1. Spirit Fanfics >
  2. Appearances (imagine Jeon Jungkook) >
  3. The power that dwells in me

História Appearances (imagine Jeon Jungkook) - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpem a demora amoresss. Espero que gostem, até as notas finais.♥️

Capítulo 7 - The power that dwells in me


Fanfic / Fanfiction Appearances (imagine Jeon Jungkook) - Capítulo 7 - The power that dwells in me

|s/n|

Meu corpo todo doi, sinto minha cabeça latejar fortemente. Abro meus olhos lentamente e sinto meus sentidos mais aguçados. Consigo ouvir o barulho das folhas de mexendo do lado de fora e o som da brisa leve que entra pela janela.

Levanto da cama e ligo o abajur, olho ao redor e vejo Yoongi encostado no chão com os olhos abertos. Corro até o mesmo e o abraço forte arrancando uma risada do mesmo.

-Você se sente bem Yoon?_ele passa a mão pela minha bochecha e sorri.

-Estou ótimo graças a você. E você? Deve estar se sentindo ótima, não é?_sento ao seu lado pego na sua mão.

-Sim, me sinto ótima! Parece que meus sentindos aumentaram muito, é como se as coisas estivessem mais próximas de mim._olho sua mão e vejo uma tatuagem de rosa na mesma._oque é isso na sua mão? Não sabia que tinha feito tatuagem.

-Essa marca representa uma ligação entre guardião e protegida. Foi feito quando seu corpo estava em processo de adaptação. E você me escolheu para protege-la.

-Então eu fiz a melhor escolha._ele deita sua cabeça em meu colo e eu acaricio seus cabelos._e o lobo? Pra onde ele foi?

-Eu falei umas verdades para aquele lobo mimado, provavelmente ficou doído, então decidiu ir embora. Mas não se preocupe, ele vai voltar.

-Sinto que ele está perto, mas que está chateado._olho meu braço direito e vejo uma tatuagem de pulseira no pulso._e essa marca? Pra que é?

-Almas gêmeas._ele diz baixinho._mas é provisória, você pode não querer ficar com ele ou vice e versa.

-Mas...se somos almas gêmeas, não poderíamos ficar sem um ou outro não?

-Tecnicamente sim. Mas elementais tem um senso maior de independência, apesar de sofrerem, nenhum dos dois morreria pela falta do outro.

-Entendi..._acaricio seu braço levemente._por que ele atacou você?

-Ciúmes. Ele é um lobo muito novo, não sabe controlar totalmente seus instintos, provavelmente um pouco mais jovem que você.

-Então eu sou uma loba elemental?

-Não posso afirmar que sim, pois sou apenas um Beta. Mas é bem provável.

-Como eu posso saber isso?

-Você pode perguntar para o lobo branco.

-Não! Ele não é confiável Yoon, ele machucou você.

-Olha. Sei que ele parece bem infantil, mas você não precisa confiar nos seus instintos divinos. Foi isso que ele lhe disse quando se conheceram?

Na verdade não. Esse instinto, disse que estar perto dele era a melhor sensação que eu poderia ter. E todas vez que eu olhava em seus olhos, pudia sentir coisas inexplicáveis correrem pelo meu corpo e dele. Mas circunstâncias fizeram eu acreditar em quem demonstra confiança, não em quem a exala. O lobo branco queria machucar o Yoon, e o Yoon sempre foi o único que eu podia contar. Preciso conhecer melhor esse lobo antes de poder aceita-lo como meu.

-Não, não foi._olho para o teto do quarto e fecho os olhos.

-Então...de uma chance a ele. Você passará, apesar de menos, pelas mesmas coisas que ele.

-Como posso chamá-lo?

-Bom vocês tem uma ligação, mas ela seria muito fraca para comunicação._ele se levanta e vai em direção a cama pegando um livro verde de lá._Mas, você é uma Deusa, pode se comunicar com toda a natureza.

-E como eu faria isso?_levanto e fico ao seu lado.

