1. Spirit Fanfics >
  2. Após a tempestade... sempre tem um lindo arco-íris (Hoseok) >
  3. Hit (YK)

História Após a tempestade... sempre tem um lindo arco-íris (Hoseok) - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Capítulo extra saindo ;)
Vou tentar recompensar os meses perdidos que fiquei sem postar... E me desculpem se não ficou muito bom.

Boa leitura.

Capítulo 6 - Hit (YK)


Fanfic / Fanfiction Após a tempestade... sempre tem um lindo arco-íris (Hoseok) - Capítulo 6 - Hit (YK)

POV JUNGKOOK

 

Eu juro pelo santo G-Dragon que eu vou matar o Kim Taehyung da forma mais dolorosa e lenta possível! Onde ele estava com a cabeça de falar que ele dormiria na cama de casal? Ele sabe bem que eu só durmo abraçando alguma coisa e... pera... não, não, não ele não fez isso só para eu acabar abraçando o Yoongi... VOCÊ ESTÁ OFICIALMENTE MORTO KIM TAEHYUNG!

Depois que me deito junto com o Yoongi extremamente sem graça por saber qual vai ser o resultado disso tudo, eu me cubro com o lençol e percebo que o Yoongi estava me olhando, o que me fez corar na mesma hora.

 

- B-boa noite hyung – digo o olhando e logo me acomodo me virando de costas para ele para ficar com menos vergonha

- Boa noite Kookie – ele diz e sinto um arrepio percorrer a minha coluna por escutar meu nome sendo falado por ele

 

“Porque você mexe tanto comigo? Ash...”

 

 

POV YOONGI

 

Percebo o mais novo todo desajeitado comigo ali dividindo a cama, como não sou idiota já me veio a primeira coisa na mente e rapidamente o motivo e isso me fez sorrir internamente de orelha a orelha, torcendo para ser verdade.

 

“Ele está assim por minha causa? Ele gosta de mim do mesmo jeito que eu gosto dele? Vou falar com o Taetae amanhã, esses dois são piores do que chiclete no cabelo, ele deve saber de alguma coisa”

 

 Assim que ele se vira de costas para mim eu acabo sorrindo só de pensar na possibilidade de ele sentir o mesmo que eu.

 

- Boa noite Kookie

 

Digo no mesmo tom de voz de sempre e vejo os pelos dele se ouriçarem e sorrio novamente. Não demoro para cair no sono pois estava cansado, mas pude sentir uma movimentação na cama durante a madrugada o que fez eu acordar minimamente e dormir logo em seguida sem perceber o que tinha acontecido.

Quando acordo na manhã seguinte sinto um calor, mas não do clima e sim de outro corpo. Estranho e logo abro meus olhos devagar ainda com sono e vejo a melhor visão da minha vida: Jungkook estava abraçando meu peitoral, com meu rosto enterrado no mesmo, como se eu fosse um bichinho de pelúcia. Sorrio todo bobo observando ele dormir todo sereno e tranquilo, aquilo me transmitiu uma paz tão grande que não consigo descrever em palavras.

 

“Queria poder acordar assim todos os dias...”

 

Penso enquanto acariciava bem de leve seu cabelo em um cafuné calmo e sem hora para acabar. Logo escuto a cama ao lado se mexendo e olho para trás sem sair da posição que estava com o Jungkook, e vejo um Tae com cara manhosa sentado na cama coçando os olhos.

 

- Bom dia Tae – digo baixinho para não acordar o Jungkook

- Ah... bom dia hyung – ele diz baixinho me olhando e sorri vendo que a cena

- Preciso conversar com você...

- Ah, tudo bem – ele diz – mas vamos sair do quarto pelo menos

- Claro...

 

Bem devagar eu começo a desfazer o nosso abraço e me levanto da cama sorrateiramente para não o acordar. Passo no banheiro e lavo meu rosto para dar uma acordada melhor e logo saio do quarto com o Taehyung. E fomos ao final do corredor onde tem alguns sofás e mesinhas e nos sentamos.

