História Aquele dia em que tudo mudou - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Personagens Originais
Tags Pokémon
Visualizações 7
Palavras 851
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Cross-dresser, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


primeiramente pesso desculpas pelos ultimos caps serem tão pequenos,e tambem sei que o ultimo cap foi meio chato pra quem queria mais batalhas por isso sempre pesso para deixarem suas opiniões aqui nos comentarios pra eu sempre ir melhorando a fic

Capítulo 10 - Realidades e Ameaças


Narrador:sim eu voltei pessoas e no ultimo capitulo dessa história maravilinda nossos heróis conversaram pra caramba e não fizeram droga nenhuma alem de descobrir que o menino Peter deve ter faltado em aulas de geografia no passado agora veremos o que acontecera nessa jornada pokemon

Ta vendo cara eu te falei se tu parar com as piadinhas sem graça eu paro de te espancar  esaimos os dois ganhando 

Narrador:de nada chefin

(eles dão um abraço com uns tapinhas nas costas bem na Brotheragem)

P.O.V Peter

Tempo atual

Olhei para Aldith ela estava linda por mais que eu não quisesse adimitir se eu não fosse compromissado eu daria sim uma chance a ela mas isso não é hora de me levar pelas emoções tenho que apresentala aqueles três e deixar claro meus objetivos alem disso tinha outro problema aparntemente um bom pretendente a campeão e Diantha quer que eu batalhe seriamente contra ele,bom se a Diantha o aprovou não há por que eu não dar uma checada mas para isso tenho de deixar claro para Aldith que estou falando serio sobre ela ficar no meu time nessa provavel guerra

Minutos Depois

FInalmente o Elevador parou -Aldith - a chamei para um canto antes de entrarmos no restaurante

Quero deixar bem claro que é para você não ousar fazer nada contra minha prima e meus amigos,estamos entendidos? - Sim chefe - ela me responde com medo na voz,acho que peguei pesado demais mas ainda tenho de pegar mais pra ter certeza que ela não me traira
Entramos no restaurante e pude ver aqueles três cuchichando algo,essa sem duvida vai ser a parte mais complicada convencer a eles que eu "domei" a plasma mas isso teremos de descutir na mesa - Antes de irmos na mesa quero que me responda sabe me diser em qual mesa esta seu antigo alvo? - Ela me olha com uma cara confusa e passa os olhos por todas as mesas mas fica com uma interrogação na cara - Ela esta mesmo aqui? - me pergunta ainda com a mesma interrogação na cara,apenas peço que ela me siga e finalmente chegamos a mesa e ela me solta uma das maiores perolas que ouvi nos ultimos anos

P.O.V Aldith

Chegamos em uma mesa e de cara fiquei confusa vi uma garota muitissimo parecida com as fotos que o senhor Ghetsis passou para nós tinha de tirar isso a limpo para depois relatar a ele por hora tentarei coletar o maximo de informações - Vejo então que vocês hibridos tem realmente seus truques - após dizer isso ela olha para o "Chefe" com um olhar mortal e antes dela tentar algo o mesmo revela a realidade - Calma Teresa eles não sabem de seus poderes muito menos de como funcionam comprovei isso agora a pouco ela sem minha indicação não a reconheceu no meio dessas pessoas no restaurante - agora sou eu que o olho com uma cara de indignação, ja percebi que qualquer coisa que ele me perguntar terá um motivo maior por trás.

Inicia-se depois disso um momento com um silencio desconfertavel mas imagino que eu deveria ser a ultima a tentar quebra-lo

Segundos depois

Uma garota loira decide por fim fazer a primeira pergunta - Poderia nos dizer seu nome? - me surpreendi imaginei que seria ainda pior tratada do que era na plasma mais não ela me perguntou como se eu não fosse sua inimiga - Claro me chamo Aldith - ela apertou minha mão como se naquela mesa fossemos ter uma conversa civilizada e então foi a vez da hibrida que aparentemente se chamava teresa começar a falar - Bom Aldith serei direta com você diz ela com um tom ameassador não gosto de plasmas você ja deve imaginar o porque e gosto muito menos de você então para provar a esse babaca do meu primo que ele está errado quanto a você e assim eu poderei me livrar de você da melhor maneira possivel - eu a encarei de forma confusa não havia entendido o que ela quis dizer com essas ameaças mas eu que não gostaria de entender,e mais uma vez antes de eu pensar em a responder algo ela continua - isso quer dizer que quero batalhar contra você e seus pokemons e se eu ganhar você sai do grupo e eu te largo nua no meio do deserto - ela diz com um sorriso sadico na cara e antes de eu me defende-se o imbecil do "chefe" me intervem - calma nee chan tera sim sua chance mas sem sem nudes,de infrenta-la mas antes tera uma chance de conhece-la terei de voltar a kalos para ver alguns assuntos importantes e voltarei somente semana que vem nessa uma semana você nee chan a treinará para quando eu voltar termos uma luta "equilibrada" - ele fez aspas com os dedos, esse imbecil acha mesmo que sou tão fraca tadinho dele tolo iludido

 

e com esse pensamento acabamos esse cap e antes que me perguntem sim o proximo tera batalha e uma gigante e sera P.O.V da emily por isso ela não apareceu por aqui


Notas Finais


valeu ai quem esta acompanhando a fic e pesso que comente para eu ter uma ideia se melhorei ou não na escrita
e sim irei edita-lo depois


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...