1. Spirit Fanfics >
  2. Aquela noite >
  3. Respire

História Aquela noite - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Olá pessoas, aqui está o terceiro capítulo, boa leitura.

Capítulo 3 - Respire


[JOEY ON]

Você lembrou? – Monica pergunta me olhando preocupada.

Eu estava sem saber o que fazer, só peguei seu braço e á levei para um quarto vazio, para que pudéssemos conversar a sós. Eu tranquei a porta e quando ela ia falar alguma coisa, eu fiz um sinal com o dedo falando para ela ficar quieta.

- Nós transamos - Eu disse uns segundos depois quebrando o silêncio.

- Nós transamos - Ela repetiu.

- Mas... e agora? O que vai acontecer? - Pergunto olhando preocupado para ela, Monica não disse nada, ficamos quietos por minutos, minutos longos.

- Não sei... - Ela disse minutos depois - Mas não quero que essa noite acabe com nossa amizade. Foi bom, claro, mas nós dois estávamos muito bêbados e não sabíamos o que estávamos fazendo - Disse Monica

- Sim. Então acho que nós devíamos esquecer que essa noite aconteceu, e seguir com nossas vidas normalmente, certo? - Digo esperando sua resposta.

-Certo - Diz Monica, indo até a porta e a destrancando, saindo do quarto e me deixando sozinho.

[MONICA ON]

Depois de sair do quarto, eu estava me sentindo aliviada, muito aliviada. Fico feliz de Joey ter dito isso, dito para nós continuarmos sendo amigos normalmente. Quando eu ia sair de perto do quarto e ir comer, senti que ia vomitar, eu coloquei minha mão sobre a boca e corri de volta até o quarto, abri a porta do banheiro, levantei a tampa da privada e vomitei. Depois disso, eu abaixei a tampa da privada e fui até a pia lavar meu rosto.

Eu saí do quarto como se nada tivesse acontecido, não deve ter sido nada, provavelmente foi a adrenalina que eu estava sentindo depois da conversa que tive com Joey, então não me importei com isso. Depois disso, fui ao meu quarto escovar meus dentes.

Depois de algumas horas, todos nós embarcamos no avião e voltamos para casa, eu estava feliz de voltar para Nova Iorque, assim podia tudo voltar ao normal, minha amizade com Joey seria a mesma de sempre, e eu estava com saudades da Phoebe.

Nós saímos do aeroporto, e pegamos um taxi para ir para casa. Quando chegamos em casa fomos todos abraçar a Phoebe, que levantou do sofá ao nos ver e foi nos abraçar também. Quando Phoebe me abraçou, eu senti outro enjoo, e fui correndo ao banheiro. Quando voltei, todos estavam curiosos.

- Mô, você está bem? - Perguntou Chandler me olhando preocupado.

- Sim, foi só um enjoou - Digo indo ao meu quarto antes que alguém fizesse mais alguma pergunta.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

Tinha se passado uma semana desde que voltamos a Nova Iorque. Eu e Joey estávamos conseguindo manter nossa amizade como ela era antes. Mas eu estava começando a ficar preocupada, porque desde que voltei de Londres, eu estava tendo muitos enjoos, e eu estava dois dias atrasada, e eu nunca atrasei na minha vida. Eu não podia estar grávida, não podia. Eu decidi ir comprar um teste de gravidez depois do trabalho. Rachel irá trabalhar até tarde, então não terei que esconder dela.

Eu tinha acabado de sair do trabalho, eram 18:00h, foi um dia horrível e muito cansativo. É incrível que todo mundo naquela sala parece ser surdo, ninguém me ouve. Mas enfim, eu fui até a farmácia para comprar um teste de gravidez, e como eu sou uma pessoa muito sortuda, encontrei Joey lá.

- Oi, Monica. O que você está fazendo aqui? – Pergunta indo até mim.

- Camisinhas! Acabaram lá em casa, preciso comprar mais – Falo a primeira coisa que veio em minha cabeça.

- Ata, já tem alguém para você dividir elas? – Pergunta em um tom malicioso.

- Ainda não, mas com certeza vai ter – Digo em tom malicioso também.

