História Apesar das nossas indiferenças. - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Malhação
Tags Benê, Bruno Gadiol, Daphne Bozaski, Gune, Guto
Visualizações 317
Palavras 1.111
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Científica, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ooi meus amores, turu bão?
Contagem regressiva para o tão esperado beijo Gunê, né non? Pelo menos, eu sim.
Estou ansiosa demais para a cena da Benê amanhã, e ao mesmo tempo não estou preparada. Minha bebê vai sofrer tanto.
Ainda bem que o Guto estará ao seu lado ajudando. Que otpzão!
Vocês acreditam que a melhor parte que escrevi não deu para postar? Havia ultrapassado 1111, na verdade tinha chego 1567. Eu juro que o próximo capítulo, vocês devem gostar o tanto que eu gostei da parte que eu já escrevi.

Capítulo 36 - Capítulo XXXV.


Fanfic / Fanfiction Apesar das nossas indiferenças. - Capítulo 36 - Capítulo XXXV.

– Se quer que todos acreditem tem que aceitar isso, o que esperava que um namorado fizesse? Deixasse a namorada ir de ônibus enquanto ia sozinha no carro? As pessoas iriam estranhar, temos que manter as aparências ta lembrada? - indagou Guto.

– Desculpe! - sussurou Benê, e ficou olhando pela janela.

– Ta, é complicado mas nos damos um jeito. - disse Guto, e ela sorriu fraco.

– Tudo bem. - afirmou Benê.

O resto do caminho até a escola foi em silêncio, o clima está estranho entre eles agora e nenhum dos dois nunca pensara que isso aconteceria por aquele fato. Eles sempre brigaram, mas não se odiavam realmente, longe disso. Mas, era fato que nenhum deles imaginavam ter que fingir um namoro e também era fato que toda a população feminina do colégio iria querer arrancar os órgãos de Benedita com as mãos.

– Chegamos. - disse Guto, assim que seu motorista estacionou e Benê parou de roer as unhas e o encarou com as sobrancelhas erguidas.

– Ah, jura? - indagou Benê, e ele revirou os olhos saindo do carro e dando a volta para abrir a porta para ela.

– Pelo menos tente agir como uma pessoa normal, Benedita. - ele sussurou e ela bufou. – Vamos lá! - disse Guto.

Ela saiu do carro jogando a mochila nas costas e todos encararam o mais novo "casal" da escola, Guto sorriu de lado para Benê e então passou o braço sobre os ombros da mesma e eles começaram a andar. Benê estava corada ao extremo, isso era óbvio, não só por todos a estarem olhando e ela correr o risco de cair a qualquer momento, como também por Guto estar com o braço sobre seus ombros. Enquanto esse apenas exibia um sorriso maroto e encantador nos lábios, que fazia qualquer menina se derreter e querer derreter Benê com o olhar por ela ter tido a sorte de namorar o cara mais gato e cobiçado da escola.

– Mas que merda. - resmungou Benê de forma que só ele escutasse. – Todos vão ficar olhando mesmo?! - indagou Benê.

– Vantagens de ser namorada de Augusto Sampaio Neto. - disse Guto sorrindo enquanto acenava para uma garota de cabelos loiros, Benê bufou e revirou os olhos.

– Até agora não achei vantagens alguma. - disse Benê bufando, e ele se virou segurando seu rosto e lhe dando um selinho.

– Uma das vantagens é poder fazer isso sempre que quiser. - disse Guto, e o coração dela deu um mortal triplo enquanto seu estômago afundava, ela balançou a cabeça negativamente e tentou encontrar sua voz, seu rosto voltando a ficar corado.

– Ainda não achei nenhuma vantagem. - ela disse séria com o nariz empinado e ele sorriu de lado a ignorando. – E vê se toma cuidado ao ficar pegando suas periguetes, ninguém quer que você seja um namorado galinha, muito menos eu! Então, vê se não pega ninguém da escola pelo menos, porque eu sinceramente não quero levar o título de corna do ano, preferia ser a mentirosa! - disse Benê.

– Já disse que não vou te trair. - disse Guto revirando os olhos e parando com ela para que a mesma pegasse seu material no armário e trocasse pelos livros pesados que estavam na mochila.

