História Apocalipse XZero-BTS - Capítulo 5


Escrita por: e Taetae10Kim

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Zumbi
Visualizações 118
Palavras 1.574
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá Pujins do meu kokoro!

Como vai a vida??

Desculpa termos demorado mas tivemos um pequeno bloqueio porém! Estou aqui novamente uhu!

Bora ler?

Boa leitura!

Capítulo 5 - Capítulo 5: Mire e atire!


Fanfic / Fanfiction Apocalipse XZero-BTS - Capítulo 5 - Capítulo 5: Mire e atire!

Pov SooMin on~ 


-Tá legal...quem é hobi?-pergunto.


 -Um amigo nosso-diz Jiwoo o procurando por perto. 


 -Onde será que ele foi?-pergunta Tae.


 -Não podemos ficar aqui-diz Jimin-Estão vindo muitos! 


 Encaro ao lado e vejo muitos deles vindo em nossa direção. O pequeno YongJin segura forte meu braço e encaro Yoongi que parecia pensar em algo. 


 -Vamos embora - diz ele saindo andando. 


 -Mas... Não íamos de trem?-pergunta Jéssica abraçada a DaeSung. 


 -Não vamos conseguir-diz Kook.-São muitos... 


 Não demorou muito eles começaram a nós atacar e todos se defendiam como podiam , porém estavam chegando cada vez mais zumbis. Mato um e consigo passar por eles correndo com YongJin. Olho pra trás e vejo que estão todos vindo menos DaeSung que ainda tentava se defender de três deles.


 -Espera aqui-digo a YongJin que se escondeu atrás de uma pilastra, corri até lá e peguei minha pistola atirando em dois deles.-Vamos!! 


 DaeSung conseguiu se defender e logo corremos até o pessoal que nos esperava preocupado.


 -Tá legal entra aqui-diz Kook abrindo uma porta e entramos na sala de comando da estação.-Eu tenho um plano...


 -Diga então-diz JungSoo apressado.


 -Já está quase amanhecendo, os zumbis enxergam melhor ao dia, estamos cansados e com uma criança-diz ele.-Precisamos descansar...


 -Também acho!-digo. 


-Tá mas aonde vamos?-pergunta Jiwoo. 


-Podíamos procurar alguma casa... loja sei lá...-diz Tae. 


 -Então vamos...-diz JungSoo encarando o vidro vendo como estava a situação lá fora. 


 -Tá mas em que direção?-pergunta DaeSung.-Precisamos ir pelo lado mais fácil e seguro... 


 -Viemos pela rua de baixo, a que dá no posto, lá estava cheio deles... -diz Yoongi.


 -Podemos ir pela rua principal...-digo.


 -Tudo bem, então vamos, antes que amanheça!-diz Jimin abrindo a porta.-Tudo limpo... Silêncio e atenção pessoal!


 Saímos um atrás do outro e fomos em direção a saída da estação, até que foi fácil devido a escuridão. A cidade estava tão sombria sem suas luzes , parecia que ninguém mais morava aqui.


 -Estou ficando muito cansado tia Lee...-diz YongJin pra mim. 


 -Certo!-digo pensando.-Tudo bem eu te carrego assim você pode descansar... 


-Obrigado!-diz ele. 


 -Não!-diz Tae se aproximando e colocando ele em suas costas.-Pode deixar eu levo ele... 


-Mas...-ele sai andando com YongJin e nem escuta o que ia falar, os observo e logo Kook passa ao meu lado. 


 -Está tudo bem?-pergunta ele. 


 -Sim...-digo e ele segue andando. Aigoo como é lindo!


 -Vai acabar babando aí!-diz Jéssica e faço careta pra mesma.-Vamos não podemos ficar pra trás... 


 A sigo e chegando na esquina principal onde estavam todos parados encarando em volta. 


 -Vejam!-diz Yoongi apontando pra um mercado enorme.-Podemos descansar ali! 


 -Certo vamos lá!-diz JungSoo indo na frente com Jimin e DaeSung. 


Atravessamos a rua com cuidado e logo Jimin abriu a porta cuidadosamente. O local estava escuro devido a falta de luz , apenas algumas lâmpadas de emergência iluminavam o local.


 -Parece que está tudo bem por aqui...-diz SooMin encarando em volta. 