-Feche os olhos, sinta o vento bater contra o seu rosto. Imagine na sua mente aquele que deseja chamar e ponha a mão aqui._diz apontando pro meu coração._deixarei vocês a sós. Qualquer coisa de errado eu sentirei e virei até você._ele deixa um selar em minha testa e caminha até a porta._apenas sinta s/n.

Após bater a porta, sento na cama e fecho os olhos. Me concentro na brisa que bate no meu rosto e visualizo a imagem do lobo, ponho a mão no peito e sussuro " venha até mim ".

Fico uns 2 minutos a mais assim e sinto uma respiração perto de mim, abro os olhos e me assusto com seu rosto tão perto do meu. Afasto um pouco e recomponho-me.

-Quero me desculpar com você._ele fita o chão e senta-se nele._eu nunca...senti isso, sabe? Não consigo mais controlar meu lobo quando estou junto de você. Eu não quero que você me rejeite._ele faz um biquinho e me olha._A nonna me desculpa?_riu fracamente e ele inclina a cabeça pro lado sem entender. Levanto da cama e sento em frente a ele.

-Primeiramente._pigarreio._qual é seu nome?

-Meu nome é Jeon Jungkook. O seu é s/n , não é?_pergunta sorrindo.

-Sim._desviu o olhar um pouco nervosa e mordo os lábios.

-Você tá bem?_ele se inclina em minha direção mais eu me afasto no reflexo._oh, desculpe._ele baixa o olhar._tem medo de mim?_olho pra ele e vejo que o mesmo tinha um brilho triste nós olhos.

-Não, na verdade._mordo o lábio novamente e ele pousa o olhar na minha boca ._É que eu não sou acostumada com pessoas que são muito íntimas de primeira. É preciso se conhecer antes entende?

-Mas você não sente esse impulso? Essa vontade de sempre estar perto?

-Não tanto, mas sinto._ele me olha e suspira.

-Você ainda está em início de transformação, logo logo vai sentir o mesmo.

-Falando nisso, foi por isso que lhe chamei.

-Pra saber se era uma elemental ou uma loba normal?_percebo em seu tom de voz uma certa tristeza. Sinto meu coração se apertar um pouco.

-Também. Mas...você poderia me tirar essa dúvida?

-Elemental, uma ômega lúpus elemental. Mas como é metade Deusa, seu cio acontecerá poucas vezes, porém serão intensos._arregalo os olhos e ele me olha confuso.

-Cio? Como assim? Pensei que isso só fossem histórias._ele ri e eu fecho a cara._por que está rindo?

-Você é fofa._sorri parecendo uma criança._Não são só histórias, ômegas e alfas tem cios. E os dos lúpus elementais são os mais intensos e duradouros.

-Eu não quero ter que sentir dor com isso.

-Não vai sentir dor. Você é minha fêmea, pode passar o cio comigo._levanto rapidamente e escuto ele rindo.

-Nunca! Nem conheço você direito._viro em sua direção e dou de cara em seu peito.

-Mas irá conhecer._enlaça minha cintura e chega perto do meu ouvido._e aí você vai mudar de ideia._me arrepio e ele ri se afastando._por enquanto eu espero você. Era só isso que você queria?

-Não. Queria saber como me encontrou também._ele vai em direção a cama e senta.

-Eu sempre vim por aqui, é um bom lugar pra se pensar, gosto de vir para ficar só e longe das responsabilidades e obrigações de minha tribo._ele olha pra um ponto fixo parecendo reviver o dia._naquele dia não foi diferente, eu vim aqui pra relaxar, só que...eu senti um cheiro...um cheiro muito bom._seu olhar vai até o meu e ele sorri._então eu segui esse cheiro e foi aí que eu te vi pela janela.

-Mas... só pelo cheiro você sabia que era eu?

-Nenhum cheiro de fêmea me atraiu em todos esses anos. E meu lobo gosta de ficar perto de você._diz com um sorriso fofo.

-Er..._pigarreio sem graça._você sabe por que aquele lobo queria me atacar?