– Você que sabe! - ela disse dando de ombros e ele franziu as sobrancelhas e ficou em silêncio. – Que foi?! - indagou Benê.

– Nada não, estou pensando em umas coisas aqui. - disse Guto, e ela fechou o armário.

– Ta, tenho que ir para aula. Tchau! - disse Benê começando a se afastar mas ele segurou seu braço, ela se virou o encarando confusa.

– Aprenda a jogar, docinho. - disse Guto sorrindo e ela revirou os olhos se aproximando dele e lhe dando um selinho. – Boa menina! - afirmou Guto.

– Sem encheção de saco. - ela respondeu rindo e ele retribuiu. – Sério, tenho que ir! - disse Benê.

– Ninguém está te segurando! - afirmou Guto pondo as mãos no bolso e sorrindo de lado, ela bufou revirando os olhos e resmungou um "idiota" antes de sair a passos largos dali e ir para sua sala.

– E ai, gata? - perguntou Ísis sorrindo para ela que nem o gato de Alice no País das Maravilhas e Benê franziu as sobrancelhas.

– Não sorria deste jeito, está me assustando! Eu só queria dormir a noite, ta legal? - disse Benê.

– Chata. - Ísis disse ainda rindo e Benê retribuiu.

– Também te amo! - afirmou Benê.

– Ta, ta. - ela disse bufando e revirando os olhos. – Como foi a chegada a escola? Já te ameaçaram? Me dê nome, número e endereço que eu do um jeito para você! - Ísis falou.

– Eu estou bem. - ela disse rindo da amiga. – Ainda não recebi ameaças, mas olha a forma como essas garotas estão olhando para mim! Meu Deus! - disse Benê.

– Estão olhando o que? - perguntou Liana para duas meninas que estavam sentadas dois bancos a frente delas e as duas se entreolharam e depois de olhar mais uma vez para Benê viraram para frente, ela apenas bufou e revirou os olhos pegando seu caderno. – Não liga para elas não. - Ísis falou.

– Claro que não, porque eu ligaria, né? - indagou Benê ironicamente e Ísis revirou os olhos.

– Tudo bem. Guto te buscou em casa hoje? - Liana perguntou.

– Buscou. - disse Benê, dando de ombros.

– E sua mãe?! - Ísis perguntou.

– Ficou eufórica! - afirmou Benê.

– Novidade! - disse ela rindo. – Quero detalhes, Benê! - Ísis falou.

– Srtas, estão com algum problema? - perguntou o professor emburrado e Ísis abriu a boca para responder mas Benê foi mais rápida.

– Não, senhor. - afirmou Benê.

– Ótimo, agora parem de fofocar como duas garotinhas mimadas e prestem atenção na aula! - falou o professor.

– Eu hein! - Ísis resmungou abrindo seu caderno e começando a anotar as coisas que ele tagarelava, assim como Benê.

Finalmente deu a hora do almoço e Benê desceu as escadas acompanhada de Rodrigo, com quem assistira sua última aula.

– Então essa maluquice é verdade? - ele perguntou rindo descontroladamente. – E aquilo de "Eu odeio o Guto, você ainda vai se arrepender de fazer amizade com ele?" - Rodrigo perguntou tentando imitar a voz da amiga e rindo mais ainda.

– Rodrigo! - gritou Benê.

– Desculpa, é que não deu para evitar! - ele falou e ela negou com a cabeça também rindo. – Eu vou na frente para tentar achar Ísis, okay? - Rodrigo perguntou.

– Okay, até mais. - disse Benê, dando um rápido abraço nele e indo deixar seus materiais em seu armário. Acho que ela é uma das únicas que os guarda logo no início do almoço, a grande maioria deixa para guarda na última hora.


Notas Finais


Então é isso, nos vemos na próxima. Estou sentindo que será logo. Não posso deixar vocês tanto sem saber o que é tão bom que eu gostei, né. Infezlimente, não deu para postar. Mas, fazer o que... Posso afirmar que será a Bianca (uma das meninas que pertubou a Ellen), joguei esse spoiler e sai correndo. Beijosss, até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...