 

- Então, quer conversar sobre o que exatamente? – ele pergunta

- Primeiro eu quero te pedir que esse assunto não saia daqui okay? Fica só entre a gente – digo o olhando

- Ah... ta bom – ele diz estranhando um pouco

- Tae... eu estou apaixonado pelo Jungkook – digo de uma vez só e vejo ele arregalar os olhos, mas ao mesmo tempo abrir um sorriso gigantesco

- Eu sabia! Sempre soube na verdade – disse se gabando e eu rio fraco

- Mas é sério Tae... – digo voltando ao normal – Eu quero muito tentar algo com ele, mas tenho medo de ele não sentir nada por mim e não quero dar de cara no chão de novo

- Ah, entendi – ele fala – você quer saber se ele também gosta de você? É isso?

- Sim... por isso estou falando com você – digo – vocês são carne e unha, sabem tudo um do outro e eu preciso de ajuda

 

Sei que parece tudo muito estranho para vocês, a final eu geralmente não falo esse tipo de coisa e tals. Mas tem um motivo para eu ser mais reservado na minha e não demonstro tanto os sentimentos quanto os outros (apesar que tem horas que eu sou um bebezão, porém nem ligo. Há alguns anos atrás, eu namorei um garoto e naquela época eu agia quase igual ao Jimin (por incrível que pareça) e eu coloquei todo o meu coração naquele garoto, sempre fui romântico, fazia coisas clichês e tudo mais... só que depois de quase dois anos de namoro eu descobri que ele só namorou comigo porque ele e uns amigos dele fizeram uma aposta idiota e ele não sentia absolutamente nada por mim, desde então eu fiquei mais reservado e sou a pessoa que sou hoje. Não sou uma rocha, mas também não sou um livro aberto, entendem?

 

- Bom eu posso te ajudar sim... na verdade faço isso com o maior prazer do mundo! Só que tem uma coisa – ele diz me olhando – Nunca machuque o Kookie, ele pode ser musculoso e forte por fora, mas é extremamente sensível por dentro, ele coloca os sentimentos numa intensidade muito alta quando se trata de relacionamento – ele continuava dizendo e sua feição era séria, tinha uma áurea protetora e não pude deixar de achar fofo da parte do Tae querer cuidar tanto do Kookie – Se ele chorar de tristeza por sua causa, eu corto seu pinto

 

- Eu juro que não vou magoar ele – digo rapidamente por ficar com medo da última fala dele, a final nunca se sabe o que Kim Taehyung é capaz de fazer daqui a segundos

- Acho bom... – ele diz

- Bom... me fala um pouco de como ele é de verdade... seus gostos, personalidade e tudo mais

 

Digo o olhando querendo saber cada detalhe sobre o menor, a final quero ser um bom futuro namorado para o Jungkook... quero errar o mínimo possível. Eu disse que sou bem romântico e clichê, e não estava brincando.

 

- Me fala o que você sabe do Jungkook, aí eu complemento o resto – ele diz

- Okay – digo dando de ombros – Hm... eu sei que ele ama o homem de ferro, gosta de ir na academia, suas cores favoritas são preto, branco e vermelho, ele admira o Justin Bieber como artista, odeia que deem tapas nele mesmo se dor leves com exceção de tapa na bunda porque isso é nossa mania já – rimos juntos – ama cafuné, gosta das coisas dele organizadas, gosta de se vestir bem, cozinha bem e descobri hoje que ele gosta de dormir abraçado em alguma coisa – rio – Do que eu me lembre agora acho que é isso... mas da personalidade dele eu não sei muita coisa