 -façamos o seguinte... Eu Jimin, Yoongi e Jungsoo vamos na frente para vermos se está seguro... Vocês esperam aqui e Kook e Daesung protejam eles aqui na entrada...-diz Tae. 


 Vejo os três entrando no grande mercado em alerta e fico meio preocupada por estarmos aqui fora. 


 -então Jungkook...-diz Jiwoo.-você é policial?  


-não exatamente... Sou delegado...-diz ele sorrindo. 


 -ah sim...-diz ela.


 -e você?-pergunta ele.


 -sou virologista...-diz ela e ele assente.


 -agora entendi porque é tão importante...-diz ele.


 -podemos conversar lá dentro e nos concentrar nos zumbis?-pergunto e Jiwoo me olha estranho. 


Kook sai e para ao lado de Daesung sussurrando algo em seu ouvido e ele ri. 


 -pessoal está tudo limpo agora vem!-diz Jungsoo e entramos.


 Fechamos a porta e percebemos que está tudo escuro. 


 -precisamos de algumas velas...-diz Jimin.


 -ou de um gerador de emergência...-diz Jungkook. 


 -como este?-pergunta Tae ligando o gerador e todo o mercado se ilumina.


 -Tae apaga as de fora deixa apenas algumas!-diz Jiwoo. 


 -eles podem nos achar...-diz Jessica e Tae mexe em algo que as luzes de fora se apagam.


 Nos dispersamos para encontrar comida e YongJin vem comigo.


 -Nonna... Acho que não estou bem...-diz ele se agachando. 


 -o que está sentindo?-pergunto me agacha do junto à ele.


 -falta de ar...-diz ele e o dou um comprimido.


 -tome esse e logo passa...-diz ele logo engolindo e acaricio suas costas. Ele sorri e normaliza sua respiração se acalmando um pouco. 


-Nonna... Você parece uma mãe sabia?-pergunta ele e sorrio. 


-o que houve com sua mãe?-pergunto.


 -meu appa disse que ela morreu quando eu nasci...-diz ele e assinto.-não conheci ela... 


-entendi...-digo. 


Pego algumas comidas enlatadas e levo de volta para onde o pessoal está. Vejo que Jessica arranjou uns colchonetes e os espalhou pelo chão. Abrimos as latas e comemos meio que desesperados por estarmos com fome.


 -precisamos deixar 2 pessoas em cada entrada de guarda... E na metade da noite revezamos...-diz Yoongi.


 -ok! Eu fico com o Tae na dos fundos...-diz Jiwoo. 


 -eu fico na da frente...-digo. 


 -kook devia ir com ela...-diz Jessica e a encaro perplexa. 


 -tudo bem...-diz ele e o encaro mais confusa ainda por ele ter concordado tão rápido. 


Terminamos de comer e ponho YongJin para dormir.


 -vou lá pra cima no telhado ensinar Daesung à atirar ok?-pergunta Jungsoo e assinto. 


Vou logo atrás de Kook e me sentei na cadeira que estava posicionada ao lado da porta. Ele se senta ao meu lado e logo começa à falar.


 -vocês me acham um idiota não é?-pergunta ele. 


 -o que? porque?-pergunto.


 -não sei... Seu irmão acho que não gosta de mim...-diz ele.


 -ah esquenta não... Meu irmão é bicho do mato assim mesmo...-digo sorrindo. 


 -não sei... Desde que pôs os olhos em mim parece que não gostou de mim...-diz ele. 


 -esquenta não... É impressão sua...-digo rindo. 


 -mas me fala... E a sua amiga da faculdade... Que gostava de mim...-diz ele e engulo em seco.


 -você lembra disso...-digo e ele ri. 


 -se lembro... Devia ter visto sua cara quando me encontrou... Pelo visto sua amiga gostava mesmo de mim huh?-pergunta. 


 -deve gostar até hoje!-digo. 


 -bom se ela ainda estiver viva...-diz ele e assinto. 


 -é...-digo. Porque me sinto tão mal por estar mentindo pra ele? Sinto que mais tarde vou me arrepender disso... 


 ~ 


 Pov Jiwoo on~


 -Tae... Você acha que rola algo entre a SoMin e o Jungkook?-pergunto.


 -não sei...-pergunta ele.-porque? 


