História Aprendendo a Amar. - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Bickslow, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Igneel, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel
Visualizações 46
Palavras 1.130
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá! Como vão? Tenho estado animada. Obrigada!

Agradeço os novos comentários! ❤️😘

Vamos ao capítulo?

Capítulo 27 - Comemoração.


Fanfic / Fanfiction Aprendendo a Amar. - Capítulo 27 - Comemoração.



Marcaram de se encontrar na casa dos albinos. Todos já tinham chegado, inclusive Levy e Gajeel, que haviam negado o pedido.

- E se fizéssemos a festa aqui?- Laxus diz meio preguiçoso sentado no sofá.

- Mas não temos nada.- Mira argumenta.

- Podemos ir comprar bebidas e petiscos.- Laxus diz ainda preguiçoso e sentado.

- O que acham?- Mira questiona o pessoal.

- Por mim tudo bem, já estamos aqui e prefiro não me cansar hoje.- Lucy diz se sentando.

- Tem razão, acordamos cedo hoje e nós quatro temos um encontro amanhã.- Natsu diz para o pessoal.

- Então vocês venceram. Quem vai comprar?- Lisanna pergunta meio desanimada, pois queria sair.

Após dividirem tarefas, parte do grupo sai enquanto a outra parte arrumava o lugar para o melhor aproveitamento do espaço, pois Lisanna insistiu que fizessem uma pista de dança.

Quando o pessoal voltou com as compras, rapidamente eles organizaram o que faltava e a festa começou.

A campainha tocou, era um garoto da escola que era vizinho deles.

Ele veio pedir açúcar e viu a festa, Lisanna falou que ele podia entrar, mas o garoto estava com um grupo em casa e acabou trazendo o pessoal junto para a festa.

De um momento para outro a festa saiu do controle, parte do pessoal da escola estava lá.

- Como que virou tudo isso?- Lucy questionou Lisanna.

- Não sei, mas parece até que a gente saiu e estou gostando disso!- a albina falou rindo e saiu para encontrar com Bickslow.

O pessoal dançava e conversava.

Erza e Jellal aproveitaram a confusão e se aproximaram para conversar, pela primeira vez Jellal chegou nela como garota e não só amiga. Em meio a conversa Erza flertava com ele, mas dessa vez ele correspondia. O clima ficou tenso entre eles, mas não chegaram a se beijar.

Gray aceitou conversar com Juvia, afinal era muito melhor ficar com ela do que ser obrigado a ficar negando conversas com outras garotas. Juvia até o convenceu de dançar com ela, depois disso ninguém quis falar com nenhum dos dois, pois eles estavam quase se beijando no meio da pista.

Natsu também chamou Lucy para dançar, ela aceitou e eles ficaram analisando um ao outro durante a dança, Natsu admirando ela, Lucy cedendo aos encantos do garoto. Ficaram entre danças e conversas animadas e divertidas, os dois até sentiam suas barrigas doerem de tanto rir.

Lisanna e Bickslow se divertiam, dançavam, sorriam e se beijavam, parecia que eles nunca mais teriam outra festa, era o casal mais animado e mais doido da festa

Evergreen e Elfman ficaram no quintal, Elfman não queria que ninguém descobrisse a piscina e aproveitava para ficar com Eve enquanto isso, eles ficavam entre se beijar, conversar, brigar entre si e brigar com os outros.

Mira e Laxus não gostaram muito da bagunça, tentaram fugir da multidão após um tempo e ficaram conversando no topo da escada, evitando que as pessoas subissem para os quartos. Às vezes eles se beijavam.

- Acho que vocês precisam de um quarto.- Gajeel diz encarando o casal na escada.

- Você está bem?- Laxus percebeu que talvez alguém tivesse trazido álcool.

- Estamos bem, mas queremos um lugar mais silencioso para conversar, podemos ir até o corredor?- Levy diz ao lado do moreno.

- Só no corredor?- Laxus os encara.

- Quer saber, deixa. Vem, já sei onde vamos conversar.- Levy diz e puxa Gajeel para andar.

