1. Spirit Fanfics >
  2. Appa? >
  3. Moon

História Appa? - Capítulo 21


Escrita por:


Notas do Autor


🥰🥰

Capítulo 21 - Moon


Fanfic / Fanfiction Appa? - Capítulo 21 - Moon

- Boa noite!

Saldou T.O.P, ao se aproximar de 2Mi, que sorriram.

- boa noite!

- tome. Veja se isso cabe no baby Taz.

Pediu ele entregando uma caixinha de veludo preta nas mãos de Miyeon, que no instante seguinte abriu o presente do filho.

- oh!

- o que foi?

- olha isso!

Exclamou a coreana com um olhar brilhante e, depois estendeu a pequena caixa de veludo preta para Minnie, que logo observou cada detalhe daquele presente. O mimo era uma linda pulseira de prata e fios de ouro, supostamente a jóia infantil foi encomendada. Já que tais peças como aquelas eram trabalhadas à mão, tornando-as únicas e exclusivas.

- wow, isso é lindo! Deve ter custado uma fortuna, senhor.

- fico feliz que tenham aprovado o presente do Ten.

- sim. Ele agradece pelo presente, não é garotão?

- dadada!

- viu, ele disse obrigado.

- disponha.

Falou o coreano apertando levemente a mão gorducha do pequeno Ten, que sorriu mostrando alguns detinhos já nascidos. Então Miyeon pegou uma taça de champagne e um talher, chamando a atenção dos convidados, enquanto batia o talher na taça. Após notar que os convidados estavam todos voltados à ela, a ela olhou para Soyeon e depois passou para os pais biológicos da mesma, e em seguida se manifestou.

- por favor, peço-lhes um momento de sua atenção.

- ihhh... lá vem discurso!

Sussurrou Lisandre para si mesmo, mas não baixo o suficiente para se livrar de uma cotovelada na costela dada por sua esposa, Kim ChungHa.

- então...

Começou Miyeon olhando os convidados da festa de aniversário do pequeno Ten, que agora se encontrava no colo do avô paterno e, observava tudo ao seu redor.

- como alguns de vocês devem imaginar o motivo dessa festa, eu...

- desembucha logo, coelhinho da Páscoa!

Gritou Yeh Shuhua com um sorriso zombeteiro, fazendo a Cho rolar os olhos, supostamente estava tentando manter a calma depois de ter sido interrompida.

- cala a boca, mochi do Paraguai!

Rebateu Miyeon com uma carranca de irritação formada em seu rosto e por fim, tomou continuidade no seu breve anuncio.

- enfim, o que eu quero dizer é que...

- Miyeon comedora de cenouras para presidente!

Exclamou Yuqi bem atrás de Shuhua, que bateu um high five com a prima.

Então sem mais nenhuma paciência com aquelas interrupções desnecessárias, Minnie tomou a frente do discurso da esposa, deixando-a ao lado do seus pais, que estavam com o pequeno Ten, no colo do patriarca dos Yontararak.

- já que alguns resolveram ficar de palhaçada, agora eu mesmo irei dar continuidade ao que minha esposa iria falar.

- ...

- bem, eu tenho duas notícias para compartilhar com todos vocês!

- e qual seria?

Perguntou Gong Yoo curioso, mas logo recebeu um tapa estralado no braço de sua esposa, Kim Go Eun.

- a primeira notícia é que as agências do NIS, MSE, MSS, CIA e a Interpol, conseguiram finalmente encerrar o caso mais complicado. O caso que ficou conhecido como o sequestro da herdeira dos Jeon-Lee.

Anunciou Minnie para seus convidados, pois a maioria que estavam ali, eram agentes secretos. E todos ali comemoraram. Após o momento de festejo, Miyeon encarou os Jeon-Lee novamente e, tomou à frente outra vez da situação.

- e a segunda notícia é um pouco mais delicada, mas talvez tenha uma final feliz.

- como assim?

Questionou Soyeon confusa com as notícias de 2Mi sobre o encerramento do caso do sequestro da herdeira dos Jeon-Lee.

