, agora ele tem uma mulher que o ama, eles vão ter um bebê e uma família. E eu, bom... Fiquei com inveja. 


— Então você quer ter um bebê? Eu posso te dar quantos bebês você quiser. — Kakashi riu divertido enquanto Sakura o olhava assustada. Ele percebeu como ela o olhava e só depois disso percebeu o que falou. — Me desculpa, Sakura. Não temos que falar de bebê agora, mas sabe, você não está sozinha. Eu estou aqui. Ainda não sei definir o que somos, até porque não quero nomear algo tão bom e espontâneo, só... Eu estou aqui para você. 


Ela sorriu em agradecimento e sabia que as palavras dele eram sinceras, já que era exatamente o que ela sentia no momento. 


— Você quer sair daqui? Fugir pra qualquer outro lugar. — a rosada perguntou. 


— Ou então podemos ir para a minha casa. — ele se levantou estendendo a mão para ela segurar. 


Saíram do local rápido antes que alguém os vissem, e por um momento, Kakashi não queria estar em qualquer outro lugar com outra pessoa. Queria estar ali, fugindo com ela para seja lá onde estivessem indo. Só queria estar com ela, ela o fazia sentir coisas que não sentia desde que perdera Rin. Ela. Sakura Haruno. Era ela. 





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...