1. Spirit Fanfics >
  2. Apocalipse XZero: Terceira temporada- BTS >
  3. Capítulo 2: Viagens...

História Apocalipse XZero: Terceira temporada- BTS - Capítulo 2



Notas do Autor


Olá pessoinhas!

Quanto tempo huh?

Finalmente trazendo mais um Capítulo pra vocês!

Não me matem!

Bora ler?

Boa leiturinha!💜

Obs: Junggyu, YongJin, Sun e Eunjin na capa...

Capítulo 2 - Capítulo 2: Viagens...


Fanfic / Fanfiction Apocalipse XZero: Terceira temporada- BTS - Capítulo 2 - Capítulo 2: Viagens...

~Capítulo 2~


JiWoo Pov's~


Jimin já estava à algumas horas no escritório e eu já estava ficando preocupada. Já passavam das 3 da manhã e ele parecia estar bem ocupado com uma reunião de emergência vinda da base.


Andei de um lado para o outro por muito tempo na sala e decidi ir até a cozinha beber água. Assim que voltei Jimin estava saindo do escritório e fui rapidamente até ele.


-o que aconteceu?!-pergunto.


-vem comigo...-diz ele pegando minha mão e se sentando no sofá.


Ele me encarava com uma expressão um tanto confusa que eu tentava decifrar.


-nós teremos que ir até Seul... e depois... até o Japão...-diz ele e o encarei por um momento em silêncio.


-você tá brincando não é?-pergunto incrédula.-o que aconteceu?


-eu não sei exatamente os detalhes mas... o NamJoon já montou a equipe e nós teremos que ir...-diz ele.


-ficou esse tempo todo lá e não sabe o que está acontecendo?!-pergunto.


-eu não sei ok? Mas... ao que parece... é algo sério...-diz ele preocupado.-Taehyung disse para deixarmos a JiHyo na casa dele... Ele e a SoMin também vão...


-como assim? O que está acontecendo? Faz tanto tempo que não voltamos à Seoul... não posso deixar a clínica... por favor não me diz que são eles de novo...-digo


Ele se aproxima pegando meu rosto com as duas mãos e depositando um leve selar em meus lábios.


-vamos saber quando chegar lá ok?-pergunta ele.-não se preocupe...


Assenti com a cabeça sorri. Eu confio em Jimin mas do que em qualquer um. Não tem porque ter medo...


~


Estávamos à alguns metros da casa de SoMin e Jihyo observava a vizinhança boquiaberta. Estava assim o caminho todo desde o trem.


Jihyo nunca havia viajado para tão longe então é compreensível que esteja assim e acabei sorrindo com suas caras e bocas.


Assim que o táxi estacionou o carro em frente à casa enorme onde SoMin e Tae moram vimos Taehyung sair às pressas de casa.


-yah! Quanto tempo!-diz ele sorrindo.


Saio do carro e solto JiHyo da cadeirinha.


-meu Deus como você cresceu!-diz ele para ela e a mesma sorri.-sei que não é uma boa hora pra sermos descontraídos mas só assim para nos encontrarmos não é?


-quem mandou morar em outra cidade não é?-pergunta Jimin enquanto já entrávamos na casa.


SoMin saiu da cozinha de avental e sorrindo.


-finalmente chegaram huh?-diz ela.-vamos jantar...


-cadê os meninos?-pergunta Jimin.


-Junggyu foi com Sun e Eunjin para a uma festa da escola... YongJin não estava se sentindo bem então voltou mais cedo e está deitado no quarto...-diz Taehyung.


-e TaeJin?-pergunto.


-ah o coloquei pra dormir cedo também...-diz SoMin.


-ah sim...-diz Jimin.


-omma estou cansada...-diz JiHyo.


-coloque ela pra dormir tem uma cama extra no quarto do TaeJin...-diz Tae e assinto.


~


Depois que jantamos e botamos a conversa em dia fomos direto para o escritório de Taehyung.


Ele se sentou em frente aos computadores que haviam ali e de repente regredi alguns anos.


A aura do lugar mudou completamente.


-recebemos uma mensagem direta de JungSoo requisitando nossa presença até amanhã à tarde na base...-diz Taehyung botando a mensagem na tela.-ele disse que o assunto é de suma importância e que só diria do que se trata quando chegássemos lá...


-o que será que é tão importante?-pergunto.


-ele não disse... mas... com uma ajudinha extra do Hoseok consegui um spoiler do que possa ser...-ele digita algumas coisas e aparece uma foto retirada de uma câmera de segurança.


Yuki aparecia na tela entrando na base e olhei a foto de perto.


-o que o Yuki faz na Coreia? Achei que ele estivesse comandando a base do Japão...-diz Jimin.


-e ele está... me pergunto o que pode ser tão importante à ponto de ele ter saído do Japão e vindo até aqui...-diz SoMin.


-não acha que...-digo e Taehyung logo nega com a cabeça.


