1. Spirit Fanfics >
  2. Apenas uma gota >
  3. A foto

História Apenas uma gota - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Essa é a minha primeira história aqui então aproveitem e se divertam com ela.
OBS:Algumas partes desta história podem n condizer com a nossa realidade,então,caso leem algo estranho apenas ignorem
OBS:A história é contada em caixas de fala entre os personagens,então,não pense que isso é um livro,pense que é um série

Capítulo 2 - A foto


P.O.V SARAH 

NO NECROTÉRIO
Sarah-Fico feliz em rever você mais uma vez.


???-Eu também,não sabia que voltaria para cá tão rápido!


Sarah-O André me chamou para este caso,não sabia que era tão interessante.


???-Uma mulher envenenada é interessante?Só você para gostar dessas coisas.


???-Vamos!Vou te mostrar o corpo.


Sarah-Tadinha...(falou olhando para o corpo da mulher pálida)


???-Tem alguma informação sobre ela?


Sarah-Meu ajudante já deve estar vindo,qual veneno foi usado?


???-Já fizemos vários testes mas nenhum veneno ou substância consegue fazer isso.Ela morreu sufocada,a substância invadiu seus pulmões e fechou a traqueia dela,assim n conseguindo respirar.


Sarah-Não sabem o que é?


???-Infelizmente não...Mas estamos estudando esse novo veneno porém precisamos de mais amostras.


Sarah-Vou conseguir um mandato para entrar na casa dela.Olha quem chegou...


Davi-CHEGUEI...Cheguei...Consegui os dados dela...Estão aqui...


???-Você está bem?Parece que correu uma maratona.


Davi-Eu estou bem s,só corri demais.


Sarah-Mas a gente estava de carro!Você perdeu o carro?


Davi-Não exatamente...Eu bati ele...Mas foi sem querer!Eu já chamei o guindaste...Por isso saí correndo.Uma pergunta quem é você?


Sarah-É a médica legista,Bruna esse é Davi e Davi essa é Bruna.Eu vou falar pro André,ele cuida do carro.


Bruna-Então esse é o seu ajudante?


Sarah-Por enquanto é...Anda logo!quem é ela?


Davi-Claro...Eliza,45 anos,divorciada,tem 1 filho,problemas respiratórios como:pneumonia e asma...


Sarah-Diz logo onde que ela mora!


Davi-Rua Doutor Moacir,Vila Santa Clara.


Sarah-Obrigada!Vou ligar pro André.(vai para fora do necrotério)


Davi-Ela é assim mesmo?


Sarah-É o jeito dela,ela pode ser bruta mas sabe o que faz.Bom,eu vou tomar café agora quer ir comigo?Ela vai demorar.


Davi-Claro!Eu adoraria.
DO LADO DE FORA (NO TELEFONE)
Sarah-Eu quero ir no apartamento dela,você consegue o mandato?


André-Consigo sim mas ainda quero saber como que ele bateu o carro?


Sarah-Pergunta pra ele então!'Tô indo ai,vou chamar um Uber.


André-Mais uma coisa!O Irmão dela está na delegacia,se quiser perguntar algo para ele pode perguntar.


Sarah-O Davi vai,vou chamar ele.Te encontro depois.


André-É claro,vou falar com o juiz,até.(desliga o celular)


Sarah-Onde que a Bruna e o garoto foram?


???-Foram pra a cafeteria.


Sarah-Obrigada
NA CAFETERIA
Bruna-O que está achando da cidade?E do novo trabalho?


Davi-Bom...Eu 'tô me adaptando ainda mas estou adorando o lugar,e em relação ao trabalho não posso falar muita coisa,nem se passou uma semana desde que eu comecei a trabalhar com a Sarah.


Bruna-É claro,ela é uma pessoa de muita sorte sabe?Você é engraçado e divertido,ela precisa um pouco disso.


Davi-Ela não era assim?


Bruna-Pelo contrário!Super divertida e feliz...Até tudo desmoronar na vida dela...Depois disso nunca foi a mesma.


Davi-O que aconteceu com ela?


Bruna-Ela não gosta que falem da vida pessoal dela,por isso ninguém a conhece,apenas amigos próximos.


Davi-'tendi...


Sarah-DAVI!Vem aqui.


Davi-'TÔ INDO,muito obrigado pelo café.


Bruna-Obrigada você que aceitou.
ANDANDO NA RUA
Davi-Do que você precisa?


Sarah-Quero que interrogue o irmão da Eliza por mim,vou pegar o mandato e ir na casa dela.


Davi-Só isso?


