História Apenas uma história de amor (Imagine-Cha Eunwoo) - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, EXO, Got7, Sensational Feeling 9 (SF9)
Personagens Baekhyun, BamBam, Chani, Chanyeol, Chen, D.O, Dawon, Eunwoo, Hwiyoung, Inseong, Jackson, Jaeyoon, JB, Jinjin, Jinyoung, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, MJ, Moonbin, Personagens Originais, Rocky, Rowoon, Sanha, Sehun, Suho, Taeyang, Tao, Xiumin, Youngbin, Youngjae, Yugyeom, Zuho
Visualizações 175
Palavras 989
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura meus bebês ❤️

Capítulo 40 - Feliz por eles


Fanfic / Fanfiction Apenas uma história de amor (Imagine-Cha Eunwoo) - Capítulo 40 - Feliz por eles

Eu estava mais do que certa, eram eles mesmo, desacelerei o meu passo e fiquei observando, eles se abraçavam e sorriam,pareciam está tão feliz.






Fico feliz que você me superou, e ainda com a minha melhor amiga, você merece ser feliz meu bebê








Apesar de ficar um pouco sentida por eles não terem me contado, eu fiquei feliz por eles, afinal eles eram meus melhores amigos, e se eles estavam felizes eu também estava, Ana faria Sanha feliz, disso eu tenho certeza, pois apesar de querer ser durona, por dentro ainda carregava a inocência de uma menina, mesmo não querendo, ela conseguia ser uma boa e doce menina, assim como Sanha que tinha pureza dentro de si, é um coração tão inocente. Eu estava ali torcendo muito pela felicidade deles dois, então decidi que não iria atrapalhar e voltaria pra casa, deixando os dois pombinhos namorar em paz.








(...)






Voltei pra casa, me joguei no sofá e pensei em assistir algo na tv, mas nada parecia me agradar, tudo estava chato, então pensei na única pessoa capaz de me animar naquele dia chato, corri até meu quarto e peguei meu celular.








~Ligação On~







Eu to morrendo de saudade do meu doidinho favorito







Achei que tinha ficado rica e esqueci de mim.







Não seja bobo Baek, eu nunca esqueço de você, mas você esquece de mim, pq só e eu que te ligo, se eu não te procurar, você não me procura.









Não é assim também né, eu tava mesmo pensando em te ligar hoje, meus amigos vão numa festa, na casa de um colega do colégio, e eu pensei em te chamar pra ir comigo, já que queria te ver também.










Você e seus amigos festeiros.









Não seja careta, vamos logo






Tudo bem- Ri








Eu te pego as 9:00 então princesa.









Não se atrase, quero você aqui as 9:00 em ponto.









Sim senhora








~Fim de ligação~










Eu estava certa, Baek consegui me animar até numa simples ligação.







(...)





Fui fazer algo pra comer, e então resolvi que iria assistir um Dorama, fiz uns sanduíches, peguei um refrigerante e me joguei novamente no sofá da sala, coloquei no meu Dorama favorito e comi assistindo.






(...)






Já era 18:00 da tarde, fui até o quarto da minha tia, e dei algumas batidas na porta, a mesma estava dormindo desde cedo, então só agora resolvi acordar ela, ouvi um entra e abri a porta devagar.







SN- Me desculpe te acordar.







Marta- Tudo bem querida, se você não me acordasse acho que passaria pro outro dia.








SN- Eu entendo como deve ser cansativo trabalhar tanto ( Me aproximei dela e sentei em sua cama, logo ela fez o mesmo, sentando de frente para mim)







Marta- E por uma boa causa, logo eu passarei a empresa para outra pessoa e ficarei em casa descansando, sabendo que compri meu trabalho direitinho.







SN- Tia eu queria lhe pedir uma coisa ( Cocei a nuca meio nervosa, eu sempre fazia isso quando estava nervosa, era meio que um tic)







Marta- Pode falar querida.








SN- Uns amigos meus, vão numa festa e me chamaram pra ir, eu queria a sua permissão.








Marta- Mas é claro filha, você tá de férias, tem que se divertir, só não chega bêbada em casa, e use camisinha ( Corei com a última parte)






SN- Tudo bem tia, o meu amigo vem me buscar às 9:00







(...)






Sai do quarto e fui para o meu, como sou enrolada até demais, eu sempre tenho que me arrumar com algumas horas de antecedência, eu sempre enrolo por ser muito indecisa também, nunca sei se realmente tá bom, ou bonito, então passo horas só pra escolher uma roupa, nunca sei oq fazer no cabelo, ou maquiagem, parece que nada tá bom, e eu sempre acabo me irritando e decidindo não ir mais, aí é mais um tempinho pro meu estresse passar e eu escolher qualquer coisa é sair, sou uma pessoa complicada até demais.







(...)






Tomei um daqueles super banhos, que fico horas no banheiro, sequei meu cabelo, coloquei um vestidinho preto, ele era bem colado até cintura, da cintura para baixo ele era rodadinho, o'que chamava bastante atenção para os meus peitos que ganharam um charme especial com o vestido, fiz uma make bem leve, por não gostar muito de maquiagem, deixei o olho bem escuro e optei por um batom bem clarinho quase nude, coloquei uma botinha preta de salto, e deixei meus cabelos soltos.





(...)






Estava na sala sentada, mexendo no meu celular, quando a campainha tocou sinalizando que Baek havia chegado, não sei pq, mas quando ouvi a campainha tocar, senti um frio percorrer pelo meu corpo, um nervosismo estranho, coloquei meu celular na bolsa e fui abrir a porta, abri a porta para o mesmo que estava destruído olhando para o Jardim, quando me olhou, pude ver sua boca forma uma espécie de “O” perfeito.







Baek- Nosso Você está linda ( Ele me olhava dos pés a cabeça)








SN- Obrigada (Sorri com um pouquinho de vergonha) Você também está.







Ele se aproximou de mim e me abraçou, e eu retribui.






Baek- Eu estava com tanta saudade de você.







SN- Eu também estava ( Nos afastamos)






Baek- Vamos ? ( Estendeu seu braço para que eu pudesse segurar no mesmo)







SN- Claro ( Peguei no braço dele e fomos até o seu carro).






Como sempre sendo um cavalheiro, ele abriu a porta para mim é assim fomos.






(...)






Os amigos do Baek todos estavam lá, confesso que eu estava com um pouquinho de vergonha, apesar de conhecer os meninos







~P.O.V~ BAEK








SN tinha ido no banheiro, enquanto fiquei conversando com os meninos.






Xiumin- E Aí cara tá esperando oq pra dar uns pegas nela ? (Ele riu sarcástico)






Baek- Ficou doido Hyung, SN e como uma irmãzinha pra mim.






Kai- Então deixa pra gente a sua irmãzinha.







Baek- Se chegar perto dela, juro que mato qualquer um que tentar a sorte (Sai pisando duro)









~P.O.V~ SN






Voltei do banheiro, e encontrei Baek sentada com um copo na mão, ele parecia meio chateado.






SN- Tá tudo bem ? ( Sussurrei em seu ouvido)






Ele pegou meu braço, se levantou, virou com tudo a bebida em sua boca.






Baek- Vamos dançar. (Ele saiu me puxando pro meio da pista de dança)



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...