Depois disso, eu tive que realmente comprar camisinhas, porque o Joey decidiu ir comigo ao caixa, e óbvio que ele pediu para eu pagar para ele também. Quando nós chegamos no caixa, eu pedi para ele ir pegar absorventes, porque eu sabia que ele ia demorar, e daria tempo de passar a teste de gravidez antes dele voltar.

O caixa começou a passar as coisas na maior lerdeza do mundo, e ainda deixou o teste por último, eu tentei apressar ele, mas continuou a mesma lerdeza. Joey voltou e o teste não tinha passado pelo caixa ainda.

- Aqui seus absorventes – Disse me entregando o pacote.

- Joey, você pegou um pacote só com 5, eu preciso de um de 35 – Digo entregando o pacote para ele de volta.

- Mas você só fica uns cinco dias, não é? – Pergunta.

- Sim, mas eu uso mais de um por dia, vai lá por favor.

- Nossa, mas que desperdício usar mais de um, tá bom, vou lá procurar o maior – Diz indo procurar o pacote maior.

Quando eu olho para o caixa, ele já estava passando o teste, então eu começo a guardar as compra. Coloco os remédios que Joey pegou em uma sacola e o teste e as camisinhas em outra. Um tempinho depois, Joey volta ao caixa para me entregar os absorventes. O caixa passa e eu coloco na sacola com as minhas compras. Depois de pagar a conta, eu vou ao meu carro, e Joey vai comigo porque ele tinha vindo a pé.

Quando nós chegamos em casa, eu dou a ele a sacola com suas compras e cada um entra em seu apartamento. Quando vi que Joey já tinha entrado no seu apartamento, eu pego o teste de gravidez em minhas mãos e entro no apartamento olhando para ele. Quando levanto minha cabeça, eu tomo o maior susto quando vejo Rachel parada na porta de seu quarto.

- Rachel? Que susto! Você não tinha que trabalhar até tarde hoje? – Pergunto colocando a mão com o teste no peito, por causa do susto que levei.

- Eu ia, mas aí minha chefe disse que eu podia vir para casa mais cedo, esqueci de te avisar – Diz Rachel andando até a cozinha, pegando um copo e o enchendo de água – O que é isso na sua mão? – Pergunta apontando para o teste de gravidez.

- Não é nada – Digo correndo até o banheiro.

- Monica, isso é um teste de gravidez? Você está gravida? – Pergunta gritando muito alto.

- Fala baixo Rachel! Sim é um teste de gravidez, mas não sei se estou se gravida ainda – Falo a deixando de boca aberta.

- Você teve algum sintoma? – Pergunta se aproximando de mim.

- Eu estou tendo enjoos a uma semana e estou dois dias atrasada, e eu nunca atrasei na vida – Digo entrando em desespero.

- Calma Mô, faz o teste e se der positivo você pode entrar em desespero – Diz me segurando e tentando me acalmar.

- Ok – Falo indo até o banheiro.

- Mas antes, me responde uma coisa? – Me pergunta indo até mim.

- O que?

- Se você estiver mesmo gravida, quem é o pai?

- Rachel! Eu não vou te falar isso!

- Tá bom então – Diz se afastando um pouco de mim.

Vou até o banheiro, e faço xixi no palitinho, deixo ele na pia, lavo minhas mãos e vou para fora esperar com Rachel. Enquanto eu esperava, senti que foi o momento mais tenso da minha vida, mais até que o dia em que eu estava esperando Joey acordar. Minhas mãos tremiam e estavam muito suadas. Demorou só alguns minutos, mas pareciam horas. Eu fui ao banheiro para pegar o teste.

- Eu não vou conseguir olhar! Rachel por favor, vê para mim – Peço saindo do banheiro o mais rápido possível.

- Ok, deixa que eu vejo – Disse Rachel entrando no banheiro. Meu coração estava a mil, a cada segundo que passava ele batia mais forte. Rachel saiu do banheiro e colocou sua mão livre em sua boca. Eu estava com vontade de vomitar com toda essa tensão. Ela tirou sua mão da boca e olhou para mim.

- Deu... Positivo.


Notas Finais


Até o proximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...