-não acho que seja isso ou já estaríamos lá com certeza... acho que é algo mais sério do que imaginamos...-diz Taehyung observando a foto de Yuki.-bom de qualquer forma iremos pra lá amanhã e saberemos...


-eu vou também...-diz YongJin entrando no escritório e SoMin nega com a cabeça.


-não mesmo... você nem sequer melhorou...-diz ela.


-eu posso ir não é Tae?-pergunta ele e Taehyung olha pra SoMin que lhe lança um olhar mortal.


-na verdade JungSoo disse que seria melhor que levássemos YongJin e Sun também...-diz Taehyung e o encaro confusa.


-o que está acontecendo meu Deus?-pergunto.


-vamos descansar e amanhã saberemos...-diz Jimin e assinto.


A dúvida sobrevoa meus pensamentos e apenas uma coisa me vêm à mente. Os zumbis...


Não são eles de novo não é?


~


YongJin Pov's~


Volto para meu quarto e no caminho acabo encontrando com Sun e Junggyu chegando da festa.


-eu vou tomar banho...-diz Junggyu. Entro no quarto e Sun vem logo atrás.


-ainda está mal?-pergunta Sun.


-ela não se lembrou nenhuma vez...-digo.


-não acha que... talvez ela se lembre mas não disse nada porque acha que vai magoar você?-pergunta ele.


-já fazem 6 anos... Hoje é o aniversário de 6 anos que ele morreu e a SoMin não se lembra...-digo cabisbaixo.


-se isso te incomoda tanto acho que devia falar com ela...-diz ele.-você é muito sentimental às vezes sabia?


-aish!-digo saindo do quarto.


Vou até a cozinha e a casa já está toda apagada então assim que acendo a luz tomo um susto por ver SoMin sentada na bancada com um copo de Uísque na mão.


-ainda acordado?-pergunta ela.


Não respondo e vou até a geladeira pego um copo de água e bebo. Ela me observava e eu já ia sair da cozinha quando a ouço me chamar.


Olho para mesma e ela puxa a cadeira do seu lado e dá 3 batidinhas indicando que era para eu me sentar.


Hesitei por um momento mas logo me lembrei do que Sun falou então decidi obedecer.


Assim que me sentei ela ficou um tempo me encarando o copo e depois riu.


-você não está doente não é?-pergunta ela. Não respondi.-você não me engana... eu te conheço muito mais do que você mesmo... 


Ela deu uma longa pausa e continuei em silêncio.  Estava esperando um sermão mas ele não veio.


-sabe... sinto falta do seu pai às vezes...-diz ela.


Me espantei ao ouvir ela falar dele depois de tanto tempo. Afinal nem me lembrava de quanto tempo fazia desde que o nome dele foi mencionado.


-a gente não teve muito tempo para conviver juntos mas... o pouco que vivemos foi bom...-diz ela e uma lágrima insistente cai em meu olho.-não pense que eu o esqueci viu? Afinal tenho você aqui para me lembrar dele todos os dias... de todas as perdas que tive... perder seu pai foi a pior...


-SoMin...-a abraço.


Ela me abraça de volta me apertando em seus braços.


-bebê chorão...-diz ela e rio. Me afasto e olho em seus olhos enquanto ela me encara sorrindo.-eu te amo viu?


-também te amo Soo...-digo.


~


SoMin Pov's~


Já estávamos prontos e só nos restava se despedir do pessoal. TaeJin que estava sentado no sofá com Eunjin rabiscando uma folha qualquer assim que me viu veio correndo me abraçar.


-omma! Você vai voltar rápido?-pergunta ele choramingando.


-vou querido... prometo...-digo sorrindo e depositando um beijo em sua bochecha.


Jiwoo e Jimin também se despedem de Jihyo e Sun se junta à nós com suas bolsas.


-yah! Se soubesse que iria viajar assim eu teria me despedido de você decentemente...-diz Eunjin e Sun cora automaticamente.


-vamos só fingir que não disse isso em voz alta para o meu bebê ok...-digo e ela revira os olhos.


Ela dá um selinho demorado em Sun e vejo YongJin revirar os olhos acabo rindo.


-quando você vai arrumar uma namorada?-pergunto e ele torce os lábios.


-não tenho tempo pra isso...-diz ele jogando a bolsa nas costas.


Nos despedimos dos pais de Taehyung e colocamos as coisas na van.


Assim que saímos com o carro YongJin e Sun emergiram num jogo eletrônico.


O caminho foi barulhento visto que ainda tínhamos muito assunto para pôr em dia.


Não sabia exatamente o que estava nos esperando por lá então a preocupação era mínima embora ainda existisse.


~


Assim que estacionamos a van em frente à base o portão se abriu. Uma sensação estranha percorreu meu corpo.


Não achei que iria estar ali novamente depois que tudo voltou ao normal.


