História Apenas uma garota solitária ( Imagine BTS - Suga) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Agustd, Bts, Suga, Suícidio
Visualizações 231
Palavras 740
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 14 - Capítulo 14


Acordo sentido uma grande dor na região do meu útero, me sento na cama e olho ao redor, lembrando da noite maravilhosa que tive. Coloco algumas peças de roupa que estavam ao meu alcance e tento levantar, falhando miseravelmente e indo de encontro ao chão. Minhas pernas estavam e meu corpo inteiro doía

Me apoio na cama e tento me levantar novamente. Vou até a sala me apoiando nas paredes e logo me jogando no sofá. Suga sai da cozinha e vai até onde estava

Suga - bom dia - diz me dando um celar

- quem é você é o que fez com meu namorado? 

Suga - idiota... - diz revirando os olhos e voltando para a cozinha

- amor... tem remédio pra dor? 

Suga - deve ter... quer que eu pegue? 

- por favor

Ele sai da cozinha mais uma vez e vai até o quarto de onde sai com uma cartela de remédio em sua mão. Suga me entrega a cartela e pega um voo d'água 

- valeu... 

Tomo dois comprimidos e coloco a cartela e o copo em cima da mesa de centro. Pego meu celular para ver as horas observando algumas mensagens que ainda não haviam sido lidas. Decidi ignorar, estava mais concentrada na tv 

Suga se sentou ao meu lado e me entregou uma tigela de cereal. O agradeci e comecei a comer o cereal

Autora on

Já eram 12:00, e tudo estava tranquilo, por conta da dor em seu quadril, S/N caiu diversas vezes, causando um ataque de risos em seu namorado, mas após algumas horas, ela conseguiu lidar com a dor que não passaria tão cedo

Os dois estavam largados no sofá assistindo alguns animes, os quais tiveram que pausar por conta de uma ligação no celular de Yoongi

O mesmo ficou surpreso pela ligação vinda daquele número, era raro quando ele a recebia. Receoso, ele se levantou do sofá e foi até a varanda da casa para poder atender a chamada

Yoongi - alô? 

Sra.Min - oi filho! 

Yoongi - oi mãe... 

Sra. Min - tudo bem? Como vão as coisas ai? 

Yoongi - bem... e como estão ai? 

Sra. Min - muita correria... mas tenho um recado ótimo! 

Yoongi - qual? 

Sra. Min - eu e o seu pai voltaremos para Coreia! 

Yoongi - quando? 

Sra. Min - quinta feira! 

Yoongi - sério... que legal... 

Sra. Min - o que foi filho? 

Yoongi - n-nada só estou um pouco gripado... 

Sra. Min - entendi... mas bem... até Quinta! 

Yoongi - até... 

Yoongi encerrou a chamada e se apoiou na varanda. Ele amava seus pais, mas sabia do jeito que eles era, principalmente seu pai. E com a sua volta, sabia que iria ter que voltar a morar com eles. Esse era o trato, assim que fossem viajar ele teria que ficar sozinho, mas quando voltassem, iria ter que voltar a ficar com eles, até que pudesse se sustentar

Mas o que o preocupava no momento era S/N, aonde ela ficaria? Seus pais não gostam muito dessa ideia de trazer alguém para a casa deles...  O que ele faria? 

Yoongi voltou a se sentar no sofá com a cara preocupada, atraindo o olhar de S/N para si

S/N - o que foi? 

Yoongi - nada... - mentiu com a esperança de que ela não descobrisse 

S/N - Suga... - ela sabia quando ele não estava bem... 

Yoongi - meus pais - diz soltando um suspiro triste

S/N - o que tem eles? 

Yoongi -  eles voltarão para cá... 


S/N - que bom... 

Yoongi - mas eu vou ter que voltar a morar com eles... É tipo um trato... e... 

S/N já imaginava o que ele estava querendo dizer,  sua expressão facial falava que mais que palavras. Ela o puxou para mais perto de si e começou a acariciar seus pequenos fios negros

S/N - não se preocupe... irei ficar bem 

Yoongi - mas... aonde você vai morar? 

S/N - eu alugo um canto... 

Yoongi - mas... 

S/N - mas nada... eu consigo me virar... que tal mudarmos de assunto? 

Ela começou a falar sobre uma matéria que passou no jornal tentando faze-lo esquecer. Sabia que seria complicado alugar uma casa, e ainda tinha os móveis. Mas, no momento, sua preocupação era o seu namorado, queria fazer ele parar de se preocupar com ela e pensar em outras coisas...

Porem não seria possível. Suga se importava com ela e tinha medo de perde-la pelo seu histórico de depressão. Não queria deixa-la sozinha... não devia... 












Continua? 






Leiam abaixo 


Notas Finais


Gente me perdoem se ficou muito curto mas eu tinha que postar esse capítulo
Sorry
E desculpa ter demorado para atualizar
Desculpa mesmo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...