- Bom, você lembrou de muita coisa até – ele ri – De personalidade... ele é super carente, então se vocês realmente namorarem ele vai ficar pedindo muita atenção. Ele não gosta de ser ignorado, tipo se você estiver trabalhando ou conversando no telefone, jamais ignore ele porque ele fica chateado e no final vai correr para mim e chorar – concordo fraco com a cabeça – Nessas situações você pede para ele sentar ou deitar no seu colo e fica fazendo cafuné nele que já resolve. Ele ama sorvete de morango com baunilha, e geralmente quando ele está cabisbaixo dar sorvete para ele o alegra um pouquinho. – ele dizia com calma e sem pressa, e eu ia memorizando tudo – Ele sente muito frio durante a noite, por isso ele gosta de dormir abraçado com alguma coisa porque esquenta ele. Ele tem uma autoestima um pouco baixa então nunca na vida diga que ele está gordo ou com carinha redonda, porque senão ele entra em alguma dieta maluca e adoece.

- Caramba você sabe de muita coisa... – digo surpreso por ele dizer com tantos detalhes

- Bom eu tive anos de prática – ele ri – mas não acho ruim... ele é um irmão mais novo e eu amo cuidar dele

- Acho bem fofo isso – sorrio o olhando – mas enfim continua

- Ah sim... continuando – ele diz – Ele ama comer qualquer coisa com massa, ele sonha em ter uma família, ele adora ficar vendo qualquer coisa na netflix abraçando alguém e comendo besteira, ele ama coisas clichês e românticas em um nível absurdo, tipo sério mesmo! Se você der para ele um buquê de rosas e uma caixa de bombom ele se derrete todinho – ele nega com a cabeça – Por falar nisso, as flores favoritas dele são camélias brancas, e não me pergunte o porquê – rimos – O ponto fraco dele é piquenique a luz de velas, ele também espera um pedido de namoro bem romântico, e por último, mas não menos importante, nunca acorde e o deixe sozinho na cama sem ao menos deixar um bilhete dizendo que já volta, porque senão ele acha que foi abandonado

- Sério? Porque ele pensa isso? – pergunto estranhando

- É porque um ex namorado e uma ex namorada já fizeram isso com ele... de noite dormiram tranquilamente e no dia seguinte o cara não estava mais lá e muito menos os seus pertences

- Nossa... coitado – digo me sentindo mal por ele – mas espera, você deixou um bilhete quando saímos???

- Claro! Não sou nem burro de esquecer de fazer isso – ele diz e eu fiquei aliviado

- Obrigado por me dizer a bibliografia dele – rio fraco – isso vai me ajudar muito

- Por nada, só quero ver aquele baixinho feliz do jeito que merece ser – ele sorri fofo

- Vou ser sincero... Ele não aparenta ter esse lado mais afeminado – digo o olhando – Estou surpreso

- Eu sei... eu também fiquei surpreso quando comecei a pegar muita intimidade com ele e o mesmo se soltou comigo – ele diz – Mas ele me explicou que ele tem esses dois lados porque ele já teve namorados dos dois gêneros e ele já tentou até ser ativo quando tinha relações com homens, mas ele mesmo percebeu que perto de outros homens ele se sente mais confortável sendo mais afeminado, e ele descobriu isso muito do nada. E como ele parou de ter relacionamentos a algum tempo e só fica convivendo só com nós 6 do grupo... ele ficou mais afeminado dentro das quatro paredes e ele não mostra esse lado para os outros meninos por medo de ser rejeitado

- Ah... entendi... – digo o olhando – mas tenho certeza que ninguém iria julgar ele de jeito nenhum... nós somos tão liberais, acho que até demais – rio fraco

- Eu digo isso para ele, mas ele não se sente muito confiante ainda... – ele diz

- Bom, pelo menos ele vai ter um namorado que vai agradar ele de todos os tipos... bom, isso se ele aceitar o pedido quando eu fizer né – digo coçando a nuca ficando envergonhado

- Acredite em mim... ele vai aceitar sem nem pensar

- Fico aliviado em saber disso



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...