Sarah-Descubra os amigos próximos dela e os lugares onde ela foi nessa última semana,ficarei grata.Aquele é seu Uber!


Davi-OK!Mas como que você vai ir na casa dela?


Sarah-Eu tenho meus contatos de reserva não se preocupe.


Davi-Se você diz.


Sarah-Caso precise de mim apenas me ligue.


Davi-Obrigado.
P.O.V DAVI (INTERROGATÓRIO)
Davi-Sabe onde está o irmão da Eliza?


???-Ele está no interrogatório,para lá.


Davi-Obrigado!


Davi-Bom dia senhor,está bem?Preciso que você responda umas perguntas para mim.


???-Você acha que é um bom dia?Minha irmã foi morta!O filho dela não fala com ninguém e eu não durmo a noite!Você compreende a situação?


Davi-Me perdoe por isso,não foi isso que eu quis dizer...Pode me falar seu nome?


???-Pablo...Pablo Menezes.


Davi-Muito bem senhor Pablo,vamos começar.Quero saber como que ela estava agindo nesse mês,tinha algo de estranho nela?


Pablo-A gente não tem o costume de visitar uns aos outros mas ela não me contou nada.


Davi-Então nada mudou nela?


Pablo-Não que eu saiba,ela era uma pessoa muito fechada,não conversava muito e tinha seus problemas pessoais.


Davi-Que tipo de problemas?


Pablo-Eu não sei muito dessa parte mas ela foi dispensada do emprego em uma tentativa de atacar o chefe dela.


Davi-Sabe em que empresa ela trabalhou?


Pablo-Era uma de telemarketing.


Davi-Sabe se ela tinha amigos ou lugares em que ela vá?


Pablo-Nunca saía de casa,já  tentamos convidar ela para um passeio porém a mesma recusou e falou precisava cuidar do filho.E sobre os amigos,nunca teve amigos próximos sempre andou sozinha.


Davi-'Tendi senhor,sabe se podemos falar com o filho dela?


Pablo-Vai ser difícil!Ele está de luto e nem comer ele quer.


Davi-Não custa tentar né.Está liberado,pode ir.


Pablo-OK!Vou falar com o garoto.(Saiu da sala)


Davi-Ufa!Não achei que seria tão complicado.(Celular toca)


Davi-Alou!Sarah?


Sarah-Consegui o mandato estou indo te buscar,já fica do lado de fora!


Davi-Mas eu preciso interrogar o garoto!


Sarah-Ele não vai falar,vamos dar um tempo a ele.


Davi-'Tá bem,vou falar para irem em bora.


Sarah-Faça isso e por gentileza pode pegar café pra mim?


Davi-Claro!Claro!
NA CASA DA VITIMA
Davi-A casa dela é bonita!Quer que eu comece por onde?


Sarah-...


Davi-Sarah?Você está bem?


Sarah-Estou observando o local,qualquer pista pode ser útil.Inclusive as que você menos espera,pode começar lá dentro vou dar uma volta pelo quintal.


Davi-OK!(entra na casa)


Davi-Nossa!Essa casa é bem apertada,como que ela vive nisso?


Davi-Sala,cozinha,quarto,banheiro,escada...Vocês podem começar lá em cima eu vou dar uma olhada aqui.


???-OK chefe!


Davi-(abrindo os armários)Nossa!essa mulher não sabia comer outra coisa?A louça ainda 'tá suja,se eu fosse o assassino onde que eu envenenaria ela?Água!


Davi-Deve ter algo nesse galão d'água,vou levar!


Sarah-Achou algo de interessante?


Davi-AAAAA!Que susto Sarah!Você chega de fininho nas pessoas?


Sarah-É engraçado...Não respondeu minha pergunta.


Davi-Bom,provavelmente o assassino entrou na casa dela envenenou a água e foi embora.


Sarah-Isso é óbvio quero saber algo de interessante.


Davi-Só descobri isso...


Sarah-Ainda tem muito a aprender.Deixa eu dar uma olhada aqui!


Davi-Sem problemas.
ALGUNS MINUTOS DEPOIS
Davi-Você fica parada olhando os móveis das pessoas?


Sarah-Meu olho enxerga muito mais do que pessoas normais!


Davi-Então você tem poderes?


Sarah-Isso é ficção!Apenas presto atenção nas pequenas coisas que passam despercebidas e tenho uma boa memória.


Davi-Entendi,tem como você me ensinar essa técnica?


Sarah-Você só aprende na pratica.Estou nesse trabalho faz 20 anos e observar tantas coisas fez isso ficar automático!


Davi-Pode demonstrar então?