- Espera! Podem subir.- Mira diz antes deles chegarem ao final da escada.

Os dois sobem e sentam no corredor em frente ao quarto de Lisanna.

- A última vez que estivemos aqui foi mais ou menos assim.- Levy diz encarando a porta.

- Eu também estava bravo.- Gajeel concorda encarando a porta.

Os dois estavam meio alterados pela bebida, pois já que não podiam conversar eles beberam, mas acabaram se trombando e resolveram conversar.

- Quem quer falar com quem?- Gajeel perguntou.

- Os dois com os dois.- ela diz e eles começam a rir, mas param.

- Eu gosto de você e queria muito ser seu namorado.- Gajeel diz, mas não se olham.

- Eu não queria namorar, ainda tenho escola para terminar e faculdade para cursar.- Levy argumenta.

- Você promete que pelo menos vai lembrar de nós com carinho?- Gajeel pergunta e a olha, mas ela não o olhou.- Você sempre será parte de mim e terá um pedaço do meu coração com você. Não ficaremos só.- Gajeel completa.

Ele falava quase no ouvido dela, Levy arrepiou com a voz e o leve vento que saiu dos lábios dele. Ela pensou em como tinha se rendido desde o primeiro dia, ela normalmente só beijava depois do segundo ou terceiro encontro, se eles acontecessem.  Gajeel começou a se arrumar para levantar, afinal ela não dava resposta. Foi aí que ela se deu conta de que os dois estavam apaixonados, mas ele não estava criando barreiras. Eles estavam aprendendo a se gostar e se entender.

Antes que Gajeel levantasse ela o puxou e o encarou.

- Sei que eu sou complicada, tenho sido distante e parece que isso acabou, mas essa é uma decisão que cabe a mim e após pensar a semana toda e agora.- Levy o olhou profundamente- Não estou disposta a deixá-lo ir.- ela diz firme e séria.

- O que faremos?- Gajeel diz a encarando de volta, sentindo sua respiração.- Você vai namorar comigo Baixinha?- ele diz e aproveita para aliviar o clima.

- Sim. Não podemos perder a melhor relação que teremos em nossas vidas, Brutamontes.- ela diz se aproximando mais e dá um selinho e se afasta, ele rouba um também, eles trocam mais um cada um, esperando quem desistiria primeiro, mas no fim os dois selaram seus lábios juntos.

Um beijo quente, Levy o abraçou pelo pescoço e ao tentar se aproximar mais acabou os derrubando, deram um pequeno riso antes de voltarem a se beijar. Gajeel segurava a cintura da garota, não apertava por respeito ao limite de sua sanidade, mas Levy parecia ter esquecido onde estavam.

Ao se separarem voltaram a sentar lado a lado, mas não pararam para conversar.

- Temos que pôr em dia nossa cota de beijos.- Levy diz rindo.

- Concordo totalmente.- Gajeel diz e voltam a se beijar.

Após mais três, eles decidem descer de volta para a festa.

- Obrigada por nos conceder um pouco de paz.- Levy diz passando pelo casal na escada.

- De nada e - Laxus os encarou- Mãos dadas?

- Estamos namorando.- Gajeel diz simples e eles saem andando.

- Que práticos, acho que cansaram do drama.- Laxus brinca.

- Eles devem ter descoberto as vantagens de um namoro.- Mira diz divertida e beija Laxus dando uma leve mordida no lábio inferior do garoto.

- Quais vantagens?- Laxus questiona.

- Ninguém pode achar ruim se trocarmos um beijo, pois somos namorados e temos essa liberdade.- Mira diz sorrindo.

- Isso é verdade.- ele ri.

A festa continuou até que o pessoal cansou de não poder subir ou usar a piscina e os comes e bebes acabarem.




Notas Finais


É isso, não durou muito, Levy cedeu aos encantos de Gajeel...

Obrigada pelo carinho!
Até o próximo! BjoOs! 😘😘😘💕❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...