História Apenas um acordo - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Aine Coutinho, Amizade, Amor, Copa, Futebol!, Liverpool, Philippe Coutinho
Visualizações 120
Palavras 733
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 9 - Cap.9


AINE SOUZA

Hoje faz um mes que eu e Philippe estamos namorando. Esse mês que passou não poderia ter sido melhor, Phil como sempre foi muito carinhoso nós saimos bastante para jantar e compramos dois cachorros o Will e a Mel, eles são adoráveis e trouxeram mais alegria pra nossa casa.

Phil acabou de chegar do treino e está no banho enquanto eu o espero em sua cama.

Amor, vamos pedir pizza?- perguntou saindo do banheiro apenas de bermuda. E eu simplesmente me vi perdida em seu corpo, percebi que fiquei tempo de mais o olhando quando Philippe riu baixinho.

É-é vamos- respondi desviando o olhar e levantado pra sair do quarto.

Estava perto da porta quando senti Philippe agarrar minha cintura por trás me puxando para perto dele.

Ficou com vergonha morena- disse beijando meu pescoço- Não precisa ficar, eu sou todo seu-disse baixo em meu ouvido.

Não resistindo me virei e ataquei seu lábios em um beijo com desejo, senti ele me pegar no colo e coloquei minhas pernas em volta da sua cintura, ele desceu sua mão para minha bunda a apertado me fazendo dar um gemido entre o beijo, logo senti ele me colocar na cama deitar sobre mim fazendo nossas inutilidades se chocarem.

Phil tirou minha blusa e logo começou a beijar meu pescoço. Quando foi em direção para tirar meu sutiã ele parou.

Você tem certezas disso?- perguntou me dando um selinho.

Acho que a pizza vai ter que esperar- respondi o beijando.

Logo meu sutiã estava no chão, sua boca em meu seio enquanto massageava o outro, senti sua mão entrar em meu shorts e ele começar a me estimular por cima da calcinha. Phil desceu seus beijos pela minha barriga e puxou meu shorts junto com calcinha, logo senti sua língua brincando com meu clitóris, eu gemia alto e me contorcia na cama com seus toques.

Ajudei ele tirar sua bermuda em meio a beijos, logo ele tirou sua cueca e colcou uma camisinha se posicionado em minha entrada.

Se tiver te machucando eu paro- disse erguendo minha mão até a altura de minha cabeça segurando a mesma- pode apertar minha mão.

Eu te amo- foi oque ele me disse enquanto me penetrava, seu movimentos eram lentos para eu me acostumar. Gemi por causa da dor e o mesmo passou a olhar em meus olhos. Ao poucos a dor se tornou prazer e Philippe percebendo isso aumentou o ritimo. Seus movimentos eram rápidos e precisos, foi quando resolvi tomar o controle invertendo nossas posições ficando por cima, eu rebolava com vontade em seu pênis vendo sua cara de prazer, aumentei o ritimo sentido meu orgasmo próximo.

Juntos?- perguntou Phil percebendo minha situação.

Sim- respondi quase sem fôlego, e senti Phil envestir por baixo nos dando mais prazer, foi quando senti meu corpo tremer e escutei um gemido rouco vindo de Coutinho, tínhamos gozado juntos.

Deitei em seu lado e me cobri, enquadro ele ia ao banheiro tiara a camisinha. Voltou deitou ao meu lado me puxando para o seu peito.

Você é a melhor- disse beijando minha testa- eu te machuquei? - perguntou preocupado.

Não amor, foi perfeito- lhe dei um selinho demorado-vou tomar um banho-falei me levantado enrrolada no lençol.

Posso ir junto- perguntou se levantado.

Vem- disse ja dentro do banheiro.

Nosso banho foi normal, apenas com beijos e carícias, phil lavou meu cabelo o lotando de shampoo fazendo muita espuma, eu apenas ria do seu desespero ao pensar que me deixaria cega com tanta espuma. Esfreguei suas costas distribuindo beijos pela mesma.

Saímos do banho Phil colocou sua bermuda novamente enquanto eu vesti apenas uma camiseta sua.

Você ficou extremamente gostosa com minha camisa- disse me olhando.

Só com a camisa?- perguntei me aproximado e o abraçando.

Não, especialmente sem ela- disse e deixou um beijo em meu pescoço.

Phil ligou pedindo uma pizza, ja que Mari estava de folga. Assim que a pizza chegou foi buscar enquanto eu colocava um filme.

Voltou com pizza e coca para o quarto, não esperamos nada e atacamos. Quando acabamos desci levar as coisas na cozinha e aproveitei pra lavar os copos. Assim que voltei pro quarto encontrei Phil concentrado em seu celular. Olhei a hora e já era mais de 22:00 afinal ele tinha chego mais tarde hoje.

Deixamos nossos celulares de lado e viramos um para o outro, me aconcheguei em seus braços, enquanto o mesmo me fazia cafuné.

E assim dormimos, agarrado um no outro, sentido o cheiro um do outro, apenas aproveitando a companhia um do outro 


Notas Finais


GEEEENTE PERDOEM ESSE HOT, FOI O PRIMEIRO QUE ESCREVI E PERDEM OS ERROS NÃO REVISEI O CAP.

POR FAVOR COMENTEEEEM

BJOOOO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...