1. Spirit Fanfics >
  2. Aquela pessoa. >
  3. S de saudade.

História Aquela pessoa. - Capítulo 67


Escrita por:


Notas do Autor


Oi lindezinhas 😍😍😍
Como vocês estão? Que sexta de carnaval mais triste né 🤔🤔🤔
Espero que gostem, qualquer coisa é só falar ok? Mas me contem o que estão achando da história se devo continuar ou não. A opinião de vocês é importante! 😘😘😘😘
Aproveitando a minha empolgação e colocando mais capítulos para as melhores do mundo!!! 😍😍
Spoliers: espere grandes emoções, mas por agora um cap super amorzinho pra vocês 💜💜💜
Ah, obrigada por não desistirem de mim 💜💜💜 💜💜💜

Capítulo 67 - S de saudade.


POR Henrique.

Acordei na manhã seguinte com a cabeça longe, mas quando passei a mão pela cama me dei conta que tinha um corpo enrolado ao meu e meu sorriso foi imediato, eu tinha acordado em minha casa, com a minha mulher e não tinha nada melhor no mundo do que essa sensação. Eu sempre acreditei que quando a gente ama alguém de verdade esse amor não se esquece, o tempo pode até passar, mas no peito o amor permanece; ficamos quase dois anos longe um do outro e nada foi capaz de aplacar esse sentimento. E qualquer minuto longe é demais a saudade atormenta, mas qualquer minuto perto é bom demais e o amor só aumenta. Vivo por ela e ninguém duvida porque ela é tudo na minha vida...eu nunca imaginei que houvesse no mundo um amor desse jeito, do tipo que quando se tem não se sabe que cabe no peito. Mas eu posso dizer que sei o que é ter um amor de verdade, eu tenho esquecido de mim, mas dela eu nunca esqueço. Pela minha Analu o amor é infinito, o amor mais bonito, é assim nosso amor sem limite, o amor é mais forte que existe. Quando lá no passado eu abri mão dela talvez tenha sido a coisa mais difícil que fiz na minha vida e eu tentei de todas as maneiras esquece-la e por um tempo eu pedi para que não me dessem notícias dela, mas o casamento dela com o Matteo acabou comigo eu chorei escondido por dias, mas eu entendi que a minha vez tinha passado.

E depois de tudo que passamos e de todas as feridas que em seu coração eu causei, não queria ser egoísta com ela, mas naquele dia eu liguei..., mas quando ela atendeu foi incapaz de dizer uma só palavra, mas escutar sua voz acalmou meu coração. Então eu desliguei decidido a esquece-la passei a dedicar meu tempo a Julia. Quando ela voltou foi como se eu pudesse respirar novamente, mas eu não queria me aproximar não por não ama-la e sim por não querer impor minha presença e o destino sendo nosso aliado colocou a Julia como peça chave na nossa aproximação e hoje somos a família que um dia planejamos. Fiquei ali parado observando o desenho do seu corpo, aquela barriguinha linda e não aguentei e comecei a beijar em segundos, meu pequeno príncipe.

_Aii papai você ta quentinho aí no forninho? O papai ta ansioso para te pegar no colo, para você conhecer sua maninha, e correr pela fazenda fazendo muita bagunça e deixando a mamãe louca. –Ri do que disse porque ele me entendeu e fazia movimentos dentro da barriga.

_O papai e os dois vai sim deixar a mamãe com o cabelo em pé já estou me preparando... –Eu falei ainda de olhos fechados. Eu acordei quando senti a mão do meu marido me fazendo um carinho, mas me mantive em silencio escutando a conversa dele com nosso bebê e eu ficava babando no pai babão que ele é. Sorte? Tenho sim, toda a do mundo.

_Você está acordada a muito tempo? –Dei um selinho nela.

_O suficiente para babar no melhor pai do mundo. Agora pode pedir pra esse menininho aquietar porque ta doendo minhas costelas...

_Ei cabrinha escutou a mamãe, vamos deixar ela quietinha um pouco já eu volto viu. Te amo filho. –Sentei mantendo a mão em sua barriga sorrindo. _Estou ansioso demais pra chegada dele, parece que não vou aguentar...

_Em menos de duas semanas ele vai estar aqui meu amor!

_Duas semanas que vai demorar mil anos para passar...

Estávamos conversando sobre o meu plano de parto e ele descordou da minha ideia de parto natural, pois, seu medo de que algo desse errado era gigante. Mas eu tinha indicação medica e só optaria pela cirurgia se acontecesse algo inesperado e a minha prima sabia disso, mas estava sendo uma luta convencer o meu marido a concordar comigo, na verdade a decisão era minha eu só queria ter o apoio dele afinal esse momento é nosso. Nós sonhamos tanto com esse dia e agora que está chegando eu custo a acreditar que conseguimos.

