História Após o ultimo raio - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Dragon Ball, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Androide Nº 17, Androide Nº 18, Bardock, Bulma, Caulifla, Chichi, Freeza, Gine, Gohan, Goku, Goku Black, Goten, Gowasu, Hit, Kaiohshin, Kakaroto, Kale, Kuririn, Kyabe, Majin Boo, Nappa, Personagens Originais, Piccolo, Raditz, Rei Vegeta, Senhor Kaioh (Kaioh do Norte), Sr. Kaioh, Tenshinhan, Trunks, Turles, Vados, Vegeta, Videl, Whis, Yamcha, Zamasu, Zen'Oh
Tags Dragon Ball, Gobul, Gochi, Kakavege, Percy Jackson
Visualizações 18
Palavras 1.754
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


LEIA POR FAVORR!

Gente.. antes o rumo da história era que o Goku roubasse o raio.. mais para ficar um pouco mais lógico no mundo de DBS, ele vai roubar a esfera de 7 estrelas okey!
( não que ele tenha roubado né)
Mais já mudarei esse fato na sinopse!
* foto redesenhada do Google *

Capítulo 6 - A primeira gota


Fanfic / Fanfiction Após o ultimo raio - Capítulo 6 - A primeira gota

           A primeira gota


      








Com Goku





                         " E sim.. para que você saiba, foi amor a primeira vista. Eu me apaixonei de uma forma irresistível por você.. No momento que te vi, soube que a minha vida nunca seria mais a mesma

                  * poema não meu *













      Com Vegeta









       " Tsc, imbecil..porque me apaixonei tanto pelo teu sorriso? "

         * poema não meu *






      Fui cautelosamente pelo corredor a sala da diretora.. ela parou a minha frente quando adentrei a sala..

- então seu nome e Son Goku Kakarot não?- ah Kakaroto?

- ehh.. eu sou o Goku, mais não Kakarot.. -  * eu não sou uma cenoura! *

Quando vi, pum! Ela se transforma em um grande leão! Merda merda!!..

Meu coração disparou pela boca, senti meu corpo tremer levemente....

Quando o leão voou em cima de mim! Meu coração ousou quase parar, agora eu dei 2 passos para trás.. iria morrer assim? Facilmente? Como ela virou um leão cara?

- para agora!- quem é essa voz meu deusss??- venha Kakaroto!- err.. EU NÃO SOU UMA CENOURA!

Ele disse a afugentar o leão que criou asas vermelhas e saiu voando quebrando o vidro enorme da grande sala..

Oque foi isso? Eu estou sonhando não? Ah.. eu sinto que meu coração está pela boca! Será que eu tô tendo alucinações? 

O Kiabe veio até mim.. eu me distanciei dele ficando ao canto da sala.. estava com medo? Não sei.. só sei que estou tremendo..

Ele me chama novamente.. dessa vez, eu vou até ele..

- o-oque?- falei completamente chocado- era a-aquilo??- perguntei com um pouco de receio da resposta..

- ah.. aquilo?- ele disse a olhar para janela- aquilo está atrás de vc.. após eu lhe explico.. mais agora temos que sair daqui e ir ao acampamento, pois já descobriram aonde vc está!- eu me assusto com seu comentário..

Oque? Oque? Como assim? Sair daqui? Me encontraram como?

- COMO ASSIM!!??- acabei me exaltando e falando alto- como assim? Como assim? Do que vc está falando?- o perguntei me direcionando a porta- vc é doido..

Ele veio até mim e me segurou pelo ombro..

- acalmesse.. Vc precisa vir comigo! Seu amigo Kurilin irá junto.. lá no acampamento eu lhe explico tudo! Agora vamos.. por favor!- disse ele a súplicar para mim.. quando eu ia continuar- sua mãe também está sendo caçada! Agora para de ser um garotinho irresponsável!- ele disse me virando..

Pelo único e mais explicável fato que eu vou, e que meu amigo de infância vai, minha mãe está dentro disso também, e pelo certo motivo de aquela maluca ter se transformado em um leão.. se eu tiver sonhando,eu posso acordar certo?

Eu fiz um sinal positivo com a cabeça, fumos até a sala, e ele chamou Kurilin..

- ei Kurilin, descobriram o Kakaroto!- ele falou bem baixinho.. mais eu consegui escutalo..

- mais como?- ele disse assustado

Eu queria ir ali e terminar o papo deles.. mais né, eu não sou idiota... iria ver oque eles estão falando!

- eles estão suspeitando que ele roubou a esfera..- Kurilin arregala os olhos..