-Não faço a menor ideia, mas sei que ele é da tribo do líder Hoseok.

-Hoseok?_lembro do homem em meu sonho. Será que ele me encontrou e quer me matar? Preciso falar isso para o Suga, é muita coincidência pra ser verdade.

-Ah, desculpe por assustar você. É que nós lobos, assim que encontramos nosso parceiro ficamos juntos e nos marcamos._levo um leve susto pela fala repentina e deixo meus pensamentos de lado.

-Tudo bem. Só quero que entenda que eu vivi com humanos, e humanos não fazemos isso.

-Certo._ele se levanta da cama e estica seu braço esquerdo._mas você me escolheu, então sabe que pode confiar em mim._ele sorri e eu retribuo o sorriso.

Algo me diz que eu posso confiar nele, mas eu ainda tenho dúvidas quanto aos meus poderes e origens. Preciso resolver essas questões antes de entrar em um relacionamento. Também nunca estive em um relacionamento antes, tenho um pouco de medo de fazer tudo errado.

-Tenho que ir. Estou sentindo que o beta está inquieto.

-Deveria pedir desculpas a ele._falo cruzando os braços._e o nome dele é Min Yoongi.

-Mas nonna, ele tem que entender que eu não consigo controlar isso. Preciso de tempo._ergo uma sombrancelha e o encaro._tá, tudo bem.

Abro a porta e olho ao redor. Yoon estava do lado da segunda porta do corredor mexendo no celular e com um fone. Vou até o mesmo e retiro um fone de seu ouvido.

-Tudo bem por lá? Ele já foi?_pergunta desligando o celular.

-Sim. Foi tudo bem, mas quero que você vá lá, ele precisa falar com você._ele me olha com a sombrancelha erguida, mas me segue.

-Você é elemental?_paro na metade do caminho e viro pra ele.

-Ômega lúpus elemental._ele abre a boca em surpresa e fica uns segundos parado, sem falar nada.

-Ah._ele entra pela porta e eu entro logo em seguida.

Jungkook estava andando de um lado para o outro, parecia bem nervoso. Assim que ele olha Yoongi, sua cabeça baixa e ele coça sua nuca.

-Você me desculpa hyung?_olho pro Suga e o mesmo olhava pra Jungkook.

-Tudo bem, você ainda é um garoto que não aprendeu a controlar seu lobo. Eu entendo._Yoongi sorri e Jungkook, a passos rápidos, vai até o mais velho e o abraça tão forte que o tira do chão.

-Obrigado hyung.

-Tá, me solta porra._Yoongi se debate nos braços do maior e ele o solta com um grande sorriso semelhante a de um coelho.

-Eu preciso ir agora, infelizmente. Se a nonna precisar de mim sabe como me chamar._ele pisca e sorri._xau hyung, xau nonna._ele vem até mim e sela minha bochecha. Após isso, ele corre até a janela e pula. Yoongi olha pra mim e sorri, retribuo o sorriso e abraço o mesmo.

-Ele parece uma criança, combina com você._riu e me solto do mesmo.

-Ei, tá me chamando de criança?_ele ri.

-Só um pouco, você sempre vai ser uma criança pra mim._sorriu e ele vai até a cama.

-Oque faremos agora?_ele pega o livro verde novamente e folheia.

-Que tal treinarmos um pouco, Deusa da Terra?_fala parando em uma página e erguendo uma sombrancelha.

-Claro beta lúpus._falo erguendo minha sombrancelha também._por onde começaremos?

-Respiração e golpes básicos de defesa._ele se levanta ficando em minha frente, ele movimenta seu braço direito para um soco, porém eu desvio._bons reflexos, vai ser moleza pra você._ele caminha em direção a porta com o livro verde e a abre.

-Aonde vamos?_falo o seguindo.

-Você  verá.


Notas Finais


Gentee não saim de casa viu? Lavem as mãos. Bjz♥️

Vejam minha outra fic:

https://www.spiritfanfiction.com/historia/the-badboy-imagine-park-jimin-18480363


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...