Chaerin apareceu no portão e abriu um enorme sorriso para nós.


-pessoal! Que saudades!-diz ela.-não temos muito tempo então precisam entrar logo...


-mas acabamos de chegar...-diz Taehyung.


-eu sei mas seu irmão...-diz ela apontando pra mim.-ele me deu ordem direta de que assim que vocês chegassem era para ir direto para o escritório dele com vocês... ele está nos esperando lá...


-ok...-digo.


Já sabíamos bem o caminho então Chaerin apenas continuou caminhando ao nosso lado.


Entramos no escritório e JungSoo estava sentado com Yuki ao seu lado.


-Yuki!-diz Tae se sentando ao lado do rapaz.


-Taehyung quanto tempo...-diz ele sério.


-pessoal... Regalias depois sentem-se...-diz JungSoo sem nem mesmo me cumprimentar.


Me sentei ao lado de Taehyung e YongJin logo ao meu lado.


-Yuki me mandou um email à alguns dias atrás e até hoje não acredito muito bem na história...-diz JungSoo.


-o que exatamente continha no e-mail?-pergunta Jiwoo.


-eu... achei um lugar... onde eles... ainda existem...-diz Yuki e todos o encarava sério.


-não é possível... acabamos com todos eles...-diz Jimin.


-eu sei mas...-diz Yuki.-esse lugar... Nossa ajuda não chegou até lá...


-ainda não entendi... Já fazem 6 anos... como só agora descobriram isso?-pergunta TaeHyung e Yuki suspira.


-é melhor que venham comigo... não vão acreditar se eu disser então prefiro que vejam com seus próprios olhos...-diz ele.-principalmente você Jiwoo...


-teremos que ir para o Japão?-pergunta YongJin um tanto apreensivo e consigo entender o porquê.


-nós precisamos da ajuda de vocês...-diz ele e fico tentando decifrar suas palavras.


A reunião acaba e finalmente JungSoo vem em minha direção.


-está brava não é?-pergunta ele e nego com a cabeça.-é que tudo tá acontecendo tão rápido que eu fiquei doido...


Ele me abraça de lado e sorrio.


-o que me faz ficar brava mesmo é que faz 3 anos que não vai me ver... nem conheceu seu sobrinho...-digo e ele nega.


-me desculpa... sabe como são as coisas por aqui...-diz ele e assinto.-prometo que vou vê-lo em breve... e levar ChaeSoo também...


-ok...-digo sorrindo.


~


Jiwoo Pov's~


Não estávamos perdendo tempo, acordamos às 4 da manhã e pegamos logo o helicóptero direto para o Japão. O helicóptero não estava cheio visto que estávamos apenas eu, Jimin, Taehyung, SoMin, YongJin, Sun, JungSoo e Yuki.


Chegamos lá por volta 5:40 da manhã e assim que pousamos diversos soldados estavam prontos para nos receber.


Eu estava ansiosa pois não sabia o que me esperava. Principalmente o porque eu estava diretamente ligada à tudo isso.


Fomos direto ao escritório de Yuki e quanto mais perto chegávamos mas meu coração acelerava. Parte porque estar neste lugar me trazia más lembranças.


Yuki parou na porta do escritório e se virou para nós apreensivo.


-eu quero que à partir do momento que passarem por essa porta tudo seja um sigilo...-diz ele e assentimos.


-pode deixar...-diz JungSoo. Eu fiquei atrás de todos.


Eu estava com medo.


E eu nem sabia o exatamente porque...


Assim que todos passaram pela porta não havia nada de extraordinário por ali. Todos olhavam em volta com curiosidade esperando por algo grandioso.


Yuki caminhou até uma porta que dizia "apenas pessoal autorizado" e deu três batidinhas na porta.


Ele se vira pra nós e meu coração acelera ainda mais. Parece que tudo acontece em câmera lenta.


A maçaneta girando, a porta se abrindo e o ser que aparece assim que a porta se abre completamente.


As pessoas ao meu redor ficam boquiabertas e meu coração para por um instante.


-uau... vocês são realmente idênticos às versões do outro lado...-diz ele e a sala estava em silêncio total.


-Yuki... o que é isso?-pergunta JungSoo.-isso é um hologramas não é?


-pode me tocar e tirar a prova se quiser...-diz ele sorrindo.


O sorriso é o mesmo...


A voz é a mesma...


Tudo é exatamente igual...


Eu estou sonhando não é?


Ainda estamos no helicóptero e estou dormindo é isto...


Dou um passo cambaleante para trás e Jimin me segura preoucupado.


-Jiwo...-diz ele.


Eu me aproximo aos poucos do garoto ainda boquiaberta.


Não pode ser real...


-Yoongi...


~



Notas Finais


Gente?

Como pode o Yoongi estar vivo?

Porque precisam da ajuda deles?

Será que existem mesmo os zumbis ainda?

Até o próximo mores!

Beijos no kokoro!💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...