 -ah não sei... O clima entre eles é estranho...-digo e ele ri.-mas me fala... E as namoradinhas?


 -não acredito que me fez essa pergunta!-diz ele e rio.


 -não conheceu ninguém no Japão?-pergunto e ele nega. 


 -as japonesas são estranhas...-diz ele e rio mais ainda.


 -eu não ia deixar você namorar... Eu tenho de aprovar primeiro...-digo e ele ri. 


 -você só aprovaria você mesma!-diz ele. 


-exatamente!-digo. 


 -eu não vou casar com você!-diz ele e rio mais ainda. 


 -tem certeza? Marido?-digo sensualmente em seu ouvido e caio na gargalhada.


 -yah! Você é doida...-diz ele rindo.-acha que o Hobi vai aparecer? 


-eu não sei... Não deveríamos tê-lo deixado sozinho...-digo e ele assente.


 -concordo...-diz ele.-e sobre o novo pessoal? 


-ah... A Somin e o Jungsoo eu já conhecia... Mas o resto não faço ideia de quem seja...-digo e ele ri.


 -até porque quase não temos tempo de nos conhecer direito... Estamos semprs correndo e correndo...-diz ele.


 -uma hora teremos um momento de paz talvez... Num lugar seguro...-digo e ele assente.


 -eu estou com sono...-diz Tae.


 -quer que eu fique no seu lugar?-pergunta Jimin aparecendo do nada. 


 -ah... Pode ser...-diz Tae.-tudo bem pra vcê?  


-tá...-digo. 


-ele é legal... Vai cuidar de você...-diz Tae sorrindo quadrado e depositando um beijo em minha testa. Logo Jimin senta ao meu lado e sorri.


 -então... São namorados?-pergunta ele e nego. 


 -somos melhores amigos de infância...-digo. 


-ah... Faz sentido agora...-diz ele.


 -você conhece a Somin à muito tempo?-pergunto. 


 -na verdade nos conhecemos na rua... Assim que começou...-diz ele. 


 -ah sim...-digo. 


-seu irmão é meio calado né?-pergunta ele.


 -ele é...-digo rindo. 


Ficamos conversando por muito tempo e até que tenho várias coisas comum com Jimin. Ele é uma pessoa legal... 


 ~ 


 Pov Jungsoo on~ 


 -então primeiramente posicione a ar na mureta... E ligue a visão noturna...-digo e ele faz. 


-cara à quantos metros mais ou menos conseguimos ver com isso?-pergunta ele.


 -com esse modelo de sniper que é uma AWM L115A3 no máximo uns 1.531 metros...-digo e ele se espanta. 


 -e qual a velocidade da bala?-pergunto. 


 -de 120 à 370m/s. 


 -uau!-diz ele.


 -é... Uma das melhores...-digo passando o dedo pela mesma.-agora seu primeiro alvo... Ache qualquer coisa que esteja se movendo... 


 Ele olha pela mira da arma e encaro em volta com o binóculo. 


 -ali!-aponto vendo alguém se mexer. 


 -tem certeza que aquilo é um zumbi?-pergunta ele e nego. 


 -não encare seu alvo como um ser vivo apenas como um alvo...-digo e ele suspira e atira. Vejo o alvo dar uma pequena corrida e se esconder.


 -eu atirei em uma pessoa?-pergunta ele.


 -seja lá o que era não vai chegar perto da gente... Isso o que importa...-digo.


 ~ 


 Pov Hoseok on~ 


 Sai da estação de trem o mais rápido possível e corri sem olhar pra trás. Espero que encontre o pessoal novamente...


 Depois de um dia inteiro andando e morrendo de fome olho no mapa e vejo que há um mercado por perto. Como pode ser minha única opção para encontrar comida e abrigo vou em direção ao mesmo. 


Passo por dentro de uma pequena floresta e ao me aproximar do mercado a única coisa que sinto é o impacto de uma bala invadindo meu corpo. Dou uma pequena corrida na direção oposta ao mercado e me escondo logo caindo no chão e apago.


 ~




Notas Finais


Não digo nada...

Só observo...

Se não morreu antes agora morreu!

Kkkkkkkkkkkkkkk

E aí meninas o que acharam?

Até a próxima hein😘😘😘😶


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...