A herdeira, que sempre foi ela e não descobriu à tempo de conviver com sua verdeira família. Logo Miyeon olha mais uma vez para os Jeon-Lee, que assentem com a cabeça, como se estivessem lhe dando coragem para soltar a bomba em cima da rapper.

- há algumas horas atrás, minha esposa ligou para os Jeon-Lee, convidando-os para a festa de aniversário do Ten.

- espera! Eles estão aqui? Os meus pais biológicos estão na festa?

- sim, eles estão.

- e onde eles estão? Eu quero conhecê-los!

- mas você já os conhece, Yeon.

Respondeu a Cho, causando um impacto maior no coração de Jeon, que arfou de emoção e total descrença. Como assim, eu já os conheci? Será que eu sou tão lerda ao ponto de não reconhcê-los?, pensou Soyeon se perguntando para si mesma.

- o quê?!

- é exatamente isso o que você acabou de ouvir.

- mas como é possível?

- talvez seja pelo simples fato de que nós não fomos apresentados corretamente.

Disse uma voz masculina atrás de Soyeon, que se virou rapidamente para a direção daquele tom e, logo ela reconheceu o rosto detrás do homem mascarado. O mesmo que se esbarrou com ela há horas atrás, e que na verdade seu pai biológico, Jeon Seung Hyun, ou simplesmente T.O.P.

- Então vocês são os...

- sim, nós somos seus pais.

Afirmou ele sorrindo para Soyeon, que o surpreendeu com um abraço repentino e, deixando todos ali, emocionados com aquela cena.

- meu Deus! Isso é tão...

- surreal?

- sim, eu nem sei o que falar.

- não precisa, amanhã nós podemos combinar um encontro em família, o que acha?

- sério?

Inquiriu Yeon outra vez, mas agora sorridente com a proposta de seu pai.

Meu pai! Ah, como isso soa estranha, mais ao mesmo tempo gostoso de se falar..., pensou a rapper. Ela estava bastante animada para saber um pouco mais sobre seus verdadeiros pais e, também conhecer sua irmã caçula, Olivia.

- sim, se quiser, é claro.

- lógico que eu quero! Combinaremos sim, sem dúvidas.

- ótimo!

Logo após a bomba ser detonada, o aniversário ocorreu tranquilamente e, alguns convidados foram para à área das piscinas, supostamente para tomarem um pouco de ar fresco, depois da imensidão da segunda notícia, deixando um grupo familiar mais próximo de 2Mi.

- nossa, que situação mais louca...

Disse Gong Yoo embasbacado com tudo aquilo, mas logo foi interrompido por uma Aisha, que sorriu zombeteira.

- aeee, Tanghulu! Já não bastasse ser filha do Goblin, agora é nora do T.O.P, hein?

- AISHA!!!

Protestou Yuqi vermelha de vergonha pelo comentário da melhor amiga, que gargalhou.

- ué, eu só disse verdades.

- mas não precisava ser na frente de todos, caramba!

Ralhou Yiren olhando para sua namorada e, esta abaixou a cabeça. Talvez pelo fato de ter se tocado da bobagem que ela falou.

- foi mal aí, girafa chinesa.

- é bom mesmo.

- oh!

- o que foi, Yeon!

- eu quase esqueci do presente que nós compramos para o pequeno Ten.

- ah, claro!

Disse Yuqi tateando seu smoking e, em seguida em tregando um embrulho luminoso nas mãos de 2Mi, e por fim se manifestou.

- espero que o tamnho sirva nele.

- uhum, quer ver, meu prícipe?

Questionou a coreana fitando para seu herdeiro, que deu um gritinho contagiante, como se dissesse: O que está esperando?

Então a agente do NIS abriu o embrulho do presente e gargalhou assim que viu do que se tratava.

- olha só, meu lindo!

- dadada...

- eu sei que você gostou, meu amor.

- será que cabe?

- sim, é do tamanho certo.

- hm...

- mas onde você encontrou?

- tenho meus contatos...


Notas Finais


Qual será que foi o presente do Ten dessa vez? 🤔


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...