Sarah-É claro que eu posso,mas não aqui.Na delegacia eu conto tudo,esse assassino é bem diferente dos outros.
Davi-O que você quer dizer com "diferente"?


Sarah-Eu conto tudo na delegacia.


???-Senhora!Precisa subir aqui em cima.


Sarah-Estamos indo!


ANDAR DE CIMA
Sarah-O que encontraram?


???-Achamos maconha no quarto da vitima,bebidas alcoólicas e cigarros usados.


Davi-Ela não se cuidava mesmo em!


Sarah-Mais alguma coisa?


???-Tem uma foto no quarto dela.


Sarah-E?


???-Você está nela...


Sarah-QUE?Eu estou numa foto com ela?Deixa eu ver isso!(pega a foto)


Davi-Não sabia que era festeira quando era jovem.


Sarah-Eu conhecia ela?Isso faz muito tempo!


???-Parece que sim!


Sarah-Vamos para a delegacia!Lá eu conto tudo.Esse caso 'tá ficando mais estranho.
NA DELEGACIA
Sarah-Eu trouxe vocês para cá porque eu estou num caso muito instigante e preciso de algumas opiniões.Bom,Eliza foi no mercado e depois de alguns minutos começou a ter falta de ar,ela não ligou pois tinha problemas respiratórios então não se preocupou,ao sair do mercado sua traqueia fechou fazendo-a cair no chão e impedindo-a de respirar,a substância não identificada está sendo analisada.Alguma sugestão?


André-Se alguém conseguiu faze-la colocar isso no corpo dela e a fez ir no mercado...para mim ela foi sequestrada.


Sarah-Como que você virou chefe da delegacia sendo tão burro?


Bruna-Ele não sabe de nada,alguém entrou na casa dela.


Davi-E colocou algo na bebida dela.


Sarah-Exatamente!Como ela bebia demais e se drogava era um alvo fácil entrar na casa dela.


Bruna-Mas ela tinha um filho!ele pode ter visto algo.


Sarah-Ele não vai falar,sabe por quê?


Davi-Por quê?


Sarah-Subordinado!Se contar ele pode ser a próxima vitima.


André-Então o assassino entrou na casa dela disfarçado,colocou algo na bebida dela porém o filho dela viu,subordinou ele e saiu sem criar suspeitas.


Sarah-Quase!Na verdade,colocou na água dela,muitas pessoas vão a casa de estranhos para pedir um copo d'água,assim ele consegue colocar o veneno no copo dela e saído da casa antes que fizesse efeito.


Davi-Mas ele não sabia que ela iria no mercado.


Sarah-É ai que está enganado,nosso assassino estuda as vitimas,ele sabia que ela era alcoólatra e usava drogas,sabia da existência do filho e sabia que ela iria no mercado.


Bruna-Como ele sabia?


Sarah-Simples!O mercado além de vender comida vende bebidas alcoólicas para maiores de idade e também tem um ponto de drogas logo atrás,é assim que nossa vitima consegue suas preciosas drogas.A criança é fácil,se ele estuda as vitimas ele já a viu com seu filho e usou ele a seu favor.


André-Mas como sabia que ela iria ao mercado?


Sarah-É porque ele é o vendedor de drogas,obviamente sabia quando ela ia comprar as drogas e onde é sua casa.


Davi-Então,conseguiu a confiança dela para ir na casa da mesma e assim ela não ia desconfiar.


Sarah-Até meu ajudante é mais inteligente que você André!


André-Você nem venha Sarah!


Bruna-Mas não encontraram o copo onde ele colocou o veneno.


Sarah-Ele pegou o copo!Vocês não perceberam mas no lixo da vitima havia uma caixa com um kit de 8 copos de vidro,e quantos copos tinha na casa dela?


Davi-Só sete copos!


Bruna-Espertinho ele!


André-Então caso resolvido,vou procurar todos os traficantes da área para encontrar ele!


Sarah-Eu estou com uma vontade de te dar um soco sabe?Ele sabe que vamos procurar os traficantes da área,já deve estar em outro lugar.


André-O que você sugere então?
Sarah-Quero que ache nas câmeras de segurança de todas as lojas os passos dela,ele deve ter a seguido em alguma hora.Quero também uma foto dela.


Davi-E a foto em que você estava nela?


Sarah-Isso eu ainda tenho que descobrir,e não quero fazer isso sozinha,esse caso é diferente de todos os outros e preciso de toda a ajuda possível para desvendar isso.
 


Notas Finais


Se gostaram da leitura,por favor,comentem o que acharam e também falem o que eu tenho que melhorar
Muito obrigado pela sua atenção em ler a minha história,te vejo no próximo capitulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...