_Tudo bem Ana Luiza, mas qualquer coisa eu vou pedir a cesárea... –Falei bravo.

_Você sabe que não pode tomar a decisão por mim né? –Acho que essa era a hora de contar uma coisa que ele não sabia e tenho certeza de que ia odiar.

_Eu sei que o corpo é seu e a decisão é sua, mas sou seu marido e quero seu melhor! –Ela me olhou e eu não entendi.

_Henrique...você não pode decidir por mim mesmo que eu esteja impossibilitada de tomar uma decisão, você não pode fazê-lo por mim!

_Como assim?

_Eu tenho uma responsável medica legal! Essa pessoa tem uma procuração assinada por mim dando à ela todos os direitos a tomar decisões medicas por mim... –Fui diminuindo o tom de voz.

_Como é? –Eu não estava acreditando do que ela falava, eu acabei levantando da cama bravo. Andava de um lado a outro sem saber o que falar. _Porque você fez isso?

_Eu não queria que meu avô tivesse que fazer isso, acho que seria demais pra ele...

_Isso significa que pode revogar essa decisão? –Estava atento ao que ela iria falar.

_Posso, mas não irei fazer. E antes de dizer alguma coisa; eu não quero que você passe por isso. Imagina a situação você ter que escolher entre a minha vida e a do nosso bebê? Eu não quero que você se sinta culpado na escolha, eu sei que isso vai te destruir aos poucos e preciso de você inteiro para cuidar dos nossos filhos...

_Eu sei  que não vai acontecer nada, mas eu...

_Vamos deixar as coisas como estão, volta aqui estou com muita saudade acumulada... –Ele veio calmo até a cama e me deu um selinho. _Que beijo foi esse? Olha imagina se as pessoas que te chamam de “homão da porra” souber que não ta dando conta do recado. –Não me aguentei e gargalhei.

_Não me desafia doutora Ana Luiza Sobral Tavares... –Quando parti para cima dela alguém bateu na porta desesperadamente.

_Mamain, MAMAIN ABE AQUI PALA A JULINHAAAAAAAAAAA!

_Bença meu papai, cadê a mamain da Juju? –Dei espaço para ela correu até a cama e subiu e foi logo beijando a barriga da mae. _Bença plicesa da minha vida!

_Deus te abençoe minha princesa... –Ficamos naquele clima gostoso em família até a Julia dizer que estava com fome então descemos até a cozinha.

...

Eu estava com tanta saudade dos cafés da manhã aqui em casa, conversamos alegremente rindo dos gracejos da minha filha. Quando menos esperei a Vitoria chegou e eu fiquei em silencio, pois, eu não falava com ela desde o fatídico dia e sei que ela não é uma pessoa que libera perdão com muita facilidade e tinha medo do que ela poderia dizer na frente da Julia apesar dela ser uma pessoa responsável.

_Bom dia família... –Combinei com meu avô de tomar café com eles e quando cheguei encontrei o Henrique ali e ainda estava tão brava e decepcionada com ele que não queria papo tão cedo.

_Filha já estava achando que não vinha! –Eu conheço a Vitoria e sei o quanto essa menina é encrenqueira e com o Henrique ali fiquei atento a qualquer desvio deles.

_Desculpa vô, eu acordei bem tarde hoje...oi vó Lia como a senhora está?

_Estou bem filha, senta aqui que vou te servir... –Dei um beijo nela e quando fui me virar para pegar mais uma xicara ela segurou meu braço.

_Deixa disso eu me viro afinal estou em casa HAHA... –O café foi bem silencioso até a Julia puxar assunto comigo.

_Tia Vi, a senhola vai bincar com a Juju na piscina hoje?

_Será que devo? –Ela me olhou suplicando. _Claro que vou meu amor1

_Eba!!!!

A minha filha terminou de comer e pegou a Vitoria levando ela para colocar um biquíni e eu só observando as duas na maior intimidade, e por mais que nossa relação estivesse abalada eu confiava muito nela. _Vitoria você vai passar o dia aqui? –Ela me olhou assustada.

_Porque não posso? Aqui sempre foi minha casa e não é porque agora mora aqui que deixou de ser...

_Não precisa ser grossa...a casa é sua... –ela virou as costas revirando os olhos.


Notas Finais


Apreciem a leitura.
Volto assim que possível.😆😆😆😆
Obrigada por acompanharem a historia e por todos os comentários vocês são fodas.💜💟💜💟💜💟💜💟💜💟
Me contem o que estão achando ok? Seus comentários são importantes para eu continuar🤔🤔🤔
Beijos😘😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...