- vamos levá-lo até o acampamento certo?- ele feiz um sinal positivo com a cabeça..- certo..- ele olha para mim, e fala normalmente- vamos Goku! Precisamos achar sua mãe e levar vcs até o acampamento

Kiabe cutucou Kurilin, e disse uma coisa que eu não consegui entender...

Eles saíram, e como eles me disseram, eu fui com eles.. nos chegamos em um carro.. e Kurilin entrou e Kiabe ficou a fora..

- ele não irá vir Kurilin?- perguntei ainda confuso com a situação que me encontrei..- o perguntei me sentando no banco ao lado do motorista aonde Kurilin pretendia dirigir..

- ele não irá agora..- ele fala começando e dirigir o carro o tirando da calçada..- vamos lá buscar sua mãe okey?- fiz um sinal positivo com a cabeça..

E lá fumos, no carro desolado de Kurilin.. Eu nem sabia se era dele o carro.. hum.. eu adorava e adoro ainda ver a paisagem daqui do vidro.. e bem linda..

Não queria conversar com Kurilin, pois sabia que ele iria me xingar ou algo do tipo..

Chegamos a frente do prédio de minha mãe..

- vamos!- ele fala apressadamente.. adentrando o prédio e o condomínio de minha mãe semi aberto..- GINE!- ele a chamou fortemente..

- ah? Oque foi Kurilin?- ela disse já preocupada soando frio, se levantando do sofá..

- alarme vermelho!- nessa hora, minha mãe derruba o café que estava tomando- descobriram! Vamos!- ele falou se dirigindo a saída sem tempo..

Eu e minha mãe o seguimos ficando para trás..

- Oque aconteceu?- nada ela me respondeu, só continuou a andar rápido até o carro..

Ela foi ao banco de trás e eu e Kurilin nos da frente..

Ele deu a partida e saiu em alta velocidade.. e eu como sempre, abservando a janela atento.. não sabia oque estava acontecendo.. só sabia que Eu, estava muito curioso e frustrado... Oque será que tá pegando? Kurilin disse que no acampamento ele irá me explicar a situação..

Até quando.. Eu começo um papo com minha mãe..

- mãe.. Vc sabe oque é esse tal acampamento?- disse me virando para trás..

- sei querido..- ela disse ainda quando o carro andava..

- oque ele e?- perguntei curioso.. como ninguém me contou quase nada sobre ele.. enquanto isso,Kurilin dirigia

- então.. ele é um acampamento de semi Deuzes.. aonde humanos que são proles de Deuses, com humanos..- Oque?

- E por que eu vou para lá?-perguntei ainda mais curioso.. indo ao banco de trás com mamãe pelo pequeno espaço entre os dois bancos da frente..

- EII!- ﹰfalou Kurilin completamente neutro por meu movimento durante o volante..

Eu não dei bola..

- meu filho.. seu pai e um Deus..- não me faça rir mamãe..

- haha.. okey, então porque ele foi embora?- falei eu quase rindo..

- ele teve de ir embora..

- ele nos abandonou Então?- perguntei mais frustrado..

- ele não nos abondonou.. teve seus motivos..

- quais esses motivos?- falei eu mais curioso..

- E que..- pum..

- GINEE!- ele gritou em alerta.. mais era tarde de mais..

Um forte estrondo e escutado.. o chão se vira, e vejo que o carro capotou.. uma grande forte dor de cabeça me envade..

Eu estava de ponta cabeça naquele veículo capotado..

- MÃE?-a chamei em desespero ouvindo seu " Goku!!" Completamente desesperado, olho para o lado, e vejo ela ali..

Olho para frente, e vejo Kurilin, os dois estavam completamente desesperados para saírem dali..

Meu coração pulsa, sinto minha mão tremer.. medo? E sim.. medo!

- por acaso da trovejando e?- Kurilin pergunta ao ouvir fortes estrondos..

" que merda e aquilo? " me perguntei paralisado.. Oque era aquela merda? Um bixo estranhamente bizarro vinha em nossa direção.. isso mesmo! Parecia um largato.. com uma cabeça enorme! Ele tinha o corpo branco, e uma bolinha em sua cabeça..

( forma 2 ou 3 como vs imaginarem do Frieza!)

Eu paralisei ainda mais quando vi Kurilin tirar suas calças e ficar com pernas do que? De burro?

- oque é isso Kurilin?- o perguntei amendrotado..

- sai satanás!- ele fala que logo arrebenta a janela do carro..- ACORDA!-

Puts.. aquela coisa abriu caminho ao meio dos animalzinhos.. minha mamãe e o Kurilin me levaram até um negocio que era uma abertura.. estava tudo grego.. até que as palavras se formam

Acampamento meio sangue

Droga.. só ouvi minha mãe gritar..

