1. Spirit Fanfics >
  2. Aquário >
  3. Capítulo único

História Aquário - Capítulo 1


Escrita por: e minsguru


Notas do Autor


oi, anjos! tudo bem? hoje nós temos uma StudioGhilbi!au e é bem fluffy! boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo único


O verão estava aqui, 32 ºC na maior parte da semana, clubes com piscinas e sorveterias no auge de seus lucros pelo ano. Agora, com as crianças de férias, as viagens para as praias eram o que todos tentavam adquirir, deixando a cidade grande quase vazia. Mas, nem todos decidiram viajar, e estamos falando da família Kim. 

O pai, que no momento está solteiro, Kim Ki-Bum e Kim Yeri, sua filha de 4 aninhos, passeavam pelo aquário da cidade pela terceira vez no mês. Era a tradição de família visitar o local todo o ano durante as férias, sendo a escolha da criança qual corredores visitariam daquela vez. Sempre gostava de assistir os peixinhos, peixes grandes e qualquer coisinha que era colorida ou se mexia. 

— Papai! Ali! — A menininha gritou, correndo em direção ao vidro — Ela está aqui! 

— Está sim, meu amor. — O pai riu, vendo o brilho no olhar da criança. 

A menor estava próxima ao vidro, com as mãozinhas abafando a superfície transparente. Os olhinhos brilhavam e passeavam pela cena azul em sua frente, procurando a peixinho-dourado que mais gostava de assistir. Era uma das maiores ali dentro, suas cores sendo as mais brilhantes dentro da colônia. Parecia sempre lembrar da menina, já que passavam um longo momento na mesma posição, assistindo uma à outra, ou a peixinha querendo mostrar algo novo em sua casa. 

— Papai! Olha! — A pequena pulou no lugar. — Ela virou mamãe! 

— Mamãe? — O homem ajoelhou-se ao lado da pequena, procurando os pequeninos ali dentro. 

— Sim! Olha ali! 

A felicidade da garota era contagiante, deixando o pai extremamente feliz em ver sua princesa orgulhosa de sua amiga. Saber que um peixinho pode ser tão encantador é algo maravilhoso, e ver a felicidade que ela trazia para sua família era uma ótima sensação. 


[...]


Durante a noite não estava tão quente e a tempestade caindo fora da casa ajudava bastante em trazer um clima bastante agradável. A criança estava no quarto, trocando de roupa depois de passar tempo demais no chuveiro. Ainda sim, se divertia podendo escolher o pijama de estrelinhas que brilhavam no escuro. Saiu do quarto, correndo para a sala, vendo seu pai colocar uma colher de mel em uma caneca do garfield. 

— Esse é para mim? 

O homem sorriu para a vozinha doce, chamando para que ela se sentasse ao seu lado. Pegou a caneca em suas mãozinhas, assoprando o leite quente enquanto prestava atenção no desenho da TV.

— Ei, querida, eu tenho um presente para você —  A frase chamou a atenção da criança, que formava uma feição surpresa e exagerada. — Feche os olhos. E não espie!

Obedeceu a ordem e tampou o rosto, sendo pega no colo rapidamente. Cinco passos dali, o pai parou, dando um tapinha no ombro da filha, mostrando a surpresa em seu lado esquerdo. 

— Ponyo! —  Gritou surpresa olhando para o vidro, que estava no meio da prateleira de livros da sala. —  É a Ponyo, papai!

— Sim, querida, ela é parte da família agora.

O grande retângulo de vidro era bem iluminado, permitindo que a peixinha se divertisse. As cavernas que imitavam o cenário de Bob Esponja eram cobertas pelas plantinhas que balançavam na água.

As corridas de energia e felicidade duraram pela noite, a pequena irradiando a energia positiva durante toda noite. Todos estavam felizes e animados, o peixinho no aquário perfeitamente decorado, a menina admirando as luzes que coloriam a água e o homem com 250 reais a menos na carteira para que Ponyo chegasse em casa em segredo. 


Notas Finais


Obrigada @traquinasx pela capa! E obrigada @_minmin_ pela betagem <3 espero que vocês tenham gostado, amores. não é o meu maior trabalho, claramente, mas eu diria ter a minha essência favorita de Ponyo, que é o carinho e amor inocente retratado no filme. eu amo vocês!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...