Sai do transe, e.. ela estava na mão daquela coisa!!!

- MAEE!!!!

Um único grito acooa pela floresta silenciosa.. e isso mesmo, ela foi espremida, até aquele troço a transformar em uma coisa que eu não sei... tipo, uma poeira vermelha!

Droga!!

" ele matou minha MÃE? " essa pergunta acoou várias e dezenas de vezes.. meus olhos ficaram em branco, senti meus cabelos levantarem, até virar uma forma perplexa... Eu estava completamente fora de mim.. queria matalo.. queria degolarlo ali! Não.. acordei com a voz de Kurilin me chamando docilmente..

- Goku!- me acordou 

Meus olhos voltaram.. me senti mais "Eu"

- o-oque eu faço?- eu o perguntei.. 

- a sua caneta! Aperta ela!- ah.. sim.. a caneta que ele me emprestou..

Abri minha mochila rapidamente, vendo que oque aquele mostro feiz, não foi muito divertido.. e partiu para cima da gente..

Pequei a caneta, e segurei apertando-a.. vendo que uma enorme espada de forma..

Quando penso, já estou em cima do bixo.. minha mamãe.. ele irá pagar por isso!! 

Gravei a espada em sua cabeça, fazendo um enorme corte fazendo ele entrar em duas partes..

Mais.. daí.. ah.. me sinto tão fraco... quando vejo.. minha visão escurece..

Pvs Kurilin

Dps da atitude pulsativa de Goku, ele desmaia em sua forma realística.. Eu fui até ele, o pequei, e o levei até o acampamento.. Kiabe já estava lá.. ele não era provisório.. mais sim um aprendiz!

Eu levei ele ao primeiro quarto da direita.. e o coloquei na cama.. chamando atenção de todos, principalmente a atenção do Príncipe...

E ele mesmo....  o Príncipe mais temível de todos.. estava lá, junto a mim.. ficava lá.. olhando o Goku com ódio..

- então esse é o filho de Bardock?- ele me pergunta sentando ao lado de Goku, que eu logo faço um sim com a cabeça..- hum.. vc sabe muito bem, que eu odeio pessoas dessa laia! Só não o mato agora, pq eu estou com vontade de matalo quando ele está indisposto.. e outra, saia daqui.. Eu irei falar com esse inútil..- ele me disse a me ameaçar com esse olhar mortal..

Eu saí dali.. confiando em meus instintos de guardião..

  Pvs Vegeta

Aquele inútil anão saiu da sala..

Esse verme.. e igual o pai.. Droga!

- ei acorde Kakaroto!- o chaqualio sem respostas.. merda..- ande! Eu querooo treinaaarrrr!- falei o arrastando da cama.. oque não surgia efeito..- verme..- disse baixo..

Coloquei o soro em seu pescoço e aveias.. pq estou ajudando tanto esse verme? Afinal.. não sou muito amigável.. oque está dando em mim? Só em olharlo.. meu rosto queima! Grrr..

- ACORDA!- falei agora mais forte..

Peguei e lhe dei um tapa.. o fazendo gemer um pouco.. huhhmm.. esse rosto, macio.. sempre.. hahmm.. e tão legal sentir uma coisa tão macia.. nunca.. nunca toquei em nenhum rosto.. além de minha mãe..

Meus olhos ardem.. uma lágrima escorre por meu rosto.. DROGA! Eu o odeio.. odeio o que ele feiz a mim.. a minha irmã.. a minha mãe.. Droga.. que desgraçado!!!

Eu aliso sua face.. que estava vermelha..

Sinto um gemido vir de seus lábios..

- hummm..- ele feiz um gemido de manha..

Até quando, ele abre os olhos.. e não depara com ninguém..

Eu perpetuamente, me escondi atrás da cama.. Mais ele me viu.. Droga!

- eii! Eu te vi!- ele disse meio bobão..- sai daí..

- ah.. Droga! Vou indo!- falei sem graça..

Antes que ele podesse falar alguma coisa.. Eu deixei a porta fechada.. reparando que o anão ia vê-lo.. anão idiota.. da vontade de..

Que pera?

Tô com ciúmes?

Não.. nunca.. nem sei oque é amar deiz de criança.. e não quero aprender!

Falo deixando o punho fexando.. continuando andar..



Notas Finais


LEIA as notas do autor do começo do Cap, lá tem um avisinho muito importante para vs!

Humm pera? GINEE! Oque aconteceu com ela? 😣😯
Huhhh Veggie! Vai dentro que é sua! Ou.. seu! 🤣😍😍
Como assim Vege? Não sabe oque é amor? Oque seu pai feiz?